Pesquisar
Close this search box.
/
/
Compras por assinatura: comodidade na porta de casa

Compras por assinatura: comodidade na porta de casa

Serviços por assinatura e compras recorrentes têm ganhado espaço na preferência do consumidor que não quer se preocupar com listas de compras

O mercado de compras por assinatura vem crescendo no Brasil. De acordo com uma pesquisa feita pela Vindi, plataforma de pagamentos online, metade dos consumidores brasileiros mantém entre seis e dez assinaturas de produtos e serviços e sete em cada dez pessoas gastam mais de R$ 100 mensalmente com elas.

Segundo o levantamento, a modalidade de serviços e produtos por assinatura cresceu 65% durante a pandemia. Além do crescimento da compra recorrente, cresceu a demanda por produtos e serviços personalizados com a comodidade de receber em casa.

Assine nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Um dos grandes diferenciais da modalidade de compra, explica Haroldo Matsumoto, sócio-fundador e diretor da Prosphera Educação Corporativa, “é muito simples, fácil receber o acesso tanto de um serviço ou produto, e o consumidor acaba tendo um preço mais vantajoso do que se comprasse avulso pontualmente”.

Assinatura traz previsibilidade e comodidade

A assinatura traz a vantagem de não haver necessidade de deslocamento ou de se preocupar com a compra recorrente dos itens assinados. se livrar da lista de compras. E para as empresas não é muito diferente. Os serviços por assinatura permitem cultivar um relacionamento de longo prazo com os consumidores, coletar feedbacks de qualidade e analisar a evolução do serviço.

“O primeiro passo é definir um plano de negócio, para compreender quem que é o público-alvo, quais são os produtos que serão oferecidos nesse serviço de recorrência ou assinatura”, enumera Matsumoto.

Os serviços compras por assinatura facilitam com que os consumidores experimentem uma gama de produtos mais diferente do que se comprassem individualmente. Para as empresas significa ampliar o mix de ofertas e garantir que a relação com o consumidor não caia na rotina.

Ainda, analisar os dados de um sistema de recorrência ou de assinaturas contribui para tornar a empresa mais lucrativa, inclusive para a expansão. Matsumoto reflete que “o desenvolvimento do negócio permite repensar a logística. É legal porque você consegue criar um plano de expansão”.

Leia Mais: A estratégia por trás dos dias de desconto do varejo global

Para Matsumoto, o empresário passa a ter um volume maior de compra e negociação, ela consegue preços muito melhores. Para esse projeto ter sucesso é preciso uma consistente implementação de processos e análises financeiras.

Além disso, a recorrência de ter um faturamento futuro mais garantido, diminui o risco de inadimplência e reduz os custos de conquistar novos clientes.

“O custo para você conquistar um cliente é absurdamente elevado. Quando já tem esse cliente recorrente, a empresa não precisa mais ficar usando todas as ferramentas para convencer a comprar porque ele é um assinante. Aí os custos despencam, porque um cliente novo pode custar cinco vezes mais do que mantê-lo na carteira”, destaca Matsumoto.

Conheça o Mundo do CX

Monitorar a experiência do cliente é essencial

Outro diferencial é a possibilidade de mapear interesses do consumidor a partir das assinaturas. Assim é possível desenvolver soluções que personalizem ainda cada vez mais o serviço e os produtos ofertados.

Apesar da relativa tranquilidade que o serviço traz para as empresas, é preciso estar atento ao feedback do consumidor e analisar cuidadosamente suas experiências. Especialmente na modalidade de compras por assinatura, o consumidor precisa ser encantado continuamente com a experiência, o produto e o serviço que escolheu.

“Neste modelo de negócio é preciso estar sempre antenado e monitorando a expectativa, a satisfação do cliente e estar inovando para agregar conhecimento e experiência ao serviço por assinatura”, define Matsumoto.

As compras por assinatura também trazem a chance de o consumidor experimentar, ampliar seu repertório de interesses. Por exemplo, ao receber um produto que nunca havia cogitado comprar individualmente. Essa é uma situação comum em assinaturas de degustação, como vinhos, cervejas e alimentos.

Leia Mais: Smartphone por assinatura é nova tendência de economia compartilhada

Matsumoto destaca que para manter o cliente engajado, vale a pena oferecer cupons, descontos e benefícios antecipados que deem a sensação de vantagem ao consumidor por participar de um clube e aumentem o ciclo de vida do cliente.

A gama de opções dos serviços por assinatura é ilimitada. Já muito consolidado no terreno das compras, Matsumoto acredita que pode se expandir para carros e celulares. O que está alinhado com a tendência da economia compartilhada, em que mais vale consumir do que possuir, como com smartphones, e até mesmo com um carro.


+ Notícias

Consumidor está em busca de produtos mais sustentáveis

Como a tecnologia pode valorizar as competências dos colaboradores?

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]