Pesquisar
Close this search box.
/
/
O que as empresas têm a ganhar com mais mulheres nos cargos de CFOs?

O que as empresas têm a ganhar com mais mulheres nos cargos de CFOs?

Embora tenhamos avançado, ainda há um longo caminho a percorrer para a equidade de gênero dentro das organizações

A frase “Elas podem” nunca fez tanto sentido em tempos em que se discute a importância da ocupação da liderança feminina nos cargos mais estratégicos das organizações. Na área econômica, estudos já comprovaram que mulheres em cargos de CFOs geram mais lucratividade, e impactam positivamente no aumento de receitas e no retorno das ações. Um estudo da S&P Global mostrou que, nos 24 meses após a nomeação para o cargo, CFOs mulheres registaram um aumento de 6% na rentabilidade e retornos de ações 8% maiores.

Já uma pesquisa da Crist Kolder Associates mostrou que em 2021 ocorreu um recorde histórico, com um aumento de 15% de mulheres ocupando cargos de CFO. Embora tenhamos um avanço estatístico significativo, ainda há um longo caminho a percorrer.

Para Carol Novaes, líder de finanças das Operações da Amazon Brasil, as mulheres em cargos de liderança precisam ser empoderadas para ocupar cada vez mais espaços no alto escalão: “Hoje, temos referência de mulheres na liderança financeira, mas quando comecei minha carreira há 25 anos não tínhamos conexão com essas mulheres. Na Amazon, trabalhamos com intencionalidade para promover a equidade de gênero na liderança” pontua.


Os segredos para engajar no digital serão desvendados no CONAREC 2023.
Participe!

Onde? Expo Transamérica – SP
Quando? 12 e 13 de Setembro

Ainda não tem ingresso?
Clique aqui! 💬


No Brasil, a área de finanças da Amazon conta com 53% de mulheres. Nas posições de liderança não é diferente, a companhia conta nove mulheres entre 13 líderes do setor, o que representa aproximadamente 70% do total. Entre os cargos mais altos de finanças da companhia no Brasil, todos são ocupados por mulheres. “É um movimento natural que irá existir do empoderamento das mulheres cada vez mais como CFOs” contextualiza Carol Novaes.

Embora estejamos presenciando um movimento promissor de mulheres nas lideranças de áreas financeiras, o que se espera para um futuro próximo que esse movimento tenha um efeito multiplicador: uma mulher estar em posição de liderança estimula a abertura de espaços e perspectivas para outras mulheres. Ainda que dados do Female Founders Report mostrem que apenas 5 % das startups são fundadas ou lideradas por mulheres, evidenciando o quanto o empreendedorismo de inovação ainda é um ambiente restrito a presenças femininas, os esforços coletivos empresariais são peça-chave para uma mudança dessa realidade.

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

Em tempos em que se estimula o pensamento crítico para questões tão necessárias como essa, a frase de Jenny Johnson, da Franklin Templeton Investimentos publicada para um artigo na McKinsey é a mais pura verdade para esse cenário: “Qualquer pessoa que não pense em como atrair mais mulheres não conseguirá competir, porque estará apenas eliminando metade do talento do seu conjunto de oportunidades”.

Os desafios das CFOs

Em organizações menores que não criam um ambiente que proporcionem um estímulo a liderança feminina, as mulheres enfrentam mais dificuldade para subir em cargos estratégicos. A igualdade de gênero é constatada principalmente em organizações avançadas e competitivas, onde são fomentadas um conjunto de ações estratégicas, que não somente promovam por promover lideranças, mas que estimulem um ambiente seguro onde mulheres possam se desenvolver em todas as suas fases.

Assim como em outros cargos, a liderança feminina de CFOs enfrentam diversos desafios, para Carol Novaes é preciso saber impor limites e, para equilibrar todos os pilares, é preciso saber como conciliá-los: “Há um tempo, eu aprendi uma palavra: harmonizar. Não temos que equilibrar vida pessoal, social e profissional e, sim harmonizar, pois quando você equilibra, um vai para cima e outro para baixo. Para estar em posições de liderança, é fundamental ter uma rede de apoio, saber lidar com a culpa no âmbito familiar, saber colocar limites e ir em busca de empresas que consigam fazer esse “match” com você”, revela.

Conheça o Mundo do CX

Financeiro e o impacto no CX

Para a empresa se manter competitiva, é essencial que adote um planejamento financeiro, incluindo a análise de um bom fluxo de caixa. Empresas saudáveis financeiramente conseguem captar maiores oportunidades no mercado.

A Consumidor Moderno perguntou para Carol Novaes como um planejamento financeiro e um bom caixa impactam na experiência do consumidor. Para a executiva, o planejamento financeiro é a engrenagem de todas as áreas: “Sem um bom planejamento financeiro, você não consegue ter o produto no momento e lugar disponível para proporcionar uma boa experiência ao consumidor. Ele juntas todas as áreas e faz todas essas engrenagens se juntarem para entregar o melhor ao consumidor. Porque se algo se quebra no caminho você não consegue entregar uma boa experiencia no consumidor” finaliza.



+ NOTÍCIAS
Onde e quando encontrar uma liderança digital para chamar de sua?

Alto escalão das empresas tem dificuldade em compreender termos de cibersegurança

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]