Pesquisar
Close this search box.
/
/
Com tecnologia e atuação ampla, Porto quer “continuar a ser porto seguro dos clientes”, diz CEO

Com tecnologia e atuação ampla, Porto quer “continuar a ser porto seguro dos clientes”, diz CEO

Com a missão de inovar e trazer as melhores soluções em diversos segmentos, a Porto reposiciona marca e mira na omnicanalidade

Cada vez mais um ecossistema de serviços, que começou em seguros e atualmente vai de saúde à fintech, a Porto se reposicionou muito além do nome. A pandemia acelerou o processo de digitalização que já acontecia na empresa, focado no mapeamento da jornada do cliente e em um atendimento verdadeiramente omnichannel.

Assine nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Os dados mostram que o investimento tem dado frutos. Além de mais de 40% dos atendimentos já serem pelo WhatsApp, o aplicativo da Porto está muito bem ranqueado nas stores. Para entender melhor como foi o processo de ampliação da atuação e os desafios encontrados nesse caminho, a Consumidor Moderno conversou com o CEO da Porto, Roberto Santos.

Consumidor Moderno – A Porto se tornou um ecossistema de serviços. Como trabalhar a equalização de todas as possibilidades oferecidas para solucionar as questões dos clientes?

Roberto Santos – Com o novo posicionamento da marca, passamos a atuar de forma mais ampla em temas e segmentos mais diversos, mas as verticais seguem conectadas, buscando sinergias em soluções e produtos. Tudo sem perder a qualidade do atendimento, a parceria com os corretores, além da visão centrada no cliente e no fortalecimento do ecossistema, que fazem parte da nossa identidade. Possuímos um grande portfólio de produtos, serviços e soluções financeiras que acompanham as pessoas em todos os momentos da vida e queremos continuar expandindo. A vertical Porto Seguros, por exemplo, nasce para integrar as soluções de seguros da companhia, atuando para expandir o mercado e servir mais clientes com soluções inovadoras, com olhar para o futuro, aliando conhecimento e tecnologia.

Um dos segmentos que a cada balanço trimestral evidenciava bons resultados e agora se consolida é a vertical Porto Saúde. Temos um vasto cenário de oportunidades e queremos estreitar a relação com os clientes empresariais e oferecer a eles as melhores soluções para sermos parceiros não só em saúde, odontologia e saúde ocupacional, mas em negócios. A Porto Seguro Bank já nasce com produtos consolidados no mercado, com uma carteira sólida e com uma ampla experiência tanto em produtos de créditos, quanto em investimentos. Agora, estamos unindo toda a solidez e confiança da Porto com a capacidade de inovar e desenvolver novas soluções desta nova estrutura. Isso nos deixa numa posição bastante competitiva para criar soluções para todas as necessidades dos clientes.

Leia Mais: Como impulsionar a maturidade da empresa com operações inteligentes

CM – O que mudou no mindset do Porto Seguro no pós-pandemia? Que novas práticas viram que seriam permanentes?

RS – É um fato que a pandemia demandou muita resiliência das empresas para se atualizar e proporcionar aos clientes soluções que atendessem suas necessidades diante desse cenário complicado. E a Porto já vinha passando nos últimos anos por uma grande transformação digital, a caminho de ser cada vez mais uma empresa que utiliza a tecnologia para criar experiências fantásticas, com sistemas de solução de proteção para todos os momentos da vida das pessoas.

Com essa reestruturação a Porto atinge um novo momento, em que
queremos reforçar a evolução e a força da marca no mercado

A pandemia despertou nas pessoas um novo olhar para o conceito de proteção. E aqui do outro lado, investimos mais do que nunca em pesquisas e mapeamento da jornada do cliente para entender as novas necessidades e identificar novas oportunidades de atuação. Neste processo, entendemos ser a hora de repaginar a nossa marca e estrutura de negócio. E com essa reestruturação, a Porto atinge um novo momento, onde queremos reforçar a evolução e a força da marca no mercado. Estamos olhando para o futuro. Temos uma nova marca, que comunica para fora todas as evoluções que estamos experimentando aqui dentro, com inovação, tecnologia e verticalização para gerar mais autonomia e diversificação dos nossos negócios.

Conheça o Mundo do CX

CM – A Porto comprou uma participação em uma startup de automatização de atendimento. É um passo no caminho da automação e hiperpersonalização?

