Pesquisar
Close this search box.
/
/
Petverso e as novas fronteiras emocionais do Metaverso

Petverso e as novas fronteiras emocionais do Metaverso

Empresas de tecnologia estão prestando mais atenção ao apelo emocional e por espaços digitais mais interativos e realistas em metaverso; confira

O metaverso parece não ter fronteiras. Agora, o mundo dos pets surge como um novo atrativo para essa tecnologia. Afinal, viver um novo mundo, seja lá aonde for, sem um pet não é um mundo melhor, concordam?

Os responsáveis por criarem uns cãezinhos bonitinhos para o mundo virtual é um grupo de engenheiros apaixonados por pets que fundaram a Digital Pets Company. A empresa desenvolve cães 3D digitais movidos a Inteligência Artificial.

Autenticada para comercialização via NFTs, a empresa aposta na criação dos caninos para serem companheiros no metaverso e conquistarem os amantes de animais de estimação no universo digital.

O mais interessante nessa criação é que cada cão é único, e seu desenvolvimento depende de como você interage com eles. Cada um tem características físicas e psicológicas individuais que incluem cores, marcas e elementos cibernéticos que impactam seus traços de personalidade, como seus níveis de inteligência, brincadeira, curiosidade, simpatia, adaptabilidade, afeto e energia.

De acordo com a empresa, a primeira geração incluirá três raças diferentes. Se você perder a oportunidade de adotar sua raça favorita ainda no laboratório – como informa a marca em seu site – você precisará esperar pela próxima temporada de reprodução, ou verificar os mercados paralelos.

No ambiente virtual da empresa você também poderá treinar seu cão e socializar com outros cães e seus donos, e até criar sua própria ninhada via NFT.

Leia mais:  13 setores que vão sofrer transformações com o metaverso

Emocional: a nova fronteira em metaverso

O fato é que grandes marcas de tecnologia estão prestando mais atenção ao apelo emocional e por espaços digitais mais interativos e realistas em metaverso. A Niantic, outra gigante norteamericana de desenvolvimento de software, conhecida pelos jogos de realidade aumentada através de dispositivos móveis, está de olho no desenvolvimento de um “metaverso ainda mais real” para os próximos anos.

A possibilidade de estabelecer um vínculo emocional no metaverso parece ser o objetivo dessa tecnologia daqui para frente. O “petverso”, é um caso. Alimentar, limpar, brincar, cuidar e educar cães virtuais parece despertar essa emoção nos amantes da realidade virtual.

Como um camaleão que se adapta ao ambiente, a tecnologia evolui com o mesmo fim. Quem aqui se lembra do Tamagochi? O chaveirinho lançado em 2005 no Japão foi uma febre entre as crianças. A principal motivação do brinquedo consistia em cuidar do “animalzinho” virtual como se fosse real. Bastava dar-lhe carinho virtual, comidinhas virtuais e outros cuidados para que ele continuasse funcionando.

metaverso
Tamagochi – Foto divulgação.

Sua segunda versão trazia um sensor infravermelho permitindo que os “Tamas”, os bichinhos, se comunicassem entre si e até proliferassem virando uma família. Seguindo então a trilha da adaptação para a sobrevivência ele continua vivo e como o Tamagochi já tinha nascido para um dispositivo móvel há alguns anos ele foi relançado também na versão de aplicativos para smartphones.

Seria tudo isso o indício de que poderemos ver em breve “famílias digitais” surgindo no metaverso como mais uma forma de sobreposição às vidas físicas? Duvido, mas não descarto. Como um camaleão, a mudança de coloração não está relacionada apenas com a camuflagem para sobrevivência, ela está ligada também a outras funções, como a atração de parceiros.

Assine a nossa newsletter e receba os melhores insights sobre experiência do cliente  


+ Notícias

Fone sem fio, com Alexa e cancelamento de ruído: testamos o Echo Buds (2ª Geração), da Amazon 

Human Centered Design: a redefinição da experiência foi atualizada 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]