Pesquisar
Close this search box.
/
/
Por que estamos amedrontados com a inteligência artificial?

Por que estamos amedrontados com a inteligência artificial?

Muitos temem a extinção de milhões de empregos e o início de uma era com vários desocupados. Mas ainda é muito cedo para fazer essa previsão

Há uma proliferação de estudos mostrando que a tecnologia, em especial a inteligência artificial, irá dizimar os empregos no futuro. Em fevereiro, o indiano Sundar Pichai, CEO do Google, afirmou categoricamente que a IA é mais importante que a eletricidade e o fogo. De acordo com Pichai, vai ter o maior impacto no mundo do que outras inovações na história.

É bem verdade que a inteligência artificial vem evoluindo. Um estudo recente realizado por chineses mostrou que a assistente digital do Google teve um salto de QI de 26,5 para 47,28 em dois anos – o dobro da Siri. É um avanço considerável. Ao mesmo tempo, no entanto, é uma inteligência equivalente à uma criança de seis anos de idade.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

“É estranho imaginar que a inteligência artificial será mais importante que a eletricidade, pois a primeira precisa da segunda para existir”, afirmou Fernando Bação, subdiretor e professor da Universidade NOVA de Lisboa, durante o Techno Business 2018. “É claro que a IA vai evoluir cada vez mais rápido, mas ainda há muita limitação nesse tecnologia.”

Um exemplo é a partida de xadrez disputada entre a máquina Deep Blue, criada pela IBM, e o russo Garry Kasparov, considerado um dos maiores enxadristas de todos os tempos. Em 1996, o russo venceu o desafio por 4 a 2. Um ano mais tarde, Deep Blue, após uma série de atualizações, o computador sagrou-se vencedor por 2 a 1.

Foi algo notável, certamente. Mas para chegar ao resultado, a máquina recebeu diversas informações e dados de… humanos. O domínio dos humanos sobre a máquina, ao contrário do que dizem muitos catastróficos filmes de ficção científica, ainda não é algo próximo. Nem mesmo visível. “Basicamente, as máquinas são ótimas para jogar xadrez, mas ainda não conseguem buscar os seus filhos na escola”, diz Bação.

Muito a evoluir

Isso não quer dizer, no entanto, que a inteligência artificial é burra. Muito pelo contrário. A questão principal, segundo o professor, é que a IA ainda é estreita. Ou seja, ela só recebe conhecimento, mas ainda não tem capacidade de transferi-lo. “A IA ainda é péssima para ensinar os outros, por isso ainda não sou pessimista em relação ao fim de empregos, apesar de que alguns vão deixar de existir”, diz ele.

E para a evolução desses, digamos, defeitos, o machine learning é fundamental. A função dessa ferramenta é exatamente ajudar as máquinas a ter um comportamento humano. É como o Google Assistente, por exemplo, conseguiu avançar e fazer ligações de maneira autônoma para marcar um horário no cabeleireiro para o dono do celular.

O machine learning envolve ensinar o computador a reconhecer padrões de seres humanos por exemplos. Basicamente, ele precisa de dados para treinar o sistema, aprender os padrões e, aí sim, fazer previsões.

Os avanços são visíveis na área da inteligência artificial. Mesmo depois de tantos anos, ainda estamos no começo desta tecnologia. Daí a importância das empresas e as pessoas pegarem esse bonde, que ainda está na estação. Entrar nele em movimento ficará cada dia mais difícil.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]