RS – Este acordo dá continuidade ao processo da Porto Seguro Bank de agregar cada vez mais tecnologia à nossa estrutura, tornando as operações mais ágeis e completas. Seguimos investindo em soluções como as desenvolvidas pela Tech4Humans para nos consolidarmos como a instituição com as melhores soluções financeiras para as pessoas. A Porto já utilizava os serviços da Tech4Humans para gerir células de atendimento com os clientes. Com o acordo, a startup deve desenvolver soluções cada vez mais customizadas para a Porto Seguro Bank. Nosso objetivo é usar a tecnologia para surpreender o cliente, tornando a sua vida mais simples e ágil, prevendo e antecipando suas necessidades.

CM – A omnicanalidade no atendimento hoje é essencial para a satisfação do cliente. Como vocês buscam oferecê-la?

RS –Temos usado o atendimento digital como aliado e nosso principal objetivo é construir uma experiência omnichannel e deixar que o cliente escolha o canal que faz mais sentido para ele, para entregar uma experiência fluida e simples. Atuar em diversas frentes de negócios não é um trabalho fácil, todos os processos e comunicações devem estar alinhados e preparados para disponibilizar o melhor serviço. É muito importante ouvir a opinião dos consumidores finais para saber quais são suas expectativas e necessidades para atendê-las da melhor forma.

A Porto sempre teve como foco suprir às demandas de seus clientes de maneira mais eficiente possível, por isso, fazemos frequentemente pesquisas de opinião para avaliarmos o que pensam e necessitam tanto nossos clientes, como nossos parceiros corretores, além da avaliação constante da jornada do consumidor por meio dos nossos canais de atendimento com pesquisas de NPS e Satisfação.

Faça parte do maior congresso sobre experiência do cliente da América Latina

CM – Em quais canais a Porto oferecem o atendimento ao cliente?

RS – Hoje, 40% dos nossos atendimentos de serviços de assistência são realizados por WhatsApp. Os clientes conseguem realizar a maioria dos serviços com o assistente virtual da companhia. Para resolver a necessidade do cliente e dar segurança de ele que pode falar com o nosso time de atendimento. Temos também a transição para o atendimento humano, preservando a resolubilidade e satisfação do cliente.

Com o super app, diversos serviços podem ser encontrados em poucos toques. Os chatbots também são utilizados para melhorar e agilizar o atendimento ao cliente. Consultas de baixa complexidade e processos de negócios que possam ser feitos sem a necessidade de esclarecimentos adicionais já podem ser resolvidos entre o cliente e as programações por meio do atendimento telefônico, caso seja a escolha do cliente.

O cliente pode ainda acessar o Portal do Cliente ou entrar em contato por telefone. E para o contato com o corretor, a companhia conta com múltiplos canais de atendimento, como portal web, aplicativo e WhatsApp.

Embora seja um canal novo, o WhatsApp com alto nível de maturidade, com 90% dos produtos e as principais funcionalidades sendo atendidas pela assistente virtual. O super app também é novo e está forte processo de crescimento, já com vários produtos e principais serviços, além de ofertas personalizadas. Estamos trabalhando para ter todos os produtos e serviços em todos os canais para a construção da visão omnichannel.

Leia Mais: WhatsApp domina, mas canal telefônico tem seu valor

CM – Como o desenvolvimento do perfil do consumidor serve como orientador para a criação das estratégias?

RS – O modelo de consumo está em constante mudança, por isso, é necessário ficar atento às necessidades do consumidor para proporcionar um atendimento adequado a evolução da demanda. Hoje, o consumidor não nos compara apenas com competidoras diretas, mas com a experiência de comprar no varejo digital, chamar um carro por aplicativo – a tecnologia vem derrubando muros e redefinindo fronteiras. E para nos manter como um porto seguro para as pessoas, estamos cada vez mais aprofundando o perfil do consumidor, dentro e fora da Porto, para desenhar soluções e canais de acordo com o perfil e/ou necessidade.

A tecnologia vem derrubando muros e redefinindo fronteiras, para nos manter como um porto seguro
para as pessoas, estamos cada vez mais aprofundando o perfil do consumidor

Ao longo dos anos, notamos que clientes e corretores precisavam cada vez mais de soluções simples, práticas e personalizáveis que os ajudassem a resolver algumas questões sem sair de casa e buscamos investir nesse caminho. Intensificamos os investimentos na transformação digital, trazendo soluções práticas com foco total na jornada do cliente e no lançamento de produtos e serviços inovadores e que atendam às necessidades dos consumidores. Também estamos conectados com os anseios dos clientes através do monitoramento e interação nas redes sociais. Ouvir o cliente é essencial para entender suas necessidades, desenvolver produtos e construir experiências relevantes.

conarec2022


+ Notícias

Você pratica o que defende?

Aumenta interesse do consumidor sobre portabilidade de planos de saúde

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]