Pesquisar
Close this search box.
/
/
Saiba como turbinar a busca de emprego com 5 dicas de especialistas

Saiba como turbinar a busca de emprego com 5 dicas de especialistas

Como melhorar seu CV? É possível encontrar vagas mesmo em janeiro? Mudar de área no começo do ano é válido? Dois experts no tema carreira e contratações respondem dúvidas

Janeiro é um bom mês para procurar emprego? É a hora de mudar de carreira? Como melhorar o currículo para atrair a atenção dos contratantes? Muita gente orbita entre essas dúvidas e acaba paralisado, sem saber como dar os próximos passos da carreira e o que fazer na busca de emprego.

O impacto que as relações profissionais sofreram por causa da Covid-19 é mais um fator a ser considerado nesse cenário: “Sobre a pandemia e seu reflexo no mercado de trabalho, é preciso considerar as muitas mudanças. Alguns profissionais perderam seus empregos, mas outras oportunidades e novos formatos de trabalho surgiram”, diz Raquel Cristina Michel, instrutora do curso Técnico em RH do Senac EAD. “Acredito que a pandemia nos desacomodou, nos mostrou ser possível fazer diferente”, diz ela.

Já para José Tortato, gerente de negócio do BNE – Banco Nacional de Empregos, um dos sites de currículo mais usados no Brasil e que já atua há 20 anos como interface entre profissionais e empresas -, janeiro é a melhor hora para buscar algo novo: “Segundo o banco de dados do BNE, é um dos meses de pico em movimentação de vagas, candidaturas, busca de currículos e procura por emprego”, afirma ele.

Leia também: Como lidar com o mundo VUCA trazido pela pandemia nos âmbitos pessoal e profissional 

Se você está no grupo de pessoas que buscam novas oportunidades ou quer chacoalhar sua vida profissional, acompanhe essa lista. Planejamento e bons insights são fundamentais nesta hora.

Comece já em janeiro

“Na busca por emprego, não há data certa para começar a procurar, pois a oportunidade pode estar em qualquer momento e lugar”, diz Raquel Cristina Michel, especialista do Senac EAD. Já Tortato mostra que, antes da pandemia, janeiro era um dos meses essenciais para esse tipo de movimentação: “Para se ter uma ideia, em 2019 ele foi o terceiro mês com mais pesquisas por vagas. Foram mais de 16 mil pesquisas realizadas em nossa plataforma”, reforça.

Mudo de área, sim ou não?

“Com o mês de janeiro geralmente vem o desejo de mudança e um sentimento de renovação, algumas pessoas escolhem este momento em virtude disso, mas a possibilidade de mudança de emprego existe a todo o momento. Deve-se estar aberto ou aberta para as oportunidades que surgem (estágios, programas de trainee, entre outros)”, adianta Raquel.

Mudar de área, inclusive, pode ser uma saída para quem não está trabalhando porque foi demitido ou precisou ficar em casa por conta da pandemia: “Muitas pessoas tiveram que sair dos trabalhos por conta dos cuidados com os filhos em casa e ainda não conseguem procurar novas oportunidades devido a falta de previsão da normalidade escolar, por exemplo”, relembra Tortato.

Melhore seu currículo

Para os especialistas, o currículo tem que ser simples e objetivo. “Pode-se melhorar um currículo deixando-o mais enxuto e direto, mas ainda com aparência profissional”, garante Raquel Cristina. Para ela, a dica de ouro aqui é “inserir todas as informações importantes sem fazer grandes acréscimos”. Já na visão de Tortato, “os currículos também precisam ter informações precisas, visto que os recrutadores não gastam muito tempo lendo todos eles”, afirma.

Erros mais comuns

“Por incrível que pareça, as pessoas distribuem currículo ou o cadastram com informações antigas, bem como trazendo e-mail e números de contato errados. Isso torna impossível a comunicação por parte do contratante”, diz José Tortato. Ele também ressalta como comum os erros de português na descrição dos CVs: “Erros de português e de digitação podem ser fatais. É importante que o candidato revise muito bem a ortografia do documento”, diz.

Na visão de Raquel Cristina Michel, instrutora do Senac EAD, vai mal quem peca pela falta de objetivo e de compreensão dos requisitos da vaga: “Currículos muito extensos, até com as informações inverídicas, também são um erro”, afirma.

Valores em alta na contratação

Como dica final, Raquel Cristina relembra algumas características bastante valorizadas pelas empresas nesses tempos de pandemia: “Os RHs buscam pessoas com boa habilidade de relacionamento interpessoal, além de abertura para mudanças, capacidade de liderança global, visão de mercado, coragem para assumir riscos”, diz ela, que menciona também proatividade, resiliência e empatia, elementos que têm tudo a ver com o atual momento em que vivemos.


+ Notícias 

5 habilidades fundamentais para se dar bem no home office 

Como fazer networking durante a pandemia? 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]