Pesquisar
Close this search box.
/
/
Você está sofrendo com a tensão muscular? Saiba o que precisa mudar na sua vida

Você está sofrendo com a tensão muscular? Saiba o que precisa mudar na sua vida

Dores, incômodos musculares e até dificuldade na movimentação são sinais de que o corpo está pedindo ajuda

Dores no pescoço após um dia longo de trabalho: quem nunca passou por isso? A tensão muscular é um problema bastante comum e muito relacionado com fatores emocionais. Se não tratada da maneira correta pode, inclusive, ocasionar problemas mais sérios, dificultando movimentos e tornando o dia a dia cada vez mais incômodo.

Veja o que deve ser feito para diminuir a tensão muscular e melhorar a qualidade de vida.

O que causa a tensão muscular?

A tensão muscular é aquele incômodo ou dor causados pelo excesso de tônus muscular. É uma contração excessiva de um músculo, que leva à dores no local, dificultando o movimento e até mesmo o relaxamento após o momento de estresse.

O fisioterapeuta Santiago Munhos, da Santibras, explica que o corpo, para se sustentar de pé e com a postura adequada, precisa ter esse tônus muscular, mas o problema está nessa concentração excessiva.

“A tensão muscular é uma resposta fisiológica aos desconfortos causados, geralmente, por estímulos externos. Os mais comuns são provocados por fatores emocionais, como estresse e ansiedade, ou por fatores físicos como problemas posturais”, explica.

Segundo ele, o principal problema da tensão muscular é a dor, mas também pode levar à diminuição do movimento e da disposição física. Ou seja, a pessoa se sente mais cansada e em alguns casos pode acarretar em câimbras e espasmos musculares.

Alguns dos fatores que podem levar à tensão muscular são:

  • Estresse excessivo;
  • Ansiedade;
  • Dificuldade em relaxar;
  • Postura inadequada durante o dia;
  • Não movimentar o corpo com frequência;
  • Sentar de maneira errada no trabalho;
  • Sono irregular;
  • Movimentos repetitivos.

 

Olhando para a lista, é possível imaginar que a pandemia potencializou o problema da tensão muscular, já que a rotina mudou, assim como os hábitos de saúde e de trabalho. “As incertezas e mudanças que a pandemia trouxe acabam aumentando a ansiedade e o estresse. A isso também pode ser somada a má postura durante o dia por conta da realidade do home office”, diz o fisioterapeuta.

Trabalhando de casa, as pessoas também tiveram a tendência de andar menos, fazendo menos pausas e passando muitas horas seguidas sentadas, nem sempre da maneira correta. Ou seja, um prato cheio para as dores musculares em todo o corpo.

Mudando hábitos para diminuir a tensão muscular

Como a tensão muscular está relacionada diretamente com situações diárias de estresse e má postura, promover mudanças de hábitos é o principal caminho para acabar com o problema.

Mudar a rotina está relacionado tanto aos fatores físicos quanto os emocionais. Isso porque inúmeros hábitos também contribuem para a diminuição do estresse e da ansiedade, por exemplo, controlando também esses fatores de risco.

Por isso, Santiago Munhos indica uma mudança de hábito focada na melhoria da qualidade de vida, levando em consideração tanto a saúde física quanto a mental.

Praticar exercícios físicos regularmente

Movimentar o corpo é uma das melhores formas de diminuir a tensão muscular. Ao realizar uma atividade física, todo o corpo se coloca em movimento, alongando músculos e diminuindo as tensões.

Além disso, os exercícios físicos são imprescindíveis também para a saúde mental. Desestressam a mente e contribuem para o bem-estar ao liberarem os “hormônios da felicidade”, como endorfina e serotonina.

Mas Santiago também chama atenção para um detalhe: exercícios em excesso ou que causem lesões sérias levam à tensão muscular e podem até mesmo dificultar a movimentação em vez de ajudar.

Dormir bem

Sono desregulado, além de causar estresse e ansiedade, também faz com que os músculos não relaxem da maneira adequada. Assim, a tensão vai se acumulando dia após dia até se tornar um incômodo muito maior.

Além disso, o sono também é imprescindível para a saúde mental, sendo colocado como pilar do bem-estar e da qualidade de vida. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), um adulto precisa dormir, em média, 8 horas por dia. Dessa maneira, é preciso que a rotina se adeque a esse período, não negligenciando sua importância.

Relaxar a mente

Tendo os fatores emocionais como principais causas da tensão muscular, relaxar a mente se torna essencial durante a rotina. Para isso, é preciso encontrar atividades que tirem a concentração dos problemas ou desafios, focando em algo que seja prazeroso.

Ter um hobby longe das telas, ler um livro, assistir a uma série com a família, cozinhar… são alguns exemplos de atividades que podem desestressar a mente depois de um dia cheio.

Equilibrar tempo de lazer e de trabalho

Durante a pandemia, pessoas que passaram a trabalhar em home office tiveram uma grande mudança na rotina, principalmente considerando o novo formato de trabalho. Trabalhar muito mais tempo do que o costume se tornou um problema para muitos, por exemplo.

A longo prazo, isso faz com que o indivíduo passe mais tempo pensando apenas no trabalho, pendências e tarefas, piorando a tensão muscular. Por isso, torna-se essencial equilibrar o tempo de trabalho e lazer diariamente, dando a devida importância para os dois momentos.

Movimentar-se durante o dia

Outro hábito nocivo para a musculatura é passar muito tempo em uma mesma posição. Por isso, seja em casa ou no trabalho presencial, levantar-se durante o dia para buscar uma água ou se alongar já contribui com o relaxamento dos músculos e circulação sanguínea. Programe pausas durante o dia para fazer isso.

Aliviando as dores

Se o incômodo da tensão muscular aparecer, Santiago Munhos indica alguns exercícios para acabar com as dores, mas salienta que o ideal é evitar que o problema aconteça. Quando a tensão chegar, procure:

  • Respirar corretamente: inspirar o ar para os pulmões de maneira lenta, empurrando o diafragma (na região da barriga) para baixo. Soltar o ar também lentamente. Isso contribui com o relaxamento dos músculos, mas também ajuda a controlar a ansiedade;
  • Alongar o corpo: faça pausas durante o dia para alongar todos os membros do corpo, tirando a tensão muscular acumulada por conta do estresse e ansiedade do trabalho, por exemplo;
  • Massagem: o fisioterapeuta indica massagear a região dolorida com uma bola de tênis, fazendo uma pequena pressão no local para relaxar o músculo.
  • Meditação e exercícios de concentração: para diminuir a ansiedade e o estresse durante o dia, também é possível realizar exercícios de meditação e concentração, focando na respiração.

 

Vale ressaltar que a tensão muscular é um problema de saúde que pode ocasionar lesões mais sérias ao músculo quando não é dada a devida atenção à ela. Por isso, caso as dores e os incômodos estejam acima do “normal”, evite tomar remédios sem orientação médica e procure imediatamente a ajuda especializada de um fisioterapeuta ou mesmo um ortopedista.

 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]