Pesquisar
Close this search box.
/
/
2021 será o ano de viagens com significados, diz Airbnb

2021 será o ano de viagens com significados, diz Airbnb

Relatório do Airbnb mostra que primeiras viagens pós-pandemia serão para visitar pessoas amadas ou criar memórias significativas

Faz mais de um ano que o mundo busca soluções para lidar com o novo coronavírus. Boa parte desse tempo as pessoas passaram dentro de casa, em isolamento social, e viram a rotina ser alterada de forma drástica. Uma atividade afetada diretamente foi a de viajar, seja a trabalho ou a lazer. Mas, agora, com o início das vacinações contra a Covid-19, já é possível pensar em retomada.

Sonhando com poder se deslocar livremente, as pessoas estão planejando viagens com significados para 2021. É o que afirma um relatório divulgado pelo Airbnb: “as primeiras viagens pós-pandemia serão para visitar pessoas amadas, ou para voltar às raízes e criar memórias significativas”.

Brian Chesky, cofundador e CEO do Airbnb, acredita que as pessoas farão essas viagens assim que se sentirem seguras. “A viagem será vista como um antídoto para o isolamento e a falta de conexão. Normalmente, as pessoas não perdem a oportunidade de conhecer pontos turísticos ou destinos da moda. Mas a viagem de massa é apenas uma forma diferente de isolamento – você é um anônimo cercado por outros viajantes. O que as pessoas querem das viagens agora é o que foram privadas por um longo tempo: passar tempo ao lado da família e dos amigos”, diz.

Leia também: O que podemos esperar do turismo no Brasil? 

Com base em pesquisas e dados internos, o Airbnb listou as tendências em relação às viagens em 2021. Confira os principais pontos.

Viagens de negócios serão diferentes

Na pesquisa feita pelo Airbnb, mais de 1/3 dos respondentes esperam ter que viajar menos a trabalho depois da pandemia. A empresa acredita que as viagens de negócios serão de trabalhadores saindo de onde moram para se reunir em seus locais de trabalho esporadicamente, afinal, com a possibilidade do trabalho remoto, muitas pessoas estão mudando de cidade ou se tornando nômades digitais.

Preferência por distâncias curtas

As viagens domésticas são a consideradas a melhor opção para 56% dos respondentes da pesquisa, enquanto apenas 21% desejam fazer viagens internacionais. Isso é explicado pela preferência de realizar o percurso de carro ao invés de pegar um avião. Esse sentimento ainda é resultado da insegurança trazida pela pandemia.

Falta de interesse por destinos populares

Outro efeito da pandemia é o desejo de evitar multidões e destinos muito populares. O maior interesse está continuará em locais mais isolados, o que pode ser visto em 2020, quando as opções de destinos mais calmos perto de grandes cidades passaram a receber grande demanda.

O Airbnb afirma que em 2019, as estadias mais procuradas estavam em Barcelona, Lisboa, Londres, Los Angeles, Madrid, Nova Iorque, Paris, Roma, Seul e Toronto. Nas buscas para reservas em 2021, o cenário é outro: entre os destinos de maior interesse estão Derbyshire, Reino Unido; Rodanthe, Califórnia; Forks, Washington; e Muskoka Lakes, perto de Toronto.

Viagens acessíveis e seguras

Em um momento de incertezas econômicas, economizar na viagem se tornou mais importante até do que os protocolos de saúde e segurança, que ficam 10 pontos atrás na pesquisa do Airbnb. Tal comportamento deve se estender por alguns anos.

Mas isso não significa que a segurança não seja importante. Para considerar viajar para um destino, 1/3 das pessoas disseram que a maioria das pessoas locais precisam estar vacinadas.

Sustentabilidade ganha importância

Os consumidores estão se preocupando cada vez mais com o meio ambiente e as causas sociais, e vêm cobrando as marcas nesse sentido. Na hora de viajar não será diferente. 56% dos respondentes menores de 50 anos disseram que tendem a usar mais plataformas que oferecem a possibilidade de pesquisar acomodações que usem energias alternativas, por exemplo. Entre os acima de 50 anos, a porcentagem diminui para 28%.


+ Notícias 

Dating Burnout: entenda o fenômeno que acomete cada vez mais solteiros 

Como funcionará o mundo em 2021? Veja as principais apostas 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]