Pesquisar
Close this search box.
/
/
As relações de trabalho no Brasil pós-Covid

As relações de trabalho no Brasil pós-Covid

Novo relatório do Think With Google faz uma análise do mercado de trabalho brasileiro e reúne dados sobre home office, índices informalidade e perspectivas de futuro

Um entendimento que virou mantra no mundo todo com a chegada da pandemia do novo coronavírus é o de que a contaminação em massa de pessoas acelerou processos que talvez demorassem ainda de 5 a 10 anos para se massificar. A adesão ao home office, muito mais por obrigatoriedade do que por vontade de empresas e funcionários é um desses fenômenos. Contudo, há mais mudanças acontecendo no mercado de trabalho, em especial o brasileiro, que é tão peculiar. Algumas dessas alterações foram mapeadas por um novo relatório do bureau Think With Google, lançado em outubro.

Para compreender os principais resultados desse raio-X da questão laboral brasileira, listamos um top com as análises do artigo. Em um momento ainda de extrema instabilidade, ela ajuda a compreender os sinais de consumidores, empregadores e do fluxo de trabalho, em geral, já antecipando o que esperar para 2021.

Home office, uma relação turbulenta

Nos dados liberados pelo Google, 7 de cada 10 trabalhadores gostaria de continuar atuando remotamente, mesmo quando a pandemia estiver mais normalizada. Os dados são da Faculdade de Economia da USP (a FEA). Mas o trabalho em casa só atingiu cerca de 20% dos brasileiros, segundo dados divulgados no relatório.

Maioria dos 20% de brasileiros que ficaram em home office preferem continuar trabalhando de casa. Foto: Pexels

Apesar da clara preferência, um outro fenômeno se verificou com a migração do ambiente profissional para dentro de casa: o excesso de horas trabalhadas. Ficou muito mais difícil colocar limite nas entregas e nas demandas de chefes ou mesmo do próprio negócio. Questões como produtividade, coordenação de equipes à distância e essa organização pessoal são os próximos passos a serem organizados nesse cenário. Como é o tema do momento, as buscas por Home Office cresceram 173% só em 2020 em vídeos no YouTube.

Torne-se digital ou morra

As vendas online foram a salvação para comércios e serviços desde que a pandemia se instalou mundo afora, mas, no Brasil, especialmente, muita gente ainda não estava preparada para isso. O resultado? Empresas tiveram que correr para consolidar de maneira mais forte sua presença no digital. Com restrições de mobilidade indo e vindo, este é um ponto onde não se tem como voltar atrás, mesmo que seja apenas como suporte para a força de trabalho no offline.

“Entre 15 e 20 milhões de brasileiros informais fizeram sua primeira transação digital justamente durante a pandemia, a partir do acesso ao auxílio federal aos atingidos pelo coronavírus”, diz o relatório do Think With Google. O maior acesso dessas pessoas antes fora do ambiente digital deu mais impulso para apps, ferramentas e todo funcionamento online.

Informalidade em alta

Em 2020, o Brasil chegou a 40,6% de informais, o que equivale a 38 milhões de trabalhadores segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – PNAD Contínua, do IBGE. Como mencionado acima, a pandemia ratificou esse processo de informalidade que já vinha sendo alto em território brasileiro (em agosto de 2019 chegou a ser de 41,4%). O atual cenário não traz previsão de mudança dessa situação.

Modelos de trabalho mais sustentáveis

O tema ganhou muito espaço nos meses de pandemia e se tornou algo que empregadores e empregados passaram a se preocupar. Sai o hype por ser workaholic, entra a busca por equilíbrio. A própria opção por se permanecer em home office segue essa trend, segundo o relatório. Saúde e bem-estar entraram no foco de atenção das pessoas e se tornaram dois temas hit de procura nas buscas online.

“As pessoas precisarão aprender a conciliar trabalho, convivência em família e lazer sob o mesmo teto, o que pode trazer impactos negativos à saúde mental e ao bem-estar”, diz o artigo. Nunca se falou tanto em doenças como burnout, ansiedade e depressão. O wellness, ainda que dentro de casa, segue em alta.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]