Pesquisar
Close this search box.
/
/
Em momento de expansão do negócio, Waze mira pequenos lojistas

Em momento de expansão do negócio, Waze mira pequenos lojistas

Com o Waze Local, aplicativo espera aumentar presença digital de pequenos comércios com preços acessíveis. Saiba mais sobre a estratégia

Presente no Brasil desde 2012, o aplicativo de navegação Waze vislumbra novos horizontes no mercado nacional. A empresa auxilia o caminho de motoristas em 185 países, com número de usuários perto dos 115 milhões. Para impulsionar o crescimento no Brasil, principal mercado da empresa na América Latina -, o foco será na ampliação de parcerias com pequenos comércios.

Em anúncio na sede da empresa, em São Paulo, executivos da empresa apresentaram ações para expandir ainda mais o mindset da empresa.

LEIA MAIS
Confira 6 tendências em produtos e serviços voltados para pets
5 dicas do Sebrae para ampliar as vendas na Páscoa
Rede e NCR lançam produto que integra maquininha e sistema de gestão

Potencial com PMEs
De acordo com dados do Sebrae, as micro e pequenas empresas (PMEs) são responsáveis por 23% do PIB brasileiro. Um dos gargalos desse grupo é que digitalmente eles ainda não são engajados. A plataforma apostou em uma saída que pretende contemplar esse público. Trata-se do Waze Local, aplicação desenvolvida especialmente para PMEs.  A plataforma apresenta formato self-service e tem proposta de investimento acessível (R$ 8 por dia). O objetivo da empresa é contribuir com seus anunciantes entregando tráfego físico aos seus endereços.

Janela aberta ao consumo
De acordo com dados da empresa, 20% dos destinos de navegação estão relacionados a estabelecimentos comerciais. Shopping centers, restaurantes e supermercados aparecem como os mais ativados no navegador. Diante desse contexto, a empresa entende que existe uma grande oportunidade aos comércios.

Sob o conceito de Destination Marketing, a companhia concentra esforços na construção de novos modelos de anúncio no aplicativo. O mais conhecido pelos consumidores é a ativação de comércios patrocinados e inserção do logo das empresas no mapa de navegação.

“Do ponto de vista desse ecossistema, as marcas ocupam um papel fundamental. Temos um case tangível relacionado ao Bradesco Seguros, por exemplo, onde o motorista consegue solicitar um guincho caso ocorra algum imprevisto já dentro do nosso aplicativo”, explica Leandro Espósito, country manager do Waze no Brasil.

O futuro é coletivo
Uma das teorias do empreendedor Elon Musk é que, em 20 anos, carros não autônomos serão semelhantes a cavalos. Neste contexto, o futuro da mobilidade indica que as pessoas devem adotar cada vez mais formatos de locomoção que saia do plano individual para o coletivo. Atenta a essa tendência da economia compartilhada, a empresa lançou em 2018 um aplicativo de caronas, o Waze Carpool. Esse formato já conta com parcerias com mais de 60 empresas, de modo que funcionários que moram em regiões próximas conseguem se organizar em caronas para ir e voltar do trabalho. Ms o Waze Carpool funciona independente das empresas, como uma modalidade de compartilhamento de caronas entre os usuários do app.

Relação com órgãos públicos
O Waze mantém uma relação muito próxima com os governos. Por meio da plataforma Connected Citizens (CCP), a plataforma pode colaborar com informações gerais de infraestrutura que ajudam o trânsito nas cidades. “Temos parcerias superinteressantes com São Paulo e Joinville (SC), por exemplo. Nos preocupamos muito com a experiência e com os dados dos nossos usuários e sempre procuramos estar alinhados ao compliance e a todas as legislações, seja do ponto de vista dos dados, ou da experiência”, destaca Leandro. Um case citado pelo executivo ocorreu durante as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro. A partir de informações fornecidas pelo aplicativo, o trânsito nos horários de maior congestionamento apresentaram queda de 27%.

Parcerias com veículos de comunicação (Broadcasters) também fazem parte da nova estratégia da empresa no País.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]