Pesquisar
Close this search box.
/
/
10 regras essenciais para ser um empreendedor digital

10 regras essenciais para ser um empreendedor digital

Especialista e empreendedor fala sobre as características e atitudes que uma pessoa precisa cultivar para abrir um negócio digital - e vencer

Ao longo da minha trajetória, sempre busquei compartilhar conhecimento, e recentemente tenho me preocupado em falar também de empreendedorismo, já que hoje eu percebo o quanto seria importante ter conhecido um roteiro de alguém mais experiente quando comecei. Hoje em dia, vejo que cada vez mais pessoas se aventuram por este mundo que, apesar de ser cheio de coisas boas, também pode ser uma trilha perigosa, e por isso exige que estejamos muito bem preparados antes de seguir. Listei 10 regras de ouro que devem nortear qualquer empreendedor, incluindo quem aposta no marcado digital.

1. Mantenha a motivação e a proatividade
Não dá pra ser empreendedor e andar por aí desanimado. Ter a iniciativa de resolver problemas e buscar olhar ao seu redor para ajudar os clientes ou colegas de trabalho, ou seja, ser proativo é uma das melhores formas de motivar os outros. Se você motiva as pessoas, elas também vão te motivar e manter o ambiente de trabalho com mais energia.

2. Valorize sempre as pessoas
Quem pensa só em si mesmo, bom empreendedor não é. Valorizar as pessoas com quem você convive, sejam clientes ou não, é causa e consequência da motivação e da busca constante por melhorias. Afinal, quando alguém valoriza as pessoas ao redor, passa a antecipar problemas e, entre tantas coisas, dar e receber mais feedbacks. Os feedbacks positivos são o motor das boas relações de trabalho e de um sentimento constante de motivação.

3. Faça seu marketing pessoal
Todo empreendedor precisa saber se vender e mostrar suas qualidades, mas isso precisa ser feito com transparência e responsabilidade. Além de evitar compartilhar informações nas redes sociais que podem gerar polêmicas com clientes e parceiros, é importante ter um bom portfólio online (dependendo do seu trabalho) e aproveitar os eventos para fazer networking, sem jamais mentir sobre algum dado ou informação da sua vida ou empresa, e sempre acrescentando valor às pessoas que conhecer.

4. Solucione os problemas com criatividade
Todo mundo se depara com problemas e terá que solucioná-los. Mas os empreendedores provavelmente encontram ainda mais “abacaxis para descascar”. Infelizmente, nós temos o péssimo hábito de reclamar dos problemas e não focar a energia na solução. Um bom empreendedor não reclama da vida: ele se concentra em encontrar uma forma de contornar ou destruir o obstáculo.

5. Priorize tarefas
Empreendedores são cheios de coisas para fazer. Mas como o dia tem 24 horas – e ainda precisamos dormir bem – temos que aprender a determinar as tarefas prioritárias. O primeiro passo é determinar sua “habilidade única”, que consiste no que você sabe e pode fazer que ninguém mais pode. A partir de então, você pode dar uma nota de 0 a 10 para o quanto esta habilidade é única, somar a uma nota de 0 a 10 para o quanto a atividade traz de retorno para a empresa, e dividir por dois. Depois, basta elencar as atividades prioritárias de acordo com os números mais altos.

6. Delegue tarefas
Ao estabelecer as notas e definir suas prioridades, também é possível verificar o que não exige uma habilidade única. Para estas tarefas, o segredo do empreendedor é delegar a outras pessoas para que façam as tarefas. Para empreender não pode ser controlador.

7. Sonhe grande
Quem não acredita que pode ser rico ou um grande empreendedor… não será rico e nem um grande empreendedor. A gente precisa sonhar grande para ser grande. Uma boa metodologia para isso é a “one trick pony”, que diz que não é preciso reinventar a roda, mas copiar o que dá certo para os outros, evitar grandes mudanças bruscas e manter as finanças enxutas.

8. Olhe para o lado, faça benchmarking
“Siga em frente, olhe para o lado”. A música que fez sucesso na internet há pouco tempo pode ser uma ótima estratégia para definir o que um empreendedor deve fazer: seguir adiante sempre, mas olhar para os concorrentes e estudar profundamente como fazem os maiores exemplos do mercado.

9. Anuncie… na internet!
Se a propaganda é a alma do negócio, o anúncio nas redes sociais e no Google é o superpoder do empreendedor. Aproveite as vantagens que o anúncio online oferece até para quem não tem muito a investir, e divulgue seu negócio para o máximo possível de pessoas.

10. Aprenda e ensine!
Ao longo da minha carreira, aprendi muito com os outros, e ensinei outras tantas coisas. Valorizar o conhecimento e disseminar o que se sabe é a melhor forma de fortalecer o mercado, valorizar as pessoas e encontrar mais motivação.

*Por Fábio Ricotta, especialista em marketing digital de performance e cofundador da Agência Mestre

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]