Pesquisar
Close this search box.
/
/
Conheça as tendências que foram aceleradas pelo coronavírus

Conheça as tendências que foram aceleradas pelo coronavírus

Em tempos de mudanças radicais, tecnologias e comportamentos que ainda demorariam anos para se consolidar acabam sendo aceleradas para a nossa rotina

Diante do cenário atual da pandemia, empresas, startups, organizações e consumidores estão sendo afetados diariamente. Ninguém poderia prever que uma pandemia, ocasionada por um novo vírus, atingiria a população em pleno 2020, mantendo todos em um isolamento.

De acordo com a TrendWatching, plataforma online de inteligência de tendências, com a crise do coronavírus, alternativas que eram aplicadas gradualmente em nosso cotidiano estão sendo aceleradas radicalmente, e em pouquíssimo tempo, farão parte da normalidade.

Como resultado, estamos perante a uma série de tendências globais que começam a ditar novos comportamentos e meios de consumo. Veja abaixo quais são:

Vitrine em tempo real

celulares

O comércio eletrônico através de transmissão ao vivo é algo que já vinha sendo comentado há cerca de 3 anos, mas ainda era pouco explorado no Brasil. Agora, este mercado está prestes a ganhar mais espaço. Conhecido como live shopping, a alternativa auxilia no processo de compras online e conexões sociais, de uma maneira mais interativa, experimental e com uma grande sacada: em tempo real. A câmera funciona como uma vitrine, onde marcas podem oferecer aos seus clientes informações detalhadas e reais de seus produtos, sem a necessidade de sair de casa.

Comércio automatizado

A Inteligência Artificial já era vista como o futuro dos negócios por muitas empresas. Atualmente, em meio à pandemia do coronavírus e sem interações físicas, ainda mais. No setor de serviços, empresas como a Amazon, Walmart e Shutterfly já utilizam a automatização em suas fábricas para substituir mão de obra, através de bots inteligentes que escaneiam e empacotam os produtos. No ramo alimentício, a NotCo é outro exemplo, focada em uma alimentação saudável e sem origem animal; todos os seus produtos são desenvolvidos pelo Giuseppe, um algoritmo de AI. Desta forma, a startup de origem chilena, consegue produzir alimentos muito mais rápido que outras indústrias.

Status virtual

Empresas que percebem as necessidades dos consumidores e desenvolvem inovações para melhorar sua experiência, possuem uma ferramenta poderosa em mãos. Os bens virtuais, muito utilizados pelas gerações mais jovens, estão se tornando mais notáveis com o efeito do coronavírus. Antes o status vinha de forma física, hoje tudo é possível através da internet e um smartphone. Os bancos digitais representam isso da melhor forma: mesmo com a pandemia e comércios fechados, quem possue aplicações e contas digitais consegue movimentá-las normalmente sem ter prejuízos.

Bem-estar ambiental

busca

O Ambient Wellness é uma estratégia focada em melhorar a experiência do cliente. A ideia é que, com a sua adoção, as marcas busquem continuamente oportunidades para incluir iniciativas agradáveis aos seus produtos, serviços e campanhas. O objetivo é alcançar níveis de vitalidade mais saudáveis e felizes entre os consumidores, ganhando também a confiança deles. Em ambientes online, como no e-commerce, sua utilização pode ser aplicada para deixar um site com uma aparência esteticamente mais leve e com melhor acessibilidade.

Valorização da empatia

empatia

A crise global econômica e a situação em que a saúde pública se encontra são alguns dos assuntos que mais preocupa as pessoas atualmente, podendo inclusive desenvolver distúrbios como ansiedade e a síndrome de Burnout. Por isso, este é o momento de valorizar as empresas que mostram empatia pelo consumidor. A tendência é que cada vez mais as marcas ajudem a criar momentos de alegria e tranquilidade e tenham responsabilidades sociais, mostrando que pretendem melhorar o bem-estar mental e emocional de seus clientes.

Tendências pós-coronavírus no Whow! 

O isolamento social criou novos hábitos e mudou a forma como lidamos com o mundo. As experiências virtuais baseadas em tecnologia imersiva ganham força e a interação está cada vez mais natural com chatbots e assistentes digitais. Conheça as tendências que estão ganhando uma importância maior em meio à pandemia do novo coronavírus. Saiba mais no Whow!.


Após dias de insolamento social, como manter uma boa saúde mental durante o restante da quarentena?

Quarentena afeta consumo de conteúdo e sobrecarrega servidores

Conheça a fórmula científica capaz de fornecer bem-estar através da música

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]