Pesquisar
Close this search box.
/
/
Respeito é atender às mudanças de hábitos dos clientes

Respeito é atender às mudanças de hábitos dos clientes

Avanço da tecnologia e Geração Z influenciam mudanças no comportamento da sociedade, e empresas que percebem e se adequam são recompensadas e reconhecidas. Confira os insights dos ganhadores do Prêmio Respeito 2022.

A 20ª edição do Prêmio Respeito deixou clara a mudança de expectativa e de comportamento do consumidor, e do que ele considera um atendimento de respeito. Um dos aspectos mais relevantes da análise é como a Geração Z, que chega agora ao mercado de trabalho e de consumo, tem influenciado transformações na forma, no lugar e no conteúdo do relacionamento com o cliente.

A régua do consumidor subiu muito. “Ele tem muita capacidade de comparar empresas, e está cada vez mais empoderado”, pontua Jacques Meir, CKO do Grupo Padrão.

Assine nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Diferenciais no atendimento

A MRV, que lida em um segmento que ainda tem os Millennials como maioria na base de clientes, está trabalhando em duas frentes: aprimorar cada vez mais a experiência do cliente para além da entrega das chaves, e em produtos voltados mais ao uso do que à propriedade – uma forma de repensar o próprio negócio de olho no futuro.

A construtora está investindo em produtos on demand visando atender o novo perfil de consumidor que a Geração Z representa à medida em que esses jovens se colocam no mercado.

“O resultado dos empreendimentos voltados para locação têm sido um sucesso, com serviços embarcados, que vão de co-working, lavanderia, área de lazer com chopeira por consumo, mercadinho até ao aluguel carros elétricos, que estão alinhados com os desejos e momento de vida desses jovens”, destaca Junia Galvão, diretora-executiva administrativa e de desenvolvimento humano da MRV, ao explicar o foco dos imóveis voltados para uso em vez de para a propriedade, proposta alinhada com as tendências de comportamento dessa geração.

Um dos consensos entre os ganhadores do Prêmio Respeito em 2022 é a busca incessante pelo caminho da omnicanalidade, com o Whatsapp como protagonista. “Ele penetrou profundamente na alma do brasileiro. Modelos digitais ascenderam como exemplo de respeito. Respeito às mudanças de hábito do consumidor e seus desejos”, reflete Meir.

Leia mais: Por que o Whatsapp está revolucionando o atendimento ao cliente

O desafio da Vivo, como uma marca inclusiva e democrática, é receber e se adaptar aos diversos públicos. De uma maneira geral, os clientes querem um atendimento ágil, resolutivo e fácil. Com esse público jovem, que já nasceu digital, isso é ainda mais forte. “Por isso, é importante facilitar a interação com nossos clientes, como temos feito através do nosso principal canal digital, o App Vivo, que permite autonomia, agilidade, uma gestão completa de serviços e produtos pelos nossos clientes, além de acesso a todos os benefícios disponíveis”, Maria Claudia Ornellas, diretora de Transformação e Experiência do Cliente.

Leia Mais: Prêmio Respeito e valorização das melhores práticas do mercado

Para todos os clientes do Carrefour, mas especialmente a Geração Z, as redes sociais trouxeram uma proximidade muito maior e essa tem sido uma das estratégias de resolutividade, “com isso conseguimos identificar rapidamente a situação e mais rapidamente ainda chegar a uma solução”, explica Luiz Souto, diretor-executivo e CSO do Carrefour.

Mas se a comunicação ganhou instantaneidade, mas o telefone continua a ser um canal relevante no atendimento. Não por volume ou eficiência operacional, reconhece Luiz Souto, mas por ser um canal de confiança que tem um nicho e seu momento de relevância no atendimento ao cliente. “Ser omnicanal de verdade é atender o cliente em todos os aspectos da forma que ele quiser, e o telefone tem seu lugar, e nosso papel é compreender quando e como o consumidor quer ser atendido”, avalia o diretor-executivo e CSO do grupo Carrefour.

