Pesquisar
Close this search box.
/
/
Bem-estar envolve relações saudáveis, autocontrole e presença

Bem-estar envolve relações saudáveis, autocontrole e presença

Painel no CONAREC 2023 reúne executivos e discute formas de ter vida com mais bem-estar no trabalho e na vida pessoal

Estabelecer uma rotina com atenção plena, presença e disciplina, e escolher estar nos ambientes que trazem felicidade são comportamentos essenciais para que cada indivíduo gere seu próprio bem-estar. Isso significa sair do piloto automático, tomar decisões que trarão gratificação no longo prazo, e sair de lugares e relações tóxicas.

“Nós como seres humanos, para nos sentirmos bem, temos que estar no controle”, afirmou Rui Brandão, médico, fundador e CEO da Zenklub. “Nós não sabemos lidar muito bem com o caos. A rotina é importante, mas cada vez mais entramos no automático. Não dá para controlar emoções, dá para gerenciá-las. Mas uma coisa desafiadora que implica trabalho é entender o que a gente pode controlar nas nossas 24 horas. Isso nos dá uma sensação de realização. Se a gente estabelecer os micro passos que estão sendo dados no dia a dia, isso nos dá uma sensação profunda de bem-estar.”

Leia mais: Liderança humanizada forma colaboradores melhores (tanto no pessoal quanto no profissional)

O painel “Bem-estar: o novo significado”, mediado por Fátima Palácio, CEO e Fundadora do Perola Instituto, e realizado no CONAREC 2023, buscou os diferentes conceitos que definem uma vida saudável – tanto fisicamente quanto mental e socialmente. Enquanto os indivíduos podem tomar ações pessoais para adotar um estilo de vida com mais bem-estar, no trabalho e nas empresas o desafio é mais complexo.

A Chilli Beans possui um programa de felicidade, liderado por Denize Savi, Chief Happiness Officer da empresa. Ela aponta que o programa foi feito com base na pesquisa mais longa da Universidade de Harvard, o “Estudo sobre Desenvolvimento Adulto” que já dura 86 anos com o objetivo de avaliar a felicidade nos seres humanos.

“A pesquisa revelou que o principal fator de felicidade do ser humano são relações de qualidade e confiança. Com base nessa pesquisa, a gente está trabalhando relacionamentos dentro da empresa. Se a gente parar para pensar, todo BO parte daí.”, explicou a executiva durante o painel”. “Percebemos que um dos principais erros dos líderes é querer que seus liderados sejam iguais a ele. Mas não é assim que funciona, porque as pessoas são diversas, e quanto mais diversas, melhor, porque uma complementa a outra.”

Leia mais: As profissões que geram mais infelicidade segundo o estudo mais longo de Harvard

Ambientes de trabalho de bem-estar

A Fazenda Futuro é a primeira empresa plant-based do Brasil a criar um produto que imita a carne a partir de ingredientes vegetais. Assim, sua marca carrega consigo valores de saudabilidade e sustentabilidade aos seus consumidores e que incentivam comportamentos individuais para o bem-estar. Já no trabalho, o esforço precisa ser coletivo.

“É importante termos uma escuta e uma empatia muito fortes”, explica Mariana Tunis, Diretora de Marketing da Fazenda Futuro. “É ter essa percepção num time muito diverso, como devemos ter, como o outro está se sentindo e saber respeitar isso. É saber que se você chegou mal-humorada no trabalho, tudo bem. Se é algo recorrente, é questionar como estão as coisas, ver onde pode ajudar, escutar a pessoa – que pode não ter com quem conversar e se soltar. O bem-estar também parte do autoconhecimento, mas é importante ter essa percepção do todo.”

Bruno Carone, Cofundador da Férias & Co, ajudou a criar a primeira plataforma de benefícios no Brasil e no mundo para viagens. Nos últimos anos, com mudanças legislativas sobre o período de férias garantido para os funcionários, o desafio de gerenciar e se planejar para momentos fora do trabalho se tornou mais complexo. “Como eu encaixo isso no meu dia a dia e como envolvo as pessoas mais importantes do meu dia a dia, como familiares e amigos, nesses momentos de descanso e lazer? Foi até pensando nisso que a gente em momento algum imaginou inventar a roda. Mas foi uma pergunta muito simples: por que ainda não existe um benefício corporativo para que as empresas possam apoiar os colaboradores naquilo que mais gostam de fazer nos seus momentos de descanso e lazer?”, conta.

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

Segundo a pesquisa “Global Talent Trends”, do PageGroup, com 70 mil profissionais no mundo, oito em cada dez trabalhadores brasileiros consideram a saúde mental e o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional como fatores fundamentais na cultura das organizações. 54% dos brasileiros afirmam estarem dispostos a rejeitar uma promoção no trabalho se perceberem que as novas responsabilidades trarão efeitos negativos para o seu bem-estar. Na América Latina, a média de respondentes que concordaram com a afirmação foi de 44% e, no mundo, 59%.

Controle dos pequenos passos

Geralmente, o trabalhador passa cerca de um terço de seu tempo diário no trabalho. O restante é dividido entre diversas atividades como lazer, tarefas domésticas, estudo e sono. Por mais que o ambiente de trabalho não dependa apenas do indivíduo, mas sim do coletivo, cada pessoa pode exercitar a disciplina e o controle sobre os momentos fora dele.

“Tem uma coisa muito interessante que é a gente viver intencionalmente e sair do piloto automático, é isso que vai trazer disciplina para a nossa vida. É tentar colocar práticas contemplativas, como a meditação, por exemplo, que ajuda a aterrar e viver consciente momento a momento. Isso é atenção plena, que ajuda a ter disciplina para conseguir ter uma rotina organizada e incluir na nossa agenda comportamentos que nos fazem bem”, explica Denize Savi.

Conheça o Mundo do CX

Mariana Tunis acrescenta que a chave para criar o bem-estar e a felicidade no dia a dia está em criar pequenas metas para os comportamentos que trarão benefícios para cada indivíduo. “A gente nunca pode deixar de sonhar grande, mas podemos ter essas pequenas metas e doses. Porque são elas que vamos trabalhando e, à medida que vamos conseguindo atingi-las, conseguimos ter essa gratificação, ter esse resultado. Tenha pequenas metas suas de vida, e de momento presente. A gente vive muito na correria e esquece do presente”.

“Efetivamente, é preciso caprichar na nossa rotina”, disse Rui Brandão. “As pessoas precisam estabelecer o que vai fazer bem essa semana. É factível malhar três dias? Estamos vamos fazer esse compromisso com nós mesmos. Se conseguirmos quebrar em micro doses, conseguimos ver um efeito cascata que logo se torna um hábito. É importante parar, refletir, declarar e agir”.



+ NOTÍCIAS
Muito além das gerações, é preciso entender os comportamentos
Quais são os próximos passos que revolucionarão o CX no Brasil?

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]