Pesquisar
Close this search box.
/
/
Notredame diz ser alvo do excesso de judicialização

Notredame diz ser alvo do excesso de judicialização

A Hapvida Notredame está sendo alvo de uma investigação do MPSP, e justifica que que as denúncias são por causa do excesso de judicialização

A empresa Hapvida Notredame está sendo investigada pelo Ministério Público de São Paulo (MPSP) por suposto descumprimento de decisões judiciais que determinavam tratamento e o fornecimento de medicamentos a clientes. O inquérito, das esferas cível e criminal, foi instaurado pela Promotoria de Justiça do Consumidor do MPSP, e vai apurar a recusa de atendimento a pacientes.

Independentemente de questões burocráticas, a recusa ao atendimento coloca em risco a vida do paciente, o que vai contra um princípio fundamental. Foi o que aconteceu com a dona de casa Matilde Ramos, de 60 anos, que morreu no dia 10 de outubro do ano passado após ter uma cirurgia de urgência negada na rede hospitalar do convênio com a Notredame Intermédica, mesmo após conseguir uma liminar favorável.

Entenda o caso da denúncia contra a Notredame

A paciente então ingressou com pedido de liminar na Justiça e recebeu decisão favorável no dia 12 de setembro. No despacho, o juiz obrigou a operadora a realizar a operação em até três dias e fixou multa de R$ 500 por dia de descumprimento.

O inquérito do MPSP

O promotor Cesar Ricardo Martins afirmou que as informações trazidas aos autos entram em conflito com a Política Nacional das Relações de Consumo. Tal Política visa atender as necessidades dos consumidores, “respeitar sua dignidade, saúde e segurança, proteger seus interesses econômicos, melhorar sua qualidade de vida, e promover transparência e harmonia nas relações de consumo”, cita ele na portaria de instauração do inquérito, de 12 de janeiro de 2024.

O MPSP abriu também duas investigações criminais para apurar a possibilidade de a empresa Hapvida ter cometido o crime de desobediência ao ignorar decisões judiciais. Uma das investigações foi iniciada pela promotoria de Jundiaí em agosto do ano passado e foi prorrogada em novembro. A outra investigação, aberta em Osasco, foi arquivada em setembro de 2023.

A fusão das operadoras Hapvida e Notredame ocorreu em 2022. Desde então, 63% das decisões judiciais foram descumpridas. O Ministério Público identificou um comportamento resistente que é mais comum em casos de câncer, cirurgias e tratamentos de autismo em crianças.

A Hapvida NotreDame Intermédica é, hoje, a maior operadora de saúde do Brasil, com mais de 16 milhões de beneficiários de saúde e odontologia.

As ações da Hapvida Notredame na Bolsa de Valores

Na B3, no dia 18 de janeiro, as ações da Hapvida – HAPV3 – registraram queda de -6,98%. Essa foi a menor cotação desde novembro de 2023. Diante dos fatos, sites para investidores, como o Nordinvestimentos, por exemplo, aconselham seus leitores a ficarem fora desses papéis. “A  companhia não conseguiu manter um crescimento consistente de Ebitda, com uma piora mais recente, além de apresentar queda de lucros desde 2018, e atualmente reportou prejuízo em seus resultados”.

A Associação Brasileira de Planos de Saúde (Abramge) destaca a importância da segurança jurídica nos contratos entre beneficiários e operadoras de saúde. Para ela, as “demandas judiciais, a alta sinistralidade e a má utilização dos planos têm sido desafios para o setor”.

Ademais, como a alta judicialização afeta o atendimento à sociedade, a Associação destaca que o acesso ao sistema judicial é um direito garantido a todos, mas que as demandas individuais devem estar respaldadas por bases legais, regulatórias e contratuais.

Democratização do acesso à saúde

A Notredame esclarece que segue firme em seu propósito de democratizar o acesso à saúde de qualidade para quase 15 milhões de pessoas. Suas premissas são o cuidado, o acolhimento, a acessibilidade, a segurança e o cumprimento das normas aplicáveis. Para isso, a empresa se mantém focada em prestar um atendimento cada vez melhor em seu contínuo processo de aperfeiçoamento.

Os números da Companhia mostram a envergadura e a capilaridade: em 2023, por exemplo, ela realizou mais de 40 milhões de consultas e cerca de 83 milhões de exames. Apenas em atendimento oncológico, ela prestou assistência para mais de 32 mil beneficiários. O total de cirurgias, apenas na rede própria, ultrapassa 277 mil.

Judicialização e suas complexidades

Por fim, a Notredame informa que tomou conhecimento da investigação junto ao Ministério Público por meio da Promotoria de Defesa do Consumidor. Com acesso aos autos, ela contribuirá e prestará ativamente os esclarecimentos necessários de forma tempestiva mantendo sua prática de respeito ao Poder Judiciário.

Números

No terceiro trimestre do ano passado, a Hapvida reportou um lucro líquido de R$ 261,1 milhões, encerrando o período com 15.848 beneficiários. Portanto, houve uma diminuição anual de 0,4%, e 68 mil planos de saúde ou odontológicos a menos do que em 2022. O valor médio por beneficiário foi de R$ 251,80, um aumento de 11,8%.

O Índice de Desempenho da Saúde Suplementar de 2023, com base em 2022, aponta que as operadoras da Hapvida NotreDame Intermédica conquistaram a melhor faixa de pontuação. Esse índice é resultado da avaliação do Programa de Qualificação de Operadoras, da ANS. Assim, no ano passado, a Hapvida Assistência Médica S.A. e Notre Dame Intermédica Saúde S.A., receberam 0,802 e 1, respectivamente (escala de 0 a 1, sendo zero a menor nota e 1 a maior).



Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]