Pesquisar
Close this search box.
/
/
O comércio por voz é o futuro das compras dos consumidores brasileiros?

O comércio por voz é o futuro das compras dos consumidores brasileiros?

Com um "pin de voz", tecnologia similar aos pins de dispositivos móveis, consumidores poderão falar uma única palavra para realizar pagamentos, proporcionando mais segurança ao usuário. Além disso, diversas tecnologias poderiam ser combinadas, aumentando a proteção dos dados

Por Juan D’Antiochia, gerente-geral da Worldpay para a América Latina

 

No passado, fazer compras com sua própria voz significava lembrar de dizer “por favor” e “obrigado” ao lojista. Hoje, o comércio por voz representa algo totalmente diferente. Com uma simples palavra ou frase sobre o produto, é possível fazer compras com segurança por meio de um celular ou qualquer dispositivo conectado.

De acordo com o Global Payments Report, o Brasil tem cerca de 221 milhões de consumidores, sendo que 68% deles têm acesso à internet1, portanto, são motivos importantes para que comerciantes ofereçam conveniência e simplicidade. A tecnologia de voz pode proporcionar aos consumidores uma maneira divertida e rápida de adquirir mercadorias. A medida que os brasileiros têm demandado por experiências de compra com menos atrito ou contato, os lojistas poderão disponibilizar anúncios de voz contextualizados, recomendações personalizadas e conteúdo por áudio com o objetivo de proporcionar uma experiência de alta qualidade.

LEIA MAIS
“Alexa, o que vem por aí de novo no comércio eletrônico?”

A gigante Amazon oferece compras por voz e redes varejistas, como o Walmart, já estão alinhadas ao Google2. Com o auxílio do Google Assistant, milhares de itens são oferecidos utilizando o sistema operacional Android, presente na maioria dos smartphones do mundo. Na China, por exemplo, a tecnologia de voz já trouxe uma grande mudança no comportamento de consumidores ávidos por experiências inovadoras. O software T-Mall Genie da empresa Alibaba permite aos usuários chineses realizar uma infinidade de tarefas, desde receber atualizações de assuntos do interesse do consumidor, baixar músicas e fazer compras3.

Antes somente grandes varejistas tinham a possibilidade de dar um atendimento 24 horas por dia, 7 dias por semana a seus clientes. Porém, agora, com os chatbots, os pequenos lojistas também vão colocar em prática o conceito omnichannel e oferecer serviços e novos produtos em diversos canais de venda com a mesma consistência e qualidade, alcançando os desejos dos consumidores de maneira eficaz e elevando o nível de fidelização.

Quando se trata de pagamentos, a voz poderá aumentar o nível de proteção de uma experiência de varejo. Segundo dados do Mobile Payment Journey, 51% dos brasileiros desistem das compras por celular por não verem sinais de segurança4. Então, como será no futuro? A segurança será primordial aos comerciantes porque poderão autenticar sua identidade por meio das tecnologias de voz, além de inserir detalhes de cartão de crédito ou lembrar as senhas. Com um “pin de voz”, tecnologia similar aos pins de dispositivos móveis, consumidores poderão falar uma única palavra para realizar pagamentos, proporcionando mais segurança ao usuário. Além disso, diversas tecnologias poderiam ser combinadas, aumentando a proteção dos dados.

O rápido desenvolvimento do varejo global, graças a tecnologia, é algo que estimula os consumidores de forma positiva. De acordo com uma pesquisa global5, 71% deles acreditam que falar sobre tecnologia ocorre naturalmente e 45% dos usuários globais de voz afirmam que essa tecnologia é mais veloz. Esse movimento em direção a um mundo cada vez mais conectado e simples contribui para um mercado dinâmico e para a evolução do comércio por voz.

Os pagamentos ativados por voz podem ser mais fáceis de usar do que qualquer coisa que já tenhamos visto até agora, mas ainda há várias perguntas importantes a serem abordadas. Por exemplo, como as nuances, gramática e/ou dialeto podem afetar os pagamentos por voz? O que acontece se outra pessoa tentar usar sua voz para registrar detalhes de pagamento? Até que ponto a localização e a acústica afetariam a facilidade de autenticar com sua voz?

A tecnologia deve responder essas perguntas ao longo do tempo, mas é claro que a voz pode estar pronta para redefinir o varejo.

[1] Worldpay Global Payments Report 2018
[2] Source https://blog.walmart.com/innovation/20170823/walmart-google-partner-to-make-shopping-even-easier-heres-how
[3] Source https://www.theverge.com/circuitbreaker/2017/7/5/15921722/alibaba-amazon-echo-competitor-tmall-genie-beta-voice-speaker-shop
[4] Mobile Payment Journey
[5] Source http://www.digitalmarket.asia/chinese-consumers-lead-in-usage-of-voice-assistants-report/

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]