Pesquisar
Close this search box.
/
/
Precificação inteligente: você vai ouvir falar disso

Precificação inteligente: você vai ouvir falar disso

O preço dinâmico é a última tendência do varejo online no mundo. Saber em tempo real quando seu concorrente modificou o valor de algum produto pode ser luxo para o varejista

Apesar de ter fundado a empresa há pouco mais de um ano, o CEO da Precifica, Ricardo Ramos fala dela como uma feliz novidade. ?Isso é muito novo no mundo inteiro?, diz. Já se falou da precificação inteligente na edição 2014 do no maior evento de varejo do mundo, o NRF, em Nova York. A vice-presidente da Forrester Research, Sucharita Mulpuru, disse: ?O conceito de preço dinâmico é uma tendência que veio para ficar no comércio eletrônico?.

E a Precifica não parece entrar no jogo para brincar. Na época em que iniciou os trabalhos, havia apenas três concorrentes do setor, mas apenas em monitoramento de preços. E uma dessas, a Iconna, já foi abocanhada pela empresa, que comprou deles a carteira de clientes e anexou alguns de seus funcionários. 

Outra tendência, esta não tão bem-vinda para a Precifica, é que sendo divulgado esse filão, novas empresas do gênero surgiram, com capacidade e tecnologia para oferecer o mesmo serviço. A mineira Uaizo, por exemplo, nasceu da união de dois executivos da área de tecnologia: Luiz Tângari e Fernando Campos e também oferece a precificação inteligente para varejistas.

A Uaizo divulga o software que vai suportar a nova geração do e-commerce: ?muito mais intensiva em tecnologia, mais orientada a dados, mais automatizada e gerida em tempo real?. Somar o uso de tecnologias de computação sofisticadas com o pragmatismo do varejo para criar soluções que levam a competitividade da indústria a novos patamares.

Mas vamos entender, a Precifica e a Uaizo são plataformas para o varejo online que objetivam dinamizar o setor em decisão de preço de venda. ?O que há em larga escala é um ajuste semanal no preço de vendas e isso é reportado aos varejistas, mas oferecemos mais: uma plataforma integrada que monitora em tempo real os preços e estoques da concorrência, nas lojas virtuais e e-mail marketing de maneira automatizada?, diz o CEO da Precifica, que é uma empresa de tecnologia que funciona na base de seus 28 funcionários, a maior parte na área de Tecnologia de Informação, trabalhando auditando o software que monitora a precificação inteligente.

Como funciona na prática?

É assim: o sujeito quer ver os preços do iPhone vendido pelo concorrente, aí joga no Buscapé e vão aparecer mais de vinte lojas com o mesmo produto buscado a preços diferentes. O varejista que faz manualmente o trabalho de monitorar os preços vai ficar quase doido se olhar site por site da concorrência. 

Como conta Ricardo Ramos, ?ele vai observar o preço de venda no site, mas de repente não sabe do email marketing que a empresa do cara acabou de enviar com uma promoção, um preço lá embaixo. Não há como monitorar isso sozinho?, explica.

A Precifica monitora todas as campanhas da Internet, incluindo Buscapé, Google shopping e até Mercado Livre, em uma gama de mais de 100 mil produtos. ?Tudo o que está na Internet pode ser monitorado?, decreta Ramos.

Já segundo a Uaizo, a precificação inteligente baseia-se na ?implementação de metódos parametrizados que possibilitam a precificação dos produtos?. A empresa assim define critérios estratégicos do negócio que possibilitarão que a precificação seja feita com base nesses parâmetros e em dados, muitas vezes de modo automático.

?Por exemplo a definição do parâmetro margem de lucro mínima torna possível automatizar a precificação dos produtos evitando que o e-commerce abaixe seus preços a um ponto de minar totalmente o lucro?, divulgam.

E no próprio site da Uaizo, o varejista tem um verdadeiro curso intensivo, em assuntos que vão desde a como fazer seu consumidor pagar mais no e-commerce, mapa do varejo online, lições para ganhar mais em sua performance até por que os e-commerces não suportaram o Black Friday. Vale uma visita.

Mas quanto custa esse luxo?

O dono da Precifica diz que o modelo de negócio da empresa foi desenhado para atender tanto os pequenos quanto os grandes. O custo mínimo para contratar o monitoramento é de R$ 500, que dá direito a monitorar 250 concorrentes. A empresa atende a 80 clientes, esperando chegar a 200 até o final do ano. Tem como clientes empresas como Pirelli, Tilibra, Ultrafarma, Centauro e Lenovo.

Projeto estratégico

Se o varejista ?subir de level? no jogo do comércio, ou seja, se chegar a um patamar nos negócios em que quer decidir qual concorrente é mais relevante para ele, pode fazer isso usando a tal empresa de preço dinâmico. A Precifica em questão não fornece consultoria, mas promete a cada cliente um treinamento quando assinar o serviço. 

Então, segundo o combinado, ele poderia trabalhar de maneira estratégica e dizer: ?monitora esse aqui porque eu quero colocar meu preço mais alto e ter mais ganho? ou ?quero ver os preços que estão lá embaixo porque eu vou vender em quantidade?.

E isso seria impossível com o monitoramento semanal que era utilizado antigamente, em que o varejista recebia da empresa uma planilha de Excel com mil linhas elencando todos os preços dos concorrentes. Só no tempo em que o comerciante levaria para terminar de ler o compêndio, provavelmente os preços já teriam mudado.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]