Pesquisar
Close this search box.
/
/
Fechando a lacuna tecnológica

Fechando a lacuna tecnológica

A logística tem o desafio de lidar com as novas demandas do varejo. Mas também há oportunidades

A volatilidade do mercado e o aumento do mercado omni-channel criaram desafios significativos para os produtores e varejistas, mas criaram também enormes oportunidades para seus parceiros de logística.

Com a continuação do trabalho dos fabricantes e dos varejistas sobre o controle dos custos, e ao mesmo tempo, aumentando sua agilidade e responsividade, os fornecedores de logística terceirizada (3PL) tornaram-se um recurso fundamental. Segundo o 18o Estudo Anual de Logística Terceirizada publicado em 2014 pelo Dr. John Langley, 72 por cento dos transportadores estão planejando aumentar seu uso de serviços de logística terceirizada no futuro. Essa é uma boa notícia para os 3PLs.

Mas o estudo também revelou uma “lacuna de TI” que os 3PLs precisam fechar a fim de corresponder às expectativas dos clientes e adicionar maior valor. Um total de 98 por cento dos transportadores acredita que o sucesso continuado de suas cadeias de suprimento globais depende do gerenciamento de dados e também da margem de manobra para uma melhor tomada de decisões. Ainda assim, apenas 55 por cento dos transportadores estão satisfeitos com os serviços de tecnologia de informação fornecidos pelos seus parceiros de 3PL.

Por que os 3PLs não estão se esforçando para fechar essa “lacuna de TI” por meio de maior investimento em tecnologia de informação? Primeiro, a incerteza e a volatilidade nos relacionamentos de clientes tornam o investimento de longo prazo em novas tecnologias uma proposição de risco. Segundo, muitos 3PLs não têm excelência interna ou largura de banda para compreender, avaliar e implementar novos e avançados sistemas.

Terceiro, alguns 3PLs têm pilhas de tecnologia insuficiente ou superada para dar suporte a sistemas avançados. E em quarto lugar, a maioria das parcerias de logística é focada em objetivos táticos e de curto prazo, como redução de custos e melhoria dos níveis de serviços e não em vantagens estratégicas de longo prazo. Entretanto, os avanços nos recursos dos sistemas, os serviços de fornecedores e as plataformas de nuvem podem superar todos esses desafios.

Ir além do tático para oferecer um valor estratégico real

O relatório de Logística Terceirizada revelou que, quando se trata de adicionar valor por meio de tecnologia, os transportadores encaram seus parceiros de 3PLs como táticos ao invés de estratégicos. Por exemplo, 76 por cento dos entrevistados disseram que contam com fornecedores de logística em termos de intercâmbio de dados eletrônicos (EDI) ? mas apenas 42 por cento encaram os 3PLs como um verdadeiro parceiro em analíticas avançadas e em mineração de dados embora ambos, os transportadores (97 por cento) e os 3PLs (93 por cento), concordem que uma melhor tomada de decisão orientada por dados será essencial no futuro para as cadeias de suprimentos.

Os fornecedores de logística terceirizada têm um verdadeiro depósito de informações de mercado e de insights de mercado para seus clientes. Os parceiros de logística sabem quem está pedindo quais produtos, como a demanda varia mês a mês, como os clientes gostam de receber suas remessas e outros importantes insights comerciais. Embora esses dados sejam atualmente aplicados em um nível operacional, eles também adicionam um tremendo valor estratégico e ajudam os fabricantes e varejistas a superar seus desafios centrais de gerenciamento da volatilidade.

Imagine se um parceiro de logística pudesse de repente começar a fornecer dados em tempo real para as funções de planejamento da demanda e de previsão de vendas. Ou se aquele 3PL pudesse minerar sua amplitude de dados para criar novos pacotes de produtos, serviços de valor adicionado ou opções de entrega com base nas necessidades reais dos consumidores.

Ou imagine se um parceiro de 3PL pudesse ajudar os fabricantes e varejistas a resolver seu desafio importante de fornecer uma experiência de cliente de omni-channel ininterrupta através do preenchimento de pedidos rentável e inteligente em todos os canais. Repentinamente, aquele 3PL seria capaz de se destacar da concorrência e se tornar visto como um verdadeiro parceiro estratégico, em contraposição a apenas um dos muitos fornecedores de serviço capazes.

Da visão à realidade

Esta visão pode parecer futurista para muitos 3PLs, mas na verdade muitas das principais empresas de logísticas terceirizadas já estão se movendo nesta direção. Estão fornecendo soluções de cadeia de suprimento de ponta a ponta que incorporam previsões integradas e completas, planejamento de conscientização de restrições, decisões de decisão rentável, planejamento e execução otimizada de remessas e um gerenciamento eficiente do depósito e da mão de obra. Muitos deles estão contando com a excelência do fornecedor e das plataformas de nuvem para rapidamente reforçar as soluções e tecnologias corretas para criar parcerias estratégicas e vantagens competitivas com risco menor e custo total de propriedade reduzido (TCO).

O que os 3PLs devem fazer para avançar desta visão de parceria estratégica para a realidade de ter os recursos necessários funcionando?

? Primeiro, coletar o máximo de informações possíveis sobre os sistemas, as tecnologias e as plataformas de nuvem disponíveis no mercado.
? Segundo, fazer reuniões de cliente de nível de executivo para aprender quais são os objetivos estratégicos, não apenas quais podem ser as necessidades táticas.
? Terceiro, fazer uma avaliação honesta de seus recursos e capacidades internas, e depois compará-la com o que é necessário para dar suporte aos objetivos estratégicos dos clientes.
? Quarto, engajar os fornecedores a identificar opções, custos e prazos para o preenchimento da lacuna de TI entre os recursos atuais e as necessidades estratégicas dos clientes.
? Quinto, implementar as novas soluções o mais rápido possível, usando plataformas de nuvem, comprometendo os clientes no processo a fim de garantir que o resultado final dê suporte a suas necessidades.
? E, finalmente, repetir essas etapas regularmente, pelo menos uma vez ao ano, a fim de assegurar que seus recursos continuem a suportar os objetivos estratégicos dos clientes.

É um período empolgante para os 3PLs, pois os fabricantes e varejistas estão aumentando sua confiança em logística terceirizada para manter a dinâmica do mercado em mutação. A chave para o sucesso de longo prazo dos 3PLs é olhar além dos serviços de logística tática e de curto prazo, e se tornar um parceiro estratégico ao longo do caminho.

*Jim le Tart é gerente sênior de Marketing da JDA Software

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]