Pesquisar
Close this search box.
/
/
Por que o metaverso não decola?

Por que o metaverso não decola?

Sofisticação da tecnologia, segurança cibernética são alguns dos entraves para que o metaverso seja de fato uma transformação tecnológica

Nos dias de hoje, é natural as pessoas indagarem o porquê de determinada tecnologia ainda não ter se consolidado nos horizontes da vida profissional e social. O metaverso é uma delas.

A promessa de materializar o paralelismo da realidade expandida no dia a dia está começando a se desgastar. Com exceção dos alienados tecnológicos, que acreditam cegamente na transformação tecnológica do mundo num piscar de olhos, os mais realistas não apostam mais as suas fichas no metaverso.

E a probabilidade de que eles estejam certos é muito grande, pois apesar das pesquisas e mesas redondas apresentarem hipóteses de diversos especialistas sobre um mundo paralelo ao nosso, é ainda muito difícil tornar claro e tangível o metaverso na sociedade como um todo. Eis alguns argumentos críveis de fundamentação científica.

Assine nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Os desafios do metaverso

A tecnologia no metaverso exige sofisticação, ou seja, o hardware e o software deverão ser capazes de suportar a interação em tempo real entre os avatares e o ambiente virtual, isso para tornar a experiência do usuário mais imersiva e realista, sem mencionar a possibilidade da interação entre ambientes virtuais de diferentes plataformas e a adoção de inteligência artificial.

A segurança cibernética também é um tema importante, já que no metaverso há riscos com relação aos dados pessoais e quaisquer ativos digitais transacionados nele, inclusive, no uso de moedas digitais e NTFs, serviços de tecnologias com baixa credibilidade também.

A Internet é um ambiente global e acessível a todos. O metaverso poderá ser igual? É bem provável que não, pois o acesso à Internet e outras tecnologias têm um custo muito alto, tornando-o difícil em alguns países. Logo, sendo ele uma plataforma de aplicação na Internet, a possibilidade de exclusão é enorme.

O metaverso e os avatares no ambiente político e regulatório deverão respeitar as leis nacionais e as regras internas da empresa responsável. Parece óbvio, mas a liberdade de expressão e de pensamento nunca estiveram tão enfraquecidas em tempos contemporâneos. No Metaverso seria diferente?

Conheça o Mundo do CX

Por fim, a jogada de marketing da empresa Meta. Apesar da empresa Facebook ainda ser uma das mais lucrativas do mundo — postagens de três bilhões de pessoas e anúncios das mais diversas marcas –, a Meta fez uma aposta “no escuro” de 100 bilhões de dólares no metaverso. Ou seja, o CEO Mark Zuckerberg investiu em algo que ninguém ainda sabe direito o que é, nem mesmo a Meta. Além disso, a empresa sequer disse qual seria o modelo de negócios aplicado ao empreendimento, tornando a proposta desvantajosa.

Os indicadores de insucesso não param por aqui. A Meta, em novembro de 2022, apresenta o Galactica, um bot de aprendizagem de máquina parecido com o ChatGPT, da OpenAI. Um fracasso total, uma vez que os erros foram tantos que a plataforma foi retirada três dias depois da web. Ou seja, a possibilidade de unir as duas tecnologias também foi por água abaixo.

É mais do que óbvio que as ideias da Meta e, consequentemente, do metaverso não são confortáveis. Ainda há muita dúvida do papel transformador da tecnologia. Contudo, há quem aposte no seu sucesso.

*Por Rodrigo Cardoso é Professor Doutor da Faculdade de Computação e Informática


+ Notícias

O amor está no metaverso? Como nova realidade virtual vai influenciar novas formas de se relacionar

O ChatGPT vai acabar com o Google?

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]