Pesquisar
Close this search box.
/
/
Embalagens sustentáveis, um desafio para indústria no delivery

Embalagens sustentáveis, um desafio para indústria no delivery

Novas embalagens de papel biodegradáveis buscam reduzir poluição plástica no delivery de alimentos, mas encontram desafios.

Reduzir o impacto causado pelo descarte excessivo de embalagens plásticas em um mundo em que praticamente tudo o que chega na sua casa vem em uma embalagem de papel, que cobre outras embalagens plásticas ou de isopor, como é praxe no setor de entregas de alimentos. O iFood, em parceria com a Klabin, uma das maiores produtoras e exportadoras de papéis para embalagens do mundo, anunciaram o lançamento de novas embalagens sustentáveis e biodegradáveis à base de papel para entrega no delivery. A parceria foi testada durante a Semana do Hambúrguer.

Preferência por embalagens sustentáveis

De acordo com uma pesquisa realizada pelo instituto Opinion Box, 76% dos clientes do iFood consideram importante que as embalagens utilizadas no delivery sejam sustentáveis, e 54% dos consumidores tendem a escolher restaurantes que adotam embalagens eco-friendly. Segundo o iFood, a empresa a adotou medidas para alcançar sua meta de zerar a poluição plástica até 2025 baseadas nesses resultados.

Leia mais:
Você sabe o que são embalagens estendidas?

Parceria entre iFood e Klabin

André Borges, diretor de sustentabilidade do iFood, compartilhou mais detalhes sobre a nova embalagem e suas características inovadoras em uma entrevista exclusiva à Consumidor Moderno. Borges destacou o compromisso centenário da Klabin com a sustentabilidade e seu esforço em desenvolver produtos integrados à economia circular.

A principal vantagem da solução utilizada na campanha #HamburguerNoPapel é a não necessidade de separação de materiais para reciclagem, já que a camada de barreira se mistura à nova massa de polpa, não deixando resíduos e preservando as propriedades do papel reciclado resultante, defende o executivo.

“A reciclagem é um processo complexo, que envolve o potencial de reciclagem dos materiais e as oportunidades de mercado oferecidas para os materiais reciclados. Justamente por isso, é de total importância que todos os elos da cadeia de consumo, da indústria ao consumidor, tenham consciência da importância da sustentabilidade e, principalmente, se engajem nessa causa”, enfatizou Borges.

Ele também ressalta a importância da parceria estratégica entre o iFood e a Klabin para impulsionar a sustentabilidade no setor de entregas de alimentos. Para Borges, as empresas estão oferecendo soluções inovadoras aos clientes e reduzindo a poluição plástica por meio da adoção de embalagens mais sustentáveis.

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

Desenvolvimento das embalagens biodegradáveis

As novas embalagens de papel biodegradáveis, desenvolvidas em parceria com a Klabin, substituíram as embalagens de isopor em 22 restaurantes de 12 cidades durante a Semana do Hambúrguer. A solução inclui caixas para hambúrguer, papel de embrulho e caixinhas para batatas fritas. Ao todo, foram distribuídas 266 mil unidades dessas embalagens, proporcionando uma alternativa sustentável aos consumidores. A expectativa agora é que mais empresas que comercializam dentro da plataforma adotem formas mais sustentáveis de entregar os pedidos aos clientes.

Desafios e considerações importantes

A reciclagem eficaz das embalagens de papel reciclado e resina biodegradável requer uma infraestrutura adequada, investimentos em coleta seletiva e centros de reciclagem preparados para processar os materiais.

Ou seja, somente se houver disponibilidade de instalações de reciclagem de papel adequadas e com capacidade de processar essas embalagens em larga escala é que efetivamente haverá reciclagem.

Impacto Ambiental do Processo

Outro aspecto a ser considerado é o uso de recursos naturais no processo de produção das embalagens de papel reciclado e resina biodegradável. Embora sejam embalagens fabricadas com papel certificado (produtos vindos um manejo florestal responsável), o processo de produção delas ainda requer o uso de recursos como energia e água.

Portanto, é importante ponderar se a redução dos impactos ambientais durante o ciclo de vida dessas embalagens compensa o consumo adicional de recursos da sua produção.

Mercado para materiais reciclados

Por fim, é necessário criar oportunidades de mercado para os materiais reciclados. A demanda por produtos feitos com materiais reciclados é essencial para garantir a sustentabilidade do processo de reciclagem. Se os materiais reciclados forem mais caros do que os materiais novos, por exemplo, seu uso deixa de ser comercialmente vantajoso e acabar ficando restrito a nichos.

Por que começar pelo hambúrguer?

A decisão de começar a substituição de embalagens pelo segmento de hambúrguer foi baseada na popularidade do alimento entre os consumidores. Também foi considerado o fato de ser um dos itens mais vendidos na plataforma. A empresa afirma que reconhece a importância de abordar a questão ambiental nesse setor. O iFood diz que quer conscientizar tanto os restaurantes parceiros quanto os consumidores sobre a necessidade de adotar embalagens sustentáveis.

Quem tiver interesse em saber mais novas embalagens sustentáveis para hambúrguer do iFood, pode entrar no iFood Shop, plataforma de compras que atende aos estabelecimentos parceiros.



+ NOTÍCIAS
O lado arriscado das estratégias promocionais
Inovação e feedback: o caminho do sucesso da Duas Rodas no mercado de sorvetes

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]