É o caso também da Telhanorte, que foca na satisfação do cliente. O atendimento por bot na Telhanorte é voltado para questões mais simples, e o encaminhamento para um atendente é a prioridade para que a solução seja dada no primeiro contato do cliente. “Hoje a tecnologia é nossa aliada, e estamos trabalhando para que ela seja uma parceira para alcançar nosso objetivo de resolver no primeiro atendimento”, afirma Lílian Antunes de Oliveira, gerente SAC da Telhanorte.

A Geração Z quer uma solução rápida e não querem esperar. “Eles querem na hora. Por isso estamos investindo em mais autonomia das equipes para que a resposta e a solução aconteçam no primeiro contato, na velocidade do tempo dos mais jovens e dentro dos nossos princípios de excelência e proximidade”, pondera Lílian.

Cada vez mais digital, cada vez mais humano

O grande ponto para os próximos anos de atendimento é conseguir fazer uma conexão muito mais forte ainda entre tudo o que é digital e tudo que é humano. O Itaú acredita que a camada digital está tornando o atendimento mais viável e moderno. “Sem nunca esquecer que o que está por trás é o atendimento humano: resolutivo, protagonista e cuidadoso”, enfatiza Marcelo Sampaio Pinto, superintendente da Central de Atendimento.

Essa integração entre o processo de atendimento físico e digital humano e feito por robôs tende a ser cada vez mais fluida, e o desafio é conectar todas estas jornadas de forma que o atendimento seja invisível aos olhos do cliente, “mas esteja presente quando ele precisa e onde ele precisa sem qualquer tipo de fricção”.

O WhatsApp é um canal sem volta. No Itaú a busca é pelo formato mais adequado, pensando nas variáveis de risco e segurança de informação. “Estes são valores muito importante para nós, e apostar no WhatsApp como um canal tem sido algo interessante para entender as fronteiras que se abrem para o atendimento futuro”, revela Sampaio Pinto.

A resolutividade é o ponto primordial do atendimento da SKY, que vê a solução das demandas como um exemplo de respeito da empresa com seus clientes. “A resolutividade que é indiscutível, mas estamos trabalhando muito para dar ainda mais opções para o cliente através da omnicanalidade”, conta Evani Montechesi, diretora de Customer Care e Jornada do Cliente.

Outro foco da SKY é no streaming, o que trará mais fluidez para o cliente. A empresa já se posiciona como hub de conteúdo e diversão, com oferta de TV paga, streaming, internet e muito mais. Com isso, a SKY pretende ampliar seu público. “E trabalhar engajamentos mais simples que tragam a rotina da Geração Z para o mundo do entretenimento”, aponta Evani.

Leia Mais: Conheça os resultados e insights da 20ª edição do Prêmio Empresas que Mais Respeitam o Consumidor

“Ficamos muito felizes porque é um reconhecimento que mostra que estamos no caminho certo, mas com a consciência que ainda há muito a fazer”, comenta sobre o Prêmio Respeito a Alelo na categoria Beneficios. Para o ano que vem a Alelo quer fortalecer o plano “Cliente sou teu fã” para engajar ainda mais dentro de casa. Uma série de ações já foi mapeada, desde a entrega de novos features, de produtos novos, “sempre a partir do que a gente entende que gera valor pro cliente até chegar em retorno para a própria empresa”, revela Julio Plum, diretor de Operações da Alelo.

Em relação à Geração Z, Plum avalia que a melhor forma de lidar é assumir de uma vez que as empresas vão ter que se adaptar às mudanças de processos, que começam pela oferta através de diferentes canais e com uma adaptação de linguagem que dialogue com os jovens.

“Essas pessoas serão decisória em muito pouco tempo e quem não se adaptar infelizmente não vai ter um final feliz”, alerta Plum.

A premiação é baseada no estudo “Empresas que mais Respeitam o Consumidor 2022”, coordenado pela CX Brain, unidade de inteligência e consultoria em CX ligada à Consumidor Moderno, com trabalho de campo realizado pela Opinion Box.


+ Notícias

WhatsApp lança guia de negócios e ferramenta de compras dentro do app

Digitalizar para otimizar: uma receita para maximizar recursos e resultados

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]