Pesquisar
Close this search box.
/
/
WhatsApp como estratégia de marketing: como fazer corretamente?

WhatsApp como estratégia de marketing: como fazer corretamente?

Abordagens eficientes, como notificações interativas por WhatsApp, e o cuidado com a proteção de dados tornam a experiência do cliente no aplicativo completa

Na corrida pela adesão de novos canais digitais para relacionamento com clientes, o WhatsApp se tornou uma das opções mais importantes no mercado brasileiro. São quase 147 milhões de contas no país, sendo que 96% dos brasileiros utilizam o aplicativo como meio predileto para troca de mensagens, de acordo com dados do Statista. Diante deste cenário, o canal se torna importante não apenas para a comunicação, mas para a estratégia de marketing das empresas.

Como afirma André Terra, SaaS Business Director LATAM da MessengerPeople by Sinch, “o WhatsApp é a ponte entre o online e o offline para as companhias”. Ao permitir transmissão rápida de informações importantes e diálogo aberto com o cliente, a ferramenta gera uma aproximação tão valiosa quanto a física. O executivo traz o exemplo da VIA, empresa de comércio varejista com mais de mil lojas, que lançou o WhatsApp em 2020 e, atualmente, realiza um quinto dos negócios digitais pelo canal.

Os números não mentem e a efetividade do WhatsApp como estratégia de marketing e comunicação não pode ser ignorada pelas empresas. Mas, como fazer uso correto da ferramenta na prática? Saber utilizar as possibilidades de produção de conteúdo e fazer abordagens com intensidade e timing corretos é essencial para que a venda ocorra pelo canal.

Terra explica que, com a plataforma MessengerPeople by Sinch, é possível construir uma experiência do consumidor 360º, passando pelo marketing, atendimento e indo até a comercialização em si. Algumas abordagens realizadas a partir do WhatsApp Business API tornam isso possível.

Abordagens eficientes para o marketing no WhatsApp

1. Notificação informativa (também conhecida como newsletter) via WhatsApp

estratégia de marketing whatsapp
Na estratégia de marketing, conteúdos compartilhados no WhatsApp se destacam

Com conteúdo útil e interessante, a newsletter construída para ser enviada pelo aplicativo de mensagem impulsiona o comércio conversacional e registra altas taxas de abertura e cliques (click-through-rate, CTR, em inglês), sem contar o feedback rápido. Em alguns cases de clientes da MessengerPeople by Sinch, a taxa de abertura alcançou 90% e o CTR 25%.

“Pela newsletter no WhatsApp, as empresas conseguem enviar ofertas especiais e informações ou notícias importantes. Em comparação com as comunicações por e-mails, que não são lidas ou acabam em spam, esse formato de notificação chega nas telas de bloqueio do celular dos clientes e registram melhores resultados”, afirma Terra.

“É importante personalizar o máximo possível as mensagens para enviar aos usuários o que realmente interessa. Durante o processo de assinatura da newsletter, deve ser questionado os principais interesses do cliente e usar os dados para segmentação”, completa.

Vale ressaltar que o formato foi retirado do WhatsApp em 2019 e relançado em 2021. Ele passou a ser pago e, por meio do formato API, permite a utilização ou criação de diversos templates.

2. Campanhas de engajamento e sorteio

A estrutura do WhatsApp também permite a criação de sorteios ou outros formatos de engajamento. “Em vez de depender de páginas de registro separadas, o cadastro pode ser feito diretamente pelo aplicativo. É o exemplo de muitas rádios, que utilizam a funcionalidade e se tornam mais convidativas à participação do cliente”, explica o executivo.

3. Campanhas de clik-to-chat e click-to-WhatsApp

Como forma de manter o canal de comunicação aberto e incentivar o feedback, as empresas podem adicionar um botão “enviar mensagem” nos anúncios veiculados em redes sociais como Facebook e Instagram, ou até no Google. O clique levará diretamente ao início de uma conversa com a marca no WhatsApp.

“Essa solução é útil se o objetivo é, por exemplo, coordenar pedidos ou agendamentos, dar início a uma consultoria direta, conduzir pesquisas simples ou até gerar leads via chatbot”, detalha o executivo.

Proteção de dados: um cuidado necessário

Não são todas as versões do WhatsApp que estão de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Terra conta que nas versões do WhatsApp Pessoal e do WhatsApp Business, o aplicativo acessa e processa dados e metadados da lista de contatos. Com o WhatsApp Business API isso não acontece e a proteção das informações é total.

“Também é importante garantir o registro fácil e seguro dos assinantes da newsletter, por meio de um duplo opt-in. Na MessengerPeople, o cliente aceita as normas de proteção de dados da empresa e dá o segundo opt-in enviando a mensagem inicial predefinida para a newsletter no chat do WhatsApp”, finaliza Terra.

Quando se trata de experiência do cliente e efetividade da estratégia de marketing, o WhatsApp pode ser um ótimo aliado das empresas, desde que bem planejado e empregado. Para entender mais a fundo o uso do aplicativo de mensagens em campanhas, vale conferir o guia completo preparado pela MessengerPeople.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]