Pesquisar
Close this search box.
/
/
Como os CEOs estão tomando as decisões certas?

Como os CEOs estão tomando as decisões certas?

No Brasil, 65% dos CEOs têm planos para a IA para os próximos cinco anos. Além disso, destacam a importância da computação em nuvem

Eles estão no meio das decisões mais complexas que envolvem os negócios. Em um futuro que já começou, os CEOs precisam lidar, além da dinâmica do mercado moderno, com a crescente discussão sobre as tomadas de decisões orientadas por IA versus o capital humano. A IA Generativa tomou o centro das conversas dos executivos no mundo todo. Com mais este elemento na equação, como os CEOs de alto desempenho estão tomando as decisões certas?

Um estudo global da IBM ouviu três mil CEOs de 30 países, e concluiu que eles estão, inclusive os brasileiros, enfrentando desafios relacionados à gestão de dados das suas companhias. Dentre as principais dificuldades relatadas estão cálculos pouco claros e a dificuldade de identificar insights significativos a partir desses dados. Atualmente, apenas 43% dos executivos usam a Inteligência Artificial para fundamentar decisões estratégicas.

Esses desafios têm dificultado a tomada de decisões e de investimentos. Para muitos, o adiamento de grandes investimentos tornou-se inevitável devido à falta de estrutura consistente desses dados, em especial, em áreas emergentes como a sustentabilidade, dados e privacidade.


Quer saber o que há de melhor em CX?
Participe do CONAREC 2023!

Onde? Expo Transamérica – SP
Quando? 12 e 13 de Setembro

Ainda não tem ingresso?
Clique aqui! 💬


A capacidade cada vez mais veloz da obtenção de dados fornecidos pela IA traz um imenso arcabouço de potenciais informações, porém caberá sempre ao executivo analisar e equilibrar o conteúdo dos dados gerados pela IA com as responsabilidades e os valores da empresa. “Às vezes, o CEO tem que tomar uma decisão sem ter uma visão clara do resultado final”, reflete Roberto Tomasi, CEO da Autostrade per l’Italia (ASPI) no levantamento da IBM.

Como os CEOs tomam decisões?

Líderes no C-Level precisam levar em consideração uma variedade enorme de informações. Segundo o estudo da IBM, a maioria baseia decisões de acordo com dados operacionais, seguida por análises de dados financeiros.

No entanto, três em cada quatro CEOs relatam que as decisões não devem ser tomadas apenas com base em dados, e um pouco mais da metade opta por levar em consideração a contribuição de suas equipes.

“Às vezes você deve perceber que uma situação não pode esperar por dados mais relevantes e agir com o que você tem em mãos. Com os dados que existem, você tem que decidir naquele momento porque não pode esperar seis meses para ter o conjunto de dados certo, ou as ferramentas certas, ou o processo certo.” diz Fabián Hernández CEO da Movistar Colômbia.

A importância da IA na tomada de decisão

Os CEOs entrevistados no Brasil acreditam que, nos próximos três anos, dois pilares se tornarão fundamentais para a conquista de resultados: a computação em nuvem e o boom da Inteligência Artificial dentro das empresas, incluindo a IA generativa.

Para 65% dos líderes, já existe um plano definido que contempla um papel para a IA avançada nas futuras decisões empresariais. Essas reflexões demonstram uma crescente consciência da importância da tecnologia na estratégia de negócios. Não à toa, muitos líderes de tecnologia estão influenciando o C-Level nas tomadas de decisão. Para 34% dos CEOs, os CIOs serão os que mais irão tomar decisões importantes em suas organizações.

“Líderes corporativos de todo o mundo estão aproveitando a onda da IA generativa, e a América Latina não é exceção. É por isso que a modernização da tecnologia continua sendo uma prioridade para os CEOs da região, pois metade deles está apostando na IA como um facilitador essencial para entregar resultados”, Marco Kalil, líder de IBM Consulting no Brasil.

Quais são as questões mais desafiadoras para um CEO?

É fácil perceber que as prioridades nas tomadas de decisões são fundamentais para garantir um ritmo dinâmico no fluxo das organizações e, mais do que nunca a atenção em promover uma IA mais responsável. Por outro lado, os desafios para chegar ao resultado da forma assertiva são muitos.

No topo, muitos elencaram que a sustentabilidade ambiental é o tema maior desafio. No entanto, embora 95% das empresas apresentaram ter metas ESG operacionais, apenas 10% fizeram progressos significativos no sentido de as atingir. Esta é uma desconexão significativa na tomada de decisões. Outros temas foram pontuados, como a cibersegurança, modernização tecnológica, recrutamento, diversidade e inclusão.

À medida que a discussão continua, os CEOs de alto desempenho continuam a buscar maneiras de navegar com sucesso nesse terreno. A complexidade dos dados, a tecnologia avançada e a capacidade humana se entrelaçam em um movimento para garantir mais assertividade nas tomadas de decisões.



+ NOTÍCIAS
CEOs falarão sobre presente e futuro do NPS no CONAREC  2023

Conheça os CEOs que estarão no debate de abertura do CONAREC

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]