Pesquisar
Close this search box.
/
/
Atendimento em Libras do BB estimula acessibilidade e inclusão

Atendimento em Libras do BB estimula acessibilidade e inclusão

Entenda como a instituição oferece uma experiência de atendimento personalizada que supera barreiras e promove a comunicação acessível

A língua brasileira de sinais, Libras, é uma parte fundamental da cultura e comunicação da comunidade surda, representando liberdade e identidade. No entanto, para muitos surdos, a inclusão ainda é um desafio significativo em nossa sociedade. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aproximadamente 5% da população brasileira, cerca de 10 milhões de cidadãos, enfrentam algum nível de surdez, sendo que 2,7 milhões possuem surdez profunda e usam a Libras como principal idioma.

A Libras é composta por um extenso e complexo repertório de gestos. Em 2002, a Lei 10.436 concedeu a Libras o status de meio legal de comunicação e expressão. Essa legislação trouxe consigo a responsabilidade de proporcionar intérpretes em escolas, faculdades, repartições governamentais e empresas concessionárias de serviços públicos para atender à comunidade surda.


Coloque na agenda!

O painel “CX que transforma: o atendimento em Libras do Banco do Brasil
será no dia 12/09, das 15h20 às 15h40, na Arena Salvador – CX

Ainda não tem ingresso?
Garanta o seu aqui e participe do maior CONAREC de todos os tempos!


Desafios na luta pela inclusão

Os surdos ainda enfrentam desafios significativos para alcançar a plena inclusão na sociedade. Muitas vezes, as primeiras barreiras linguísticas são impostas pelas próprias famílias, que optam pela oralização em detrimento da língua de sinais. O treinamento da fala e da leitura labial, embora valioso, pode ser um processo lento e desafiador para crianças surdas. A educação também é um campo em que a inclusão da comunidade surda enfrenta obstáculos. Raras escolas estão adaptadas para receber alunos surdos, e a presença de um intérprete de Libras ao lado do professor nem sempre é suficiente.

Muitos estudantes surdos chegam à escola sem conhecimento prévio da língua de sinais e enfrentam dificuldades para aprender o português escrito. Como consequência da falta de preparo nas escolas, muitos surdos concluem sua educação como analfabetos funcionais. Isso sublinha a necessidade contínua de promover a acessibilidade em Libras nos ambientes frequentados por essa comunidade.

Banco do Brasil lidera o atendimento em libras

Clientes com deficiência auditiva ou de fala do Banco do Brasil agora têm uma experiência de atendimento mais inclusiva e acessível. O banco oferece atendimento na Língua Brasileira de Sinais (Libras) em seus serviços presenciais e remotos, abrangendo agências, Central de Relacionamento, Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) e Ouvidoria. Em 2022, o Banco do Brasil registrou mais de 2,5 mil chamadas em Libras originadas em suas agências, canais remotos e centrais de atendimento.

Flávio Borges, Gerente de Soluções da Unidade de Atendimento e Canais do Banco do Brasil, compartilhará no CONAREC 2023 insights sobre o pioneirismo do Banco do Brasil em oferecer o atendimento em Libras. Descubra como isto está impulsionando a acessibilidade e transformando a experiência do cliente.


Quer saber o que há de melhor em CX?
Participe do CONAREC 2023!

Onde? Expo Transamérica – SP
Quando? 12 e 13 de Setembro

Ainda não tem ingresso?
Clique aqui! 💬


Acessibilidade em um clique

Para garantir a eficácia desse serviço, o Banco do Brasil disponibiliza intérpretes especializados em uma central dedicada, que auxiliam os clientes por meio de chamadas de vídeo. Esse atendimento pode ser iniciado tanto pelo funcionário do banco nas agências quanto pelo próprio cliente, através do aplicativo ou do site da instituição financeira. Com uma linha exclusiva de comunicação com o BB, os intérpretes traduzem o atendimento da Central de Relacionamento BB, SAC e Ouvidoria em tempo real, seja em Libras ou em texto.

Videochamadas em Libras

As videochamadas em Libras são um recurso gratuito e de fácil acesso para os clientes, promovendo a integração entre eles e o Banco do Brasil. Para utilizar o serviço, os clientes podem acessar o link disponibilizado no site, aplicativo e Whatsapp BB. Antes de iniciar a chamada, é importante verificar a habilitação da câmera e do microfone do dispositivo utilizado.

Telefone para Surdos (TS)

O Banco do Brasil continua a oferecer o Telefone para Surdos (TS), um canal exclusivo para deficientes auditivos ou de fala. Esse serviço permite a comunicação por meio de mensagens de texto, facilitando o acesso a informações, ouvidoria e serviços de SAC, incluindo dúvidas, reclamações, suspensão e cancelamento de cartões, entre outros produtos e serviços oferecidos pela instituição. O TS é um equipamento conectado aos computadores de atendimento e é uma alternativa adicional para garantir a acessibilidade e a comodidade dos clientes com deficiência auditiva ou de fala.



+ NOTÍCIAS
Mudanças Disruptivas no CX: inclusão de surdos e a responsabilidade das empresas
Apenas um terço das empresas trabalham os três princípios do ESG

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]