Pesquisar
Close this search box.
/
/
As estratégias americanas para engajar os consumidores no mundo digital

As estratégias americanas para engajar os consumidores no mundo digital

Pesquisa da Forrester mostra que o digital está no topo das prioridades dos varejistas, mas os aplicativos não estão agradando os consumidores. Entenda

Las Vegas (EUA) – Quais são as principais iniciativas do varejo neste ano? Pesquisa da Forrester, divulgada durante o Money 20/20, maior conferência do mundo sobre tecnologia e inovação em meios de pagamento, que acontece nesta semana em Las Vegas, mostrou que as estratégias digitais estão no topo das prioridades. Ao todo, 59% dos entrevistados citaram as ações mobile como as principais ações para este ano – mesmo porcentual citado para os investimentos em marketing.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!

Merchandising em sites aparecem com 41% das respostas, seguido por investimentos no checkout (23%), estratégias de omnichannel (21%), expansão internacional (19%) e redesenho do site (18%). “Isso mostra a preocupação do varejo com o digital. Contudo, há outro dado que vai contra esses esforços: os consumidores estão abandonando os aplicativos”, afirmou Brendan Miller, principal analyst da Forrester. O estudo mostra que os consumidores abandonam aplicativos rapidamente. Primeiro porque eles ficam aquém das expectativas e depois porque eles não resolvem uma necessidade. “Quando pensamos em pagamento, pensamos em apps, mas é preciso verificar que os consumidores não querem uma boa experiência de pagamento, mas querem uma boa experiência de compra”, afirmou.

As estratégias de quem está fazendo bem
Como engajar o consumidor e impedir que ele abandone o aplicativo. Em debate no Money 20/20, grandes marcas contaram sobre suas estratégias para evitar entrar nas estatísticas. “Para engajar os consumidores, é preciso inovar constantemente. Fazemos isso com coisas simples, porém efetivas, como colocar mapas das lojas e integrar com os nossos serviços”, afirmou Kara Kazazean, diretora de serviços de pagamentos do Walmart. “Sobretudo é colocar no app aquilo que é funcional e que faz sentido para o consumidor”, completou Kara.

Oferecer conteúdo e experiência que vão além da transação é o foco da Sephora. “Temos ferramentas no app que mantém nossa consumidora engajada. Ela quer saber como seu usa um produto, qual é o produto ideal para a pele dela. E quando a gente oferece isso, a gente mantém o engajamento”, afirmou Lucinda Newcomb, vice-presidente de produtos digitais da marca. A ideia, segundo a executiva, é criar uma experiência que aumente a interação da cliente com a marca a partir do app. “O importante é que seja algo natural na experiência”.

Leia também:

Startup cria sistema de recompensa para clientes responderem pesquisa

“Nosso app precisa ser adotado pelos vendedores e pelos compradores e isso torna tudo mais complexo”, afirmou David Comer, diretor sênior e head de produtos mobile do eBay. “Nesse caso, para conseguirmos esse engajamento, a gente precisa ouvir o feedback. Estamos focados em entender o que está acontecendo com a conversão”, disse.
A atenção da Dunkin’Brands é com as transações. “Estamos atentos com a velocidade, e isso gera engajamento”, afirmou Nick Holland, gerente de inovação e pagamentos digitais da marca. “E quanto mais simples, melhor. É sobre como otimizar essa experiência e chegar ao consumidor onde quer que ele esteja. Tendo em vista isso, estamos otimizando o processo de checkout no app”, afirmou.

Na base de todas as estratégias está o entendimento das necessidades dos consumidores. “É entender o que realmente o seu consumidor quer e o que ele espera. Sem isso, não dá certo”, disse Lucinda. Nesse sentido, ampliar o portfólio de escolha do consumidor é a principal estratégia da Walgreens. “Temos de dar opções de escolha para os consumidores e colocar o consumidor como parte da conversa para isso dar certo”, afirmou Kartik Subramanian, diretor de produto e mobile commerce da rede.

Desafios
A pesquisa também mostrou os desafios dos varejistas quando o assunto é pagamentos. Segundo o estudo, a implantação de EMVs são os principais desafios para 76% dos entrevistados. EMV é um padrão para a implantação de meios de pagamentos eletrônicos criado pelas empresas Europay, MasterCard e Visa. Tecnologias de chargebacks (o famoso cancelamento da compra) representam um grande desafio para 46% dos varejistas e segurança vem em seguida, com 37% das respostas.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]