Pesquisar
Close this search box.
/
/
Você sabe o que é micromobilidade?

Você sabe o que é micromobilidade?

Com transporte individual e focado em curtas distâncias, esse tipo de mercado já vive concorrência acirrada e previsão de movimentações financeiras bilionárias

Se você mora em São Paulo (ou também Rio de Janeiro, Vitória, Florianópolis) já deve ter percebido que algumas coisas mudaram quando o assunto é andar pelas ruas. Bicicletas elétricas ou patinetes estão por aí, viraram mania em determinados bairros e um negócio lucrativo para grandes empresas.

Também deixaram de ser usados apenas nos “domingos de lazer” para agora fazerem parte do dia a dia atarefado das pessoas. Essa movimentação, que exclui os carros e se conecta com veículos públicos de transporte (como ônibus ou metrô), tem um nome próprio. É a micromobilidade, conceito falado pela primeira vez em 2017, em um evento de tecnologia na cidade de Copenhagen.

micromobilidadeEla se relaciona com a categoria de veículos que pesam menos de 500kg, tenham motor elétrico e sejam adequados para locomoção em curtas distâncias. São aqueles também que podem ser usados e deixados em diversos cantos da cidade ou usados e retornados a um ponto de partida. 

Duvida que essa área irá bombar nos próximos anos? Pois a Uber acaba de entrar com tudo na disputa pelos usuários de patinete em São Paulo – um mercado que na capital paulista tem a Lime e a Yellow como principais concorrentes.

E especialistas no mercado de mobilidade afirmam que 2019 foi o ano de ouro para esse tipo de locomoção, não só pela concorrência que se intensificou, como também pela popularização desse tipo de transporte.

De acordo com a consultoria global McKinsey Center for Future Mobility, a movimentação financeira gerada pela micromobilidade deve ser de US$ 200 a 300 bilhões em 2030 apenas nos Estados Unidos. Europa e China são os outros grandes polos em ascensão. E estamos falando de um cenário de 10 anos à frente, ou seja, está logo ali. 

ADEUS CARROS

A mesma consultoria McKinsey informa que a imensa maioria das viagens feitas dentros da metrópoles é de, no máximo, 8km de distância. Ou seja, um trajeto que pode ser feito de forma mais rápida e menos poluente por outros veículos, sem deixar nada a dever aos automóveis tradicionais.

Aí está o grande valor da micromobilidade. Vale lembrar que um elemento-chave para essa nova maneira de usar meios de transporte é o compartilhamento.

A geração Z, inclusive, já nasce com a o conceito de compartilhar mais naturalizado. Aquela ideia de fazer uma poupança para comprar um carro novo só para si mesmo vem perdendo força. 

micromobilidade

A micromobilidade está dentro da mobilidade urbana e precisa ser levada em consideração pelos gestores das cidades brasileiras.

Não é só um negócio, mas uma forma de pensar o fluxo das pessoas de maneira totalmente diferente do que vem ocorrendo nos últimos 20 anos, quando o carro foi (e continua sendo) o centro das atenções. 

Em São Paulo este mercado segue acelerado. Além dos patinetes e das bikes elétricas, já é possível alugar também scooters elétricas.

Novamente focando nas pequenas distâncias, o serviço da Riba Share, por exemplo, tem aluguel mínimo de R$ 5,90 por 10 minutos. Pagar por um período curtíssimo de uso tem a ver com a ideia da micromobilidade que complementa outras formas de transporte – é o conceito de primeira ou última perna.

micromobilidade

É ela que te levará até o metrô ou para aquele rolê do dia de parar em vários lugares diferentes. Qualquer distância curta demais para carros ou longa e desconfortável demais para caminhadas se encaixa nesse cenário.

Mais um trunfo para as empresas que exploram esse nicho é o fato de seus veículos também servirem para as horas de lazer aos fins de semana – e não só para ir de um lugar ao outro cumprir uma tarefa. E aí, ficou com vontade de testar?


+ SOBRE O ASSUNTO 

Fizemos o test drive da scooter elétrica. Vale a pena?
Como os brasileiros usam os apps de mobilidade?
Berlim é líder mundial em ranking de mobilidade urbana
Novos caminhos: tendências que devem surgir em mobilidade urban
Como Waze, CargoX e ClickBus trabalham para promover a mobilidade nas cidades
Apps de carona: os novos desafios da mobilidade

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]