Pesquisar
Close this search box.
/
/
Pagamento por aproximação é seguro?

Pagamento por aproximação é seguro?

Modalidade ganha popularidade, mas cresce também a preocupação com fraudes e golpes.

As inovações tecnológicas permitiram o surgimento de novos meios de pagamentos. O contactless, mais conhecido no Brasil como pagamento por aproximação, tem conquistado cada vez mais a confiança do consumidor. A inovação que facilita a comunicação sem fio entre dispositivos que estão próximos uns dos outros, e aplicada em sistemas de pagamento, promove transações ágeis e seguras. E Essas novas tecnologias já provaram que são um caminho sem volta. No primeiro semestre de 2023, o montante total movimentado em pagamentos NFC (Near Field Communication), o nome formal do recurso, atingiu uma marca de R$ 414,8 bilhões, demonstrando um crescente alcance dos consumidores e a evolução do setor financeiro, de acordo com dados da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (ABECS).

Em junho de 2023, 48,4% das transações presenciais foram realizadas com a tecnologia de pagamento por aproximação e já representa quase metade das compras presenciais com cartões. A popularidade do pagamento por aproximação não é apenas um reflexo das preferências do consumidor, cada vez mais as instituições financeiras estão fazendo investimentos em tecnologias de ponta para oferecer experiências de pagamento mais convenientes e ágeis.

Visa detecta aumento de pagamento por aproximação

Esse movimento também é confirmado pela gigante das transações financeiras Visa, que divulgou um levantamento realizado pelo Visa Consulting & Analytics que confirma que no primeiro semestre deste ano, o número total de transações Visa utilizando o recurso NFC cresceu 14 pontos percentuais em relação ao mesmo período do ano passado.

Além disso, os dados revelam que, apesar do crescimento exponencial do comércio eletrônico, a preferência dos consumidores brasileiros por compras, especialmente no varejo de supermercados continua forte no mundo físico. A representatividade das compras online em supermercado no total de transações Visa no país durante o primeiro semestre de 2023 continuou no mesmo patamar em relação ao ano anterior. “Percebemos que o consumidor brasileiro ainda prefere realizar compras presenciais nos supermercados. Apesar do e-commerce para esse setor ter crescido nos últimos anos, esse crescimento está estável em comparação a 2022”, avalia Javier Vázquez, head da Visa Consulting & Analytics para a América Latina e o Caribe.

O que é NFC?

O NFC, sigla para “Near Field Communication” (Comunicação por Campo de Proximidade, em tradução livre), é uma tecnologia que permite a comunicação sem fio entre dispositivos eletrônicos que estão próximos uns dos outros, geralmente a uma distância de até quatro centímetros. É uma forma de identificação por radiofrequência (RFID) que opera em uma frequência específica.

Tecnicalidades à parte, o pagamento por aproximação é basicamente a transmissão de informações entre um “transmissor” e um “receptor”. Ele funciona com cartões de crédito e débito cadastrados nas carteiras digitais nos smartphones e autorizados nos aplicativos dos bancos. Por se tratar de uma tecnologia relativamente recente, nem todos os aparelhos celulares contam com o recurso habilitado.

Vantagens do pagamento contactless

Uma das maiores atrações do NFC é a rapidez. Com ele, as transações financeiras são executadas quase instantaneamente, tornando-se, muitas vezes, mais eficientes do que as realizadas por meio de cartões de crédito tradicionais ou dinheiro físico. Além da rapidez, a conveniência também é uma característica marcante. Com apenas uma aproximação do dispositivo a um terminal de pagamento, a transação é realizada, eliminando a necessidade de inserções ou digitação de senha.

Além disso, o NFC não se limita apenas a pagamentos: sua versatilidade permite que ele seja utilizado para troca de informações entre dispositivos, emparelhamento Bluetooth e até mesmo compartilhamento de contatos.

Conveniência, segurança e praticidade são alguns dos benefícios que têm impulsionado a adoção do uso de credencial de pagamento digital nas compras do dia a dia, como do supermercado. Inovação também tem sido crucial para atrair mais consumidores para pagar com Visa. O pagamento por aproximação, por exemplo, transformou a experiência de pagamento no caixa, levando mais agilidade e poupando tempo das pessoas”, destaca Javier Vázquez.

No que diz respeito à eficiência, o NFC é insuperável. Suas transações quase instantâneas tornam o processo de checkout significativamente mais fluido. Além disso, sua capacidade de integração com sistemas de fidelidade ou recompensa proporciona uma experiência de compra mais abrangente e gratificante para o cliente.

Pagamento por aproximação é seguro?

Em 2022, o sistema financeiro brasileiro investiu R$ 3,4 bilhões em mecanismos de segurança e prevenção a fraudes digitais. Mesmo assim, no mesmo período, o número de golpes registrou um aumento de 165%, de acordo com a Assembleia Legislativa de São Paulo. Com a ampliação do uso da internet para operações bancárias, a saída tem sido investir na prevenção, agilidade de identificação e conscientização como ferramentas para minimizar os prejuízos.

A tecnologia de pagamento contacless levanta algumas sobrancelhas, pelo receio de o método de pagamento não ser seguro o suficiente. Mas o pagamento por aproximação oferece várias camadas de proteção. Durante uma transação, as informações são criptografadas, o que protege os dados do usuário contra interceptações mal-intencionadas. O design sem contato da tecnologia também é um aspecto positivo do ponto de vista da segurança, ao reduzir a oportunidade de interferências físicas, como a clonagem e a troca de cartões.

No entanto, é essencial que os usuários estejam sempre atentos às suas notificações de transação para detectar e agir rapidamente no caso de qualquer atividade suspeita. Os bancos oferecem a possibilidade de limitar o valor máximo de cada transação e o montante diário pago de forma contactless, para que o consumidor tenha uma camada a mais de garantia e mais controle sobre o uso do pagamento por aproximação.

Para os estabelecimentos comerciais, adotar medidas de segurança é igualmente crucial. Manter os terminais de pagamento atualizados com o software mais recente é fundamental para se proteger contra possíveis vulnerabilidades. Além disso, em algumas situações, pode ser necessário solicitar uma autenticação adicional durante a transação, como o uso de senha, para confirmar o processo.

Pagamento sem contato já é popular um muitas partes do mundo

A popularidade e adoção do NFC variam globalmente. Países da Ásia, como Coreia do Sul e Japão, e europeias, como Reino Unido, Holanda e Suécia, foram pioneiros na adoção da tecnologia de pagamento por aproximação. Dados da Statista de 2021 estimam que a China seja líder em pagamentos móveis, com boa parte deles via contacless.



Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]