Pesquisar
Close this search box.
/
/
Coronavírus ‘infecta’ mercado de games com simuladores de epidemia e cancelamento de campeonatos

Coronavírus ‘infecta’ mercado de games com simuladores de epidemia e cancelamento de campeonatos

Enquanto campeonatos de esportes eletrônicos seguem cancelados na China, gamers apelam para jogos que “brincam” com coronavírus

Com diversos setores da economia sendo impactados pelo coronavírus, o mercado de games acabou não sendo exceção. Campeonatos de Esports foram cancelados em toda a China, e o efeito já chegou no Ocidente.

Por outro lado, games simuladores de epidemias globais, como Plague Inc., mostram aumento de popularidade entre jogadores de todo o mundo, curiosos ou desejosos por maiores informações sobre a crise.

Plague Inc. viraliza novamente após quase uma década de seu lançamento

campeonatos
(Foto: Shutterstock)

O jogo Plague Inc., de 2012, se tornou o mais baixado no momento graças à epidemia de coronavírus. 

Plague Inc. se trata de um game de simulação em que jogadores desenvolvem um patógeno para dar fim à humanidade. O jogo oferece altas doses de estratégia em meio a uma ambientação com estatísticas em tempo real. Além disso, sua IA avançada é capaz de utilizar dados e eventos do mundo real para oferecer uma experiência genuína de ameaça global.

Embora não seja um jogo recente, Plague Inc. tem sido o jogo pago mais baixado em 80 países, de acordo com o App Annie. Brasil, Estados Unidos e China estão inclusos nessas estatísticas.

Segundo Ndemic Creations, desenvolvedora do Plague Inc., o número de jogadores sempre dispara em ocasiões de surtos reais. 

Em 2014, durante a epidemia de ebola, a empresa também registrou aumento de usuários.

“Plague Inc. é um jogo, não um modelo científico”, afirmam desenvolvedores

A Ndemic Creations divulgou uma nota em seu site oficial, reiterando que Plague Inc. se trata apenas de um jogo sem qualquer intenção de banalizar problemas reais:

“Desenhamos o jogo para que ele seja realista e informativo, ao mesmo tempo sem fazer sensacionalismo sobre problemas sérios da vida real e do mundo.

Por favor, lembre-se de que o Plague Inc. é um jogo, não um modelo científico; e que a situação atual de surto de coronavírus é uma situação muito real, que está tendo consequências para um enorme número de pessoas.

Recomendamos sempre que jogadores busquem informações diretamente de autoridades de saúde local e global.”

Na Ásia e Europa, campeonatos de Esports são cancelados

campeonatos
(Foto: Shutterstock)

O coronavírus já ocasionou o cancelamento de diversos eventos de Esports na Ásia. Agora, a primeira interrupção fora do continente asiático foi registrada em Berlim, na Alemanha.

O torneio PGS Berlin 2020, do game PlayerUnknown’s Battlegrounds (PUBG), estava agendado para ocorrer entre os dias 31 de março e 12 de abril, e foi postergado sem prévia de substituição.

Inegavelmente, muitas equipes profissionais de esportes eletrônicos são residentes de países da Ásia. Com aeroportos e voos fechados (e sem perspectivas de reabertura) não seria possível garantir a presença desses times nos campeonatos. Além disso, as quarentenas em algumas cidades inviabilizam treinos e reuniões preparatórias e rotineiras.

Nota oficial de cancelamento do PGS Berlin 2020

“Com a saúde e a segurança de nossos jogadores, funcionários e fãs como nossas principais prioridades, tomamos a difícil decisão de adiar o evento PGS: Berlin de abril. As datas e horários dos qualificadores regionais também podem estar sujeitos a alterações. O plano para sediar quatro eventos globais de esports do PUBG em 2020 permanece inalterado, e estamos explorando ativamente opções para quando um evento de substituição pode ser realizado.”

Eventos permanecem proibidos até maio

Além do PUBG, campeonatos de League of Legends, Overwatch, Counter-Strike: Global Offensive, Pro Evolution Soccer 2020, Starcraft 2 e Dota 2 foram cancelados em países asiáticos, devido ao coronavírus.

O governo chinês proibiu quaisquer eventos esportivos ou de lazer até o mês de maio no país.

De acordo com o iResearch, o mercado de Esports na China movimentou cerca de US$ 210 milhões. Em número de jogadores, o país é líder global ― são 600 milhões de gamers que preferem os jogos competitivos.

O futuro do segmento de Esports no Brasil e no mundo

Fortnite: entenda a obsessão da Geração Z

Quanto a indústria de games evoluiu com os smartphones?


Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]