Pesquisar
Close this search box.
/
/
HP, Dell e Amazon podem reduzir produção na China

HP, Dell e Amazon podem reduzir produção na China

De acordo com fontes anônimas em depoimento à Fast Company, essas mesmas empresas continuam a buscar novos territórios asiáticos para suas produções

O embate entre China e Estados Unidos vai muito além de sanções econômicas e trocas de farpas na imprensa. Empresas de equipamentos e gadgets tecnológicos continuam em uma incessante batalha para evitar as possíveis novas taxas que os EUA prometem impor em exportações vindas da China. De acordo com fontes anônimas em depoimento à Fast Company, essas mesmas empresas continuam a buscar novos territórios asiáticos para suas produções.

LEIA: De Mao a Ma: como a China trabalha para tomar o posto de maior economia do mundo

A mão de obra chinesa é infinitamente mais barata, no entanto, em outros países da Ásia, ela pode ser mais barata ainda. E é por isso que companhias como HP e Dell pretendem mudar 30% de sua produção de laptops para outros países como Taiwan, Vietnam, Indonésia e Filipinas.

Outras grandes companhias da web que estão desenhando planos emergenciais de contingência são Amazon, Google, Microsoft, Nintendo, Sony, Asus e Acer. Segundo o veículo chinês Nikkei, a Apple estuda um movimento de 30% da sua produção para outros países. Novamente, todos esses movimentos são consequências da procura por uma redução de custos e uma fuga das possíveis taxas e sanções implantadas por Donald Trump.

Mão de obra na China e a realidade das fábricas

Segundo o ChinaGate, funcionários regulares do chão de fábrica em Shenzen recebem em torno de 1.500 RMB (moeda local), cerca de US$ 230 dólares americanos. Um cargo de gerência chegaria ao máximo de US$ 1.000 dólares. De qualquer forma, o trabalho por lá não é escravo. As conquistas trabalhistas na China são recentes e os salários ainda são baixos e custam pouco para as empresas. No entanto, todos recebem salários nas fábricas das mais diversas companhias.

Produção China

Estados Unidos e o turbilhão de taxas

No início deste ano, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou que trabalharia para aplicar mais de US$ 325 bilhões em taxas para exportações chinesas. A intenção era aumentar a taxa de 10% sobre US$ 200 bilhões para 25% na mesma semana.

Apesar da aplicação das taxas ter sido adiada, no ano passado uma decisão do governo americano já havia afetado as exportações chinesas. Uma taxa de 10% sobre US$ 250 bilhões. O cenário teve melhora devido às constantes conversas entre os governos dos dois países líderes da economia.

A junção das taxas ao aumento de custos para a mão de obra chinesa é a principal razão do desespero das companhias que precisariam investir mais e aumentar o preço de seus produtos no mercado.

Nesta sexta-feira (5), os representantes do governo em Pequim alertaram para uma possível recessão e consequências para ambos os países caso taxas adicionais sejam aplicadas unilateralmente. O Ministro do Comércio da China, Gao Feng, disse na quinta-feira (4) que a China tem sido firme contra as taxas e que, o trabalho em cooperação é o melhor para os interesses de ambas economias.

VEJA TAMBÉM: Comunista ou capitalista? A relação entre a iniciativa privada e o estado na China

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]