Pesquisar
Close this search box.
/
/
Padrões de beleza: como eles influenciam no dia a dia e no mercado da estética?

Padrões de beleza: como eles influenciam no dia a dia e no mercado da estética?

Brasil se destaca no mercado da beleza e de procedimentos estéticos, aponta relatório da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica

Os padrões de beleza passaram por várias mudanças ao longo dos séculos, e de forma ainda mais acelerada nas últimas décadas. A arte renascentista é um exemplo dessa mudança de percepção. As pinturas mostram mulheres com seios grandes, quadril e ombros largos. Já no final dos anos 1980 e início dos anos 1990, o corpo magro se tornou tendência. As modelos que estampavam capas de revistas e campanhas publicitárias se tornaram responsáveis pela mudança no padrão de beleza.

Apesar do surgimento de um debate sobre body positivity, a valorização do corpo magro continua. No mesmo sentido, a indústria da estética está se tornando uma das mais relevantes do mundo e procurada por cada vez mais por pessoas que querem alcançar o novo padrão.

De acordo com uma pesquisa do Grand View Reserch, o mercado global de medicina estética estava avaliado em US $ 99,1 bilhões em 2021. A estimativa é que, entre 2022 e 2030 haja um crescimento de 14,5%.

No Brasil, apenas no primeiro trimestre de 2022, houve um aumento de 390% na procura por procedimentos estéticos em comparação ao mesmo período do ano anterior. Os dados foram publicados pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Das 1.218 pessoas entrevistadas, 80% já passaram por intervenções estéticas. Dos ouvidos pela pesquisa, 56% são mulheres com idade entre 24 e 48 anos.

Brasil se destaca como consumidor do mercado da beleza e estética

Por dois anos seguidos o Brasil liderou o ranking mundial de cirurgias plásticas, de acordo com uma pesquisa da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica (ISAPS), organização que reúne dados de 110 países. Por aqui, foram realizadas 13,1% de todos as intervenções cirúrgicas com finalidade estética no ano de 2019. Ao todo, foram mais de 11,3 milhões de procedimentos. 58% dos pacientes fizeram cirurgias plásticas antes dos 30 anos de idade.

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

Como o brasileiro se vê diante das tendências da beleza e estética?

Um estudo mais recente da Opinion Box: Pesquisa Beleza, saúde e bem-estar, publicado em janeiro de 2023, entrevistou 2.114 pessoas para saber como elas se enxergam diante do mercado da beleza e estética. Os entrevistados tinham idades a partir dos 16 anos, sendo 51% mulheres e 49% homens.

Dos ouvidos pela pesquisa, 51% afirmaram que a felicidade tem relação com a aparência física. Enquanto 15% das mulheres dizem ter baixa autoestima, os homens são menos afetados e só 11% do público masculino está insatisfeito com a própria aparência. Sobre se considerarem dentro dos padrões de beleza, 27% das interrogadas se acham distante do que é determinado pelos atuais padrões, contra 18% dos homens.

Conheça o Mundo do CX

Você faria um procedimento estético?

Dos entrevistados, 19% já fizeram algum procedimento estético de longa duração ou permanente. Dos 81% que não passaram por intervenções, 42% fariam alguma mudança no corpo, contra 36% que não sentem essa vontade.

A maioria dos que afirmaram terem feito alguma mudança por fins estéticos, 31%, tem entre 18 e 24 anos. 10% do público que já fez um procedimento estético tem menos de 18 anos; 17% têm idades entre 25 e 29; 13% estão entre os 40 e 49 anos. Por último, representando 7% dos entrevistados que fizeram uma intervenção em prol da beleza, estão as pessoas com mais de 50 anos.

Leia mais: A quais demandas do consumidor o mercado de beleza deve estar atento?

Como os padrões de beleza podem impactar a vida das pessoas?

O peso está entre uma das percepções criadas em torno da beleza, seja abaixo ou acima dele. Dos entrevistados, apenas 43% se dizem estar dentro do ideal. A relação com a balança é mais sentida por mulheres, principalmente as que têm entre 30 e 49 anos. 53% delas se consideram acima do peso.

Diante desse cenário, o comportamento pode ser diretamente afetado por aqueles que consideram não se encaixar nos novos padrões de beleza. Normalidades do cotidiano sofrem impacto de direto, como passar por dificuldade ao encontrar uma roupa ideal para o corpo, problema enfrentado por 42% dos entrevistados. Ir à praia foi um hábito que 46% abdicaram. A alimentação também é uma área afetada, uma vez que 29% dos ouvidos pela pesquisa passaram por distúrbios alimentares.



+ NOTÍCIAS
“Beleza Positiva amplia representatividade e traz resultado
Estudo da Dove mostra que 84% das brasileiras usam filtros para mudar a própria imagem

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]