Pesquisar
Close this search box.
/
/
Como a precificação dinâmica pode reverter prejuízos no e-commerce

Como a precificação dinâmica pode reverter prejuízos no e-commerce

Usada por gigantes do varejo como Amazon e Alibaba, a precificação dinâmica no e-commerce começa a ganhar popularidade no Brasil

Ainda se estabelecendo no Brasil, a precificação dinâmica já é amplamente utilizada entre os maiores varejistas online do mundo. Aqui, apresenta-se como uma possibilidade relevante para endereçar as complexidades do processo de precificação de produtos que fazem com que boa parte das operações de e-commerce operem no vermelho.

Rafael Fanchini, Chief Customer Officer da Analytics2Go, explica como funciona a precificação dinâmica com uso de inteligência artificial e destaca seus principais benefícios.

Segundo o executivo, a precificação dinâmica é um instrumento comercial importante que permite aos varejistas calibrarem seus preços em função da dinâmica do mercado. “A arte do varejo consiste na habilidade de oferecer produtos relevantes a um preço percebido como justo pelos consumidores. É o conceito inglês do ‘good value for money’. A dificuldade na aplicação desse conceito está no fato de que a percepção de justo é volátil e sensível a fatores externos, tanto sociais como comerciais.”, explica.

A B2W, maior varejista eletrônica do Brasil dona das marcas Americanas.com e Submarino, foi uma das empresas pioneiras na aplicação de modelos de precificação dinâmica no e-commerce, competência que segue tendo um papel importante na operação da companhia segundo seus relatórios trimestrais. Mike Romeri, CEO da Analytics2Go, participou desse processo e lidera atualmente o desenvolvimento de uma solução de precificação dinâmica para um grande e-commerce brasileiro de móveis e utensílios para o lar.

Fanchini ressalta que a construção de um modelo de precificação dinâmica consiste em um processo complexo e sofisticado. Técnicas de machine learning são utilizadas na interpretação e aprendizagem dos padrões de comportamento do consumidor em contextos de preços distintos . Atualmente, grande parte do processo de precificação ainda é pautado pela experiência e intuição do varejista. O preço dinâmico, com o uso das novas tecnologias, passa a ser o resultado de um modelo analítico que identifica o preço ótimo de produtos por meio de uma curva de elasticidade de preço-demanda construída a partir de dados reais que refletem padrões de comportamento de compra de milhares de consumidores. “Modelos de precificação dinâmica consistem em um exemplo de fácil compreensão da aplicação do chamado Big Data na geração de valor para o varejo”, comenta Fanchini.

Dinâmica e experiência

O executivo destaca que, apesar de o uso de inteligência artificial possibilitar o tratamento de cenários de preços múltiplos, a efetividade de uma solução de precificação dinâmica resulta de uma simbiose entre tecnologia e estratégia empresarial. “A definição de preços ótimos tem como base a definição de uma medida a ser otimizada tal como faturamento, margem, estoque, que muda ao longo do tempo em função das prioridades e dos objetivos estratégicos da empresa. Além disso, uma alta frequência de mudança de preços pode ter um impacto negativo na experiência do cliente, o que requer, em geral, o envolvimento das áreas de marketing na definição do arranjo ideal”, destaca o executivo.

Diante de um mercado historicamente sujeito a margens de lucro apertadas, a precificação dinâmica representa um diferencial competitivo altamente relevante possibilitando que varejistas do mundo online atuem de maneira consciente e objetiva no processo de precificação gerando, dessa forma, impactos expressivos de aumento de venda e de margem. “Temos experiências com aplicação de precificação dinâmica que resultaram em aumento de receita na ordem de 20% e de margem na ordem de 40%”, destaca Fanchini.

O dinamismo do varejo tem imposto escolhas e priorizações difíceis a seus executivos, e nesse contexto a adoção de tecnologias e soluções baseadas em inteligência artificial, como a precificação dinâmica, tem ganhado relevância como alavanca de geração de valor. Trata-se de uma tendência consolidada sustentada por resultados contundentes e cuja adoção tem feito cada vez mais parte dos planos estratégicos, seja como pilar de diferencial competitivo, seja como catalisador de crescimento.

Passo a passo da precificação dinâmica

1. Estabelecer diretrizes estratégicas e compromissos executivos

2. Estabelecer bases técnicas e requerimentos operacionais

3, Implementar processos de captura e curadoria de dados internos e externos

4. Desenvolver modelo e realizar de prova de conceito

5. Escalar, operar e gerenciar modelo

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]