Pesquisar
Close this search box.
/
/
Empresas são confiantes em inovação, mas só 5% estão maduras

Empresas são confiantes em inovação, mas só 5% estão maduras

Alguns dos desafios para criar um ambiente inovador estão na cultura organizacional e na adoção de tecnologias

As empresas brasileiras se mostram bastante confiantes em relação aos seus próprios processos de inovação. Cerca de 83% dos executivos dentre 300 entrevistados no país consideram suas organizações inovadoras ou extremamente inovadoras. Não só isso, mas 97% deles reconhecem a importância de utilizar novas tecnologias para serem ainda mais inovadoras. Na comparação, a média global é de 86%.

Segundo o Innovation Index, realizado pela Dell com o apoio da Vanson Bourne, e que entrevistou mais de seis mil empresas globalmente, apenas 5% das 300 empresas analisadas no Brasil foram classificadas como Líderes em Inovação – ou seja, o maior nível de maturidade no tema. Por mais que o número seja abaixo da percepção dos entrevistados, o Brasil ainda se classifica acima da média global, com 2% de empresas líderes na área.

Leia mais: iPhone vira maquininha de cartão com lançamento Tap to Pay da Apple

Além da classificação de Líderes, no qual as organizações possuem uma estratégia completa de inovação e se encontram melhor preparadas para enfrentar desafios em seus setores, dificuldades globais e econômicas, o estudo mapeou os demais estágios. São eles: Adotantes (27%), Avaliadores – etapa de evolução em inovação no qual as empresas brasileiras estão mais concentradas, em 42% –, Seguidores (24%) e Retardatários (2%).

Segundo a pesquisa, as organizações Líderes e Adotantes enfrentam 3,2 vezes menos desafios relacionados à falta de mão de obra qualificada do que empresas Seguidoras ou Retardatárias. Também tendem 2,6 vezes mais a ter níveis acelerados de crescimento e são 1,8 vezes mais resilientes em relação a incertezas econômicas, como recessões.

“Esse estudo materializa a percepção de que no cenário de negócios atual, com mudanças aceleradas e constantes, a inovação é um fator decisivo para o sucesso das organizações. Mas se olharmos para o fato de que no Brasil só um terço das companhias (32%) se encaixam nas categorias de Líderes e Adotantes, temos ainda um longo caminho a percorrer”, aponta Diego Puerta, presidente da Dell Technologies Brasil. “E a única forma de acelerar essa jornada é a partir dos investimentos em pessoas, tecnologias e processos que suportem os planos e ações inovadoras”.

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

Barreiras para a inovação

Por mais que os executivos estejam confiantes, 52% estão preocupados se suas organizações ainda estarão relevantes em um período de três a cinco anos devido ao ritmo e cultura de inovação. Como aponta o estudo, o primeiro passo para que as organizações acelerem seus processos está na criação e fomento de uma cultura organizacional orientada à inovação. Assim, as empresas devem cultivar um ambiente que incentive ideias e que entenda falhas como parte do processo de evolução.

No entanto, esta ainda não parece ser uma realidade tão presente nas organizações brasileiras analisadas. O medo de errar e a falta de confiança dos colaboradores para compartilhar suas ideias foram as principais barreiras citadas no levantamento para a construção de um ambiente de inovação. Já 49% dos executivos afirmaram que profissionais deixam suas empresas por não conseguirem inovar. Metade das lideranças entrevistadas apontam que alguns aspectos de suas culturas organizacionais estão restringindo, em vez de expandindo, os processos de inovação. Além disso, seis a cada dez executivos entrevistados afirmam que suas lideranças nas organizações tendem a favorecer suas próprias ideias do que aquelas dos times.

Conheça o Mundo do CX

Como ser mais inovador

Além da cultura organizacional, a inovação também demanda processos estruturados – o que representa um grande desafio para as organizações. Entre os entrevistados no Brasil, apenas 43% afirmam que seus projetos de inovação são baseados em dados. Além disso, 56% apontam ter iniciativas inovadoras alinhadas aos objetivos e metas do negócio. Essas informações apontam que o tema é tratado de forma pontual nas organizações.

O uso de tecnologias também é um grande motor para promover a inovação internamente. A grande maioria das lideranças, 97%, reconhecem a importância das ferramentas tecnológicas para esse propósito, enquanto a média global é de 86%. No entanto, 46% dos entrevistados apontam que as soluções utilizadas hoje não são avançadas suficientemente e, por isso, temem perder suas posições em inovação para a concorrência.

Segundo o Innovation Index, as principais tecnologias para catalisar inovações são: multicloud, edge computing, infraestrutura de dados moderna, cibernética e ferramentas que permitem o trabalho remoto, de qualquer local. No entanto, uma vez que os ambientes de TI também são complexos, impõem novos desafios às organizações. São eles:

1. Crescentes custos com cloud (ou nuvem);
2. Integração da arquitetura de negócios à infraestrutura de TI;
3. Tempo e custos para migrar aplicativos para ambientes em nuvem;
4. Ameaças à segurança cibernética, uma vez que há impossibilidade de inovar com o uso de dados e dispositivos de borda não seguros;
5. Falta de infraestrutura de TI para atender e processar dados na borda.



+ NOTÍCIAS
Microsoft e Google anunciam novas funcionalidades de suas IAs
Fim dos cookies: problema ou oportunidade para o marketing?

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]