Pesquisar
Close this search box.
/
/
De dados a decisões: como utilizar KPIs de forma estratégica

De dados a decisões: como utilizar KPIs de forma estratégica

Mais do que acompanhar indicadores, é fundamental que eles estejam associados a objetivos e metas do negócio

“O que pode ser medido, pode ser melhorado”. Tal afirmação, atribuída a Peter Drucker, pode ser aplicada a tudo no mundo dos negócios, inclusive à experiência do cliente. Mas como medir percepções que variam de acordo com o perfil do cliente? Não existem respostas simples para essa questão que, por natureza, já é complexa. Por isso, ao longo das décadas, indicadores surgiram e evoluíram, tornando mais precisa a análise de cada uma das etapas da jornada do cliente e do encantamento gerado pelas marcas e empresas.
Os principais exemplos são indicadores como Net Promoter Score (NPS); Taxa de churn; Tempo médio de atendimento; First Call Resolution (FCR); Tempo Médio de Espera; Customer Effort Score (CES) e Return on Experience (ROX), que mensuram desde a resolutividade até o esforço do cliente no relacionamento com a empresa.

“Esses indicadores funcionam com base em metodologias de mercado voltados para o levantamento e análise de dados e são fundamentais para acompanhar o andamento da esteira de atendimento e identificar gaps e extrair insights de negócios”, detalha Veronica Fabio, diretora de Planejamento da Atento. “As empresas que desejam se destacar no mercado e alavancar seus negócios precisam investir em métricas para experiência do cliente”. Essa necessidade foi intensificada pela ampliação do poder do consumidor e, é claro, da transformação digital.

Hoje, o encantamento do cliente precisa ser ágil e resolutivo – e os KPIs precisam corresponder a isso. Portanto, aspectos como agilidade, cordialidade, acessibilidade e recomendação devem ser considerados, além de outras métricas que estejam alinhadas com as metas de negócios, com os ideais de cada empresa, dentro de cada mercado específico.

Para alcançar resultados verdadeiros, é preciso que a empresa tenha consciência dos objetivos que busca, de forma estratégica. Além disso, é necessário investir em iniciativas que melhorem a jornada do cliente, acompanhando o desempenho dessas ações como um todo. Como explica a executiva, dessa forma é possível garantir que os padrões de qualidade estabelecidos sejam cumpridos.

Dos dados à tomada de decisão

Mais do que monitorar dados e informações, é preciso estruturá-los e disseminá-los pela empresa, para que eles orientem decisões de negócio. Verônica explica que alcançar esse patamar é uma missão complexa. Na relação com as empresas-clientes, a Atento considera que, para ter uma visão que vá além do operacional, é fundamental conhecer a fundo organização – desde as metas delas até as tendências da indústria em que está inserida. “É preciso estruturar um diagnostico detalhado, abordar melhorias e estar atento a novos insights”, detalha.

“Aqui na Atento, conhecemos nossos clientes, identificamos oportunidades com um olhar direcionado ao consumidor”, diz. “Com isso, conseguimos estruturar e propor a melhor jornada de relacionamento com o cliente do nosso cliente”. Esse trabalho é realizado por equipes altamente capacitadas de consultores de Customer Experience (CX), que realizam o mapeamento completo da jornada do cliente final e indicam os melhores processos para uma experiência melhor e mais otimizada da marca, maximizando retenção, resolutividade, conversão em vendas e uma visão completa dos consumidores.

Dos KPIs aos resultados

Veronica Fabio, diretora de Planejamento da Atento, explica como utilizar os dados para obter insights e orientar tomadas de decisão

1. Defina metas para cada indicador

Cada KPI deve estar orientado a objetivos da empresa. A partir disso, é possível traçar um plano de trabalho, que envolve diversas áreas da organização. Esse planejamento é importante para identificar oportunidades de melhoria e corrigir rotas com revisão de processos, capacitação, soluções etc.

2. Acompanhe a evolução do KPI

Mais do que criar um indicador, é fundamental acompanhar e controlar de perto a evolução dele. Dessa forma, é possível ampliar resultados e alcançar o objetivo estabelecido. “Acompanhar, entender e tratar os desvios são os passos chave para o sucesso”, afirma Veronica. “Os problemas nunca são os mesmos, por isso, é preciso haver acompanhamento”.

3. Domine a informação e corrija a rota

“É preciso ter em mente que quem tem o domínio da informação sai na frente”, defende Veronica. Em um cenário em que há muitas informações disponíveis, o desafio é transformá-los em conhecimento organizado e estruturado. Assim, torna-se possível corrigir a rota no tempo adequado e garantir agilidade na tomada de decisão.


+ Notícias 

Quais os KPIs de experiência ideais para o seu negócio?

Fazer o básico bem-feito é a melhor experiência que seu cliente pode ter 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]