Pesquisar
Close this search box.
/
/
TikTok restringe tempo de uso para adolescentes

TikTok restringe tempo de uso para adolescentes

A mídia social anunciou medidas para limitar o uso do app por menores de 18 anos após ameaça norte-americana de banimento da plataforma

O TikTok anunciou algumas medidas para limitar o uso do aplicativo por adolescentes. A principal dela é o controle do tempo de tela para menores de 18 anos, que só poderão acessar a rede social por 60 minutos por dia.

As mudanças foram anunciadas após uma série de críticas feitas por pesquisadores aos efeitos nocivos do uso excessivo de redes sociais ao cérebro de crianças e adolescentes. Um estudo publicado pela revista científica NeuroImagem em 2022 identificou que assistir aos vídeos recomendados pelo aplicativo gera um excesso de dopamina no cérebro, semelhante ao efeito de vício.

Leia Mais: O impacto das redes sociais nas crianças vai a julgamento

O TikTok afirmou em nota oficial que “adolescentes precisam de apoio extra quando começam a explorar a internet de forma independente”, e por isso decidiu implantar medidas de controle que estarão disponíveis já nas próximas semanas. No caso do tempo de tela, após uma hora será necessário inserir uma senha para continuar a usar o aplicativo. Segundo a mídia social, desta forma o usuário menor de 18 anos precisará tomar ativamente uma medida para continuar a usar a plataforma.

O TikTok também passa a contar com um medidor de quantidade de tempo que cada usuário passa no aplicativo, similar ao que já existe no Instagram, e a listar a quantidade de vezes em que o app foi aberto. Além disso, as notificações para usuários entre 13 e 15 anos serão automaticamente suspensas a partir das 21h, e para os adolescentes de 16 e 17 anos às 22h.

Assine nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

As medidas e o tempo tido como o mais próximo do limite ideal para a faixa etária foram decididas após consultas com especialistas do Laboratório Digital Wellness do Hospital Infantil de Boston e da análise de pesquisas acadêmicas recentes.

“Acreditamos que as experiências digitais devem trazer alegria e desempenhar um papel positivo na forma como as pessoas se expressam, descobrem ideias e se conectam”, disse Cormac Keenan, head de confiança e segurança do TikTok no comunicado.

A explosão das mídias sociais nas últimas duas décadas é acusada de contribuir para uma crise de saúde mental entre os jovens, dizem especialistas. A pesquisa também indicou que limitar o tempo de tela pode fazer os jovens se sentirem melhor consigo mesmos.

Em janeiro deste ano, escolas públicas americanas entram com ação para responsabilizar redes sociais por danos à saúde mental de crianças e adolescentes. A ação mira TikTok, Meta, Snap e outras empresas para responsabilizar as plataformas de mídia social pelo excesso de estímulos para que crianças e adolescentes se mantenham conectados, o que pesquisas apontam que pode interferir na percepção de si mesmos e do mundo, especialmente no caso de pessoas em formação.

Leia Mais: Marcas no TikTok: como usar a rede social do momento ao seu favor

Boas medidas, mas ainda insuficientes

Para o neurocientista Fabiano de Abreu Agrela, as mudanças são benéficas para os adolescentes, mas as medidas ainda são bastante limitadas e pouco eficazes.

“Aparelhos eletrônicos como um todo, mas em especial as redes sociais se usada por um longo período podem ser bastante perigosas para o desenvolvimento adequado do cérebro dos adolescentes, pois os deixa em um estado de ‘passividade’ onde pouco aprendizado é adquirido e o cérebro não faz os esforços necessários para seu desenvolvimento através da neuroplasticidade, o que é fundamental nas idades anteriores aos 18 anos”.

“As medidas apresentadas pelo Tik Tok são um início importante, mas ainda não causam impactos relevantes nesse processo, pois a idade é autodeclaratória, o que faz com que seja muito fácil o sistema ser burlado, já a exibição do tempo de tela pode dar um ‘choque de realidade’, pois muitas vezes os usuários perdem a perceção do tempo ao usar esses aplicativos”, avalia o neurocientista.

Conheça o Mundo do CX

Linda Charmaraman, pesquisadora sênior do Wellesley Centers for Women, disse à TV pública americana, NPR, que os limites parecem ser um esforço de boa-fé do TikTok para regular como os jovens usam o serviço da empresa.

“Acho que é realmente um passo interessante para uma empresa de mídia social finalmente acordar para o apelo do público para colocar alguns controles para mostrar que eles não estão apenas [passando] o máximo de tempo possível em seus aplicativos, mas máximo de cliques possível em seus aplicativos”, disse.

Já para Agrela, “no fim, o principal é o esforço individual e o autocontrole para evitar excessos e utilizar a tecnologia de forma inteligente, para os adolescentes, é fundamental que os pais os conscientizem disso desde cedo”, alerta o neurocientista.


+ Notícias

Azul é eleita a companhia aérea mais pontual do mundo

BC, CVM e Febraban debatem nova moeda, Real Digital

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]