Pesquisar
Close this search box.
/
/
Quem está na home do celular dos brasileiros?

Quem está na home do celular dos brasileiros?

Pesquisa da Mobile Time/Opinion Box revela quais são os principais apps e como são usados pelos brasileiros

Quem está na tela inicial do smartphone dos brasileiros? Whatsapp, Instagram, Facebook e Youtube lideram a lista, identificada em pesquisa Mobile Time/Opinion Box sobre o uso de apps no Brasil. Mais do que um levantamento sobre quais aplicativos os brasileiros têm instalados em seus smartphones, a pesquisa apresenta um panorama de como os apps são usados.

O Instagram ocupa pela primeira vez a liderança no ranking de apps em que o brasileiro passa mais tempo. Instalado em 92% dos telefones no país, o app foi citado por 35% dos entrevistados. A preferência está concentrada em mulheres e no público jovem – uma mescla de Geração Z e Millenials, entre 18 e 29 anos – parcela que passa mais tempo no Instagram entre todas as opções do telefone.

O ajuste de foco do Instagram na promoção de vídeos através do Reels pode ter contribuído para o aumento da relevância do app, indica a pesquisa. Segundo Fernando Paiva, editor do Mobile Time, o Reels pode ser a explicação para as pessoas estarem passando mais tempo nele. Isso porque ele foi criado “para fazer frente a plataformas de vídeos curtos, como TikTok e Kwai, o Reels têm conseguido manter a base de usuários do Instagram engajada e, pelo visto, mais tempo com o app aberto”, avalia.

Leia Mais: Quais as principais tendências para aplicativos em 2023

Cada vez mais apps são instalados, mas de graça

Pelo menos um terço dos entrevistados instalaram algum aplicativo no celular nas últimas 24 horas, e outros 5 em cada 10 há entre um dia e até um mês. Apesar dessa alta adesão, o levantamento sugere que os brasileiros não estão muito dispostos a pagar por apps. Apenas 22% confirmaram já ter instalado um aplicativo pago.

Por isso, 42% aceitam utilizar apps gratuitos com publicidade embutida, 28% preferem aplicativos freemium, quando há alguns conteúdos e funcionalidades gratuitos e outros são pagos. Apenas 20% optam por apps pagos, sem publicidade e com a garantia de que dados pessoais não serão comercializados com terceiros, uma preocupação com a privacidade dos dados que somente um em cada 10 entrevistados não tem.

Por outro lado, o brasileiro está disposto a por a mão no bolso e fazer compras dentro dos aplicativos. Praticamente dois terços (63%) já realizaram compras de produtos ou serviços digitais dentro de um aplicativo no seu smartphone, como itens virtuais dentro de jogos, acesso a funcionalidades extras dentro de um app, download de algum conteúdo exclusivo, aponta o levantamento Mobile Time/Opinion Box.

Assine nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Os apps mais populares e os mais usados

Entre os apps mais populares na tela inicial, se destaca a queda do Facebook, que caiu uma posição, e agora ocupa o terceiro lugar, atrás de Instagram, presente na home de 46% e do Whatsapp, de 54% dos entrevistados. Entre os 10 aplicativos listados, somente Instagram e Netflix tiveram alta de presença, enquanto os apps do Facebook e da Caixa perderam protagonismo para os usuáriros em comparação com o ano anterior.

“Chama a atenção nesta edição a freada no avanço do Telegram. O app vinha crescendo rapidamente em presença na homescreen, mas agora teve seu avanço interrompido. Na edição de junho deste ano, havia sido destacado por ter chegado à quarta posição neste quesito, mencionado por 13% dos entrevistados à época. Agora, caiu para a quinta posição, presente na tela inicial de 12% dos smartphones nacionais, ultrapassado pelo YouTube”, ressalta Paiva.

Leia Mais: Mais de 90% do tempo no celular é gasto em apps

A pesquisa da Mobile Time/Opinion Box comparou a penetração dos apps de plataformas sociais na base brasileira de usuários de smartphones. O Facebook é a segunda plataforma social mais popular em mobile no Brasil, instalado em 85% dos celulares. Sua distribuição é equilibrada por gênero e classe social. O levantamento aponta único dos seis apps analisados que apresenta uma proporção crescente conforme a idade.

O TikTok, embora mais novo, já ocupa a terceira posição em popularidade nos smartphones brasileiros, mas ainda bem atrás de Instagram e Facebook, instalado em 41% dos aparelhos. Sua principal característica é a juventude dos usuários, indica o relatório. Dentre os apps pesquisados é o que tem a maior diferença de uso por faixa etária: está instalado em 48% dos smartphones dos brasileiros com 16 a 29 anos; 40%, na faixa de 30 a 49 anos; e 33%, no grupo com 50 anos ou mais. Também há diferença por classe social: o TikTok está em 42% dos smartphones das classes C, D e E e em 34% nas classes A e B.

radar apps mobile time opinion box
Radar de apps instalados nos smartphones dos brasileiros produzido pela pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion

Conheça o Mundo do CX

Seu rival direto Kwai está 9 pontos percentuais atrás, instalado em 32% dos smartphones brasileiros. A pesquisa aponta uma curiosidade: o Kwai não apresenta uma diferença tão acentuada por faixa etária quanto o TikTok, mas por classe social, sim: está em um terço dos smartphones das classes C, D e E e em 25% nas classes A e B.

Completando a lista está o Twitter, instalado em 37% dos smartphones. Considerado formador de opinião, o app do Twitter chama a atenção por ter um público masculino bem maior que o feminino. O LinkedIn, dentre as plataformas sociais monitoradas no levantamento da Mobile Time/Opinion Box, possui a maior diferença de penetração. Está instalado em 42% dos smartphones das classes A e B, e em um terço das classes C, D e E. Na média, o LinkedIn está presente em 35% dos smartphones nacionais.


+ Notícias

Algospeak: ‘idioma’ próprio para burlar moderação nas redes

Retrato do cliente do e-commerce no Brasil

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]