Pesquisar
Close this search box.
/
/
New Retail Summit debate a transformação do varejo em plena era digital

New Retail Summit debate a transformação do varejo em plena era digital

Evento da Consumidor Moderno em Montevidéu reúne varejistas para compreender os caminhos do e-commerce e dos marketplaces

Estamos em Montevidéu, capital do Uruguai e cidade que transpira tranquilidade e civilidade, para mais uma edição do New Retail Summit, evento da Consumidor Moderno voltado para as lideranças do varejo brasileiro, às voltas com um notável processo de mudança, potencializada pela digitalização e as inúmeras mudanças no comportamento do consumidor.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Este ano, o New Retail Summit discute a dinâmica dos e-commerces e dos marketplaces, bem como um roadmap para tomada de decisões que envolvem inovação e a experiência do cliente.

Fruto de uma parceria entre a área de conhecimento do Grupo Padrão e a especialista global de inovação, Graziela di Giorgi, o conteúdo inclui uma exposição teórica repleta de insights, cases, palestras de convidados especiais de empresas como Apple e Spotify, além de trabalhos em grupo.

A ideia central é dar aos participantes ferramentas para enfrentar um cenário de mudanças constantes e intensas, desenvolvendo habilidades como adaptabilidade, força inovativa e criatividade.

New Retail Summit 2022
Roberto Meir, CEO do Grupo Padrão

“Estamos vivendo um momento interessante: se tomarmos por base o que a mídia derrotista expõe, não teremos muito futuro. Mas os fatos mostram que o país tem condições espetaculares: a matriz energética mais limpa do mundo, o agronegócio mais inovador do mundo, um varejo robusto e criativo, espírito empreendedor, um ecossistema financeiro sem similar”, enfatiza Roberto Meir, CEO do Grupo Padrão, que edita a plataforma Consumidor Moderno.

Segundo Grazi Di Giorgi, o New Retail Summit veio para trazer novas lentes, para provocar reflexões e compartilhar ferramentas que mudam a maneira de pensar, destacando que não existe certo ou errado. Levanta ainda que é necessário suspender verdades, treinar o desapego e ter confiança no processo. São regras de ouro que ajudam a criar espírito de colaboração e cocriação.

Leia mais: A importância da cocriação no employee experience e cultura da empresa

O início dos trabalhos buscou mostrar ideias e preconceitos da inovação corporativa, e os efeitos de mentalidades consolidadas e culturas corporativas. “O objetivo é abrir a cabeça e equipar os participantes com ferramentas práticas, a partir do entendimento do quão difícil pode ser inovar”, pontuou a especialista.

Passando por princípios da economia comportamental, Grazi procurou demonstrar como entender a maneira que pensamos para mudar como atuamos. A economia comportamental traz elementos para compreender como cobrir as lacunas entre razão e emoção.

A partir de um estudo profundo sobre a capacidade de inovação corporativa, Di Giorgi entendeu como o processo leva ideia à prática. A especialista explica que se trata de uma sucessão de camadas, que inclui um checklist de critérios de avaliação da ideia, a capacidade intuitiva, as razões para crer, a confiança para estabelecer consensos, e a fase final de validação.

A questão que nos permeia, portanto, é até que ponto esse processo conduz à previsibilidade? Esse é um dos dilemas da inovação nas corporações e nas empresas incumbentes?

É preciso compreender também que durante o processo, a inovação sofre com os vieses, tais como a “aversão à perda”. E esse víés é poderoso, e tem potencial de influenciar nosso comportamento negativo na proporção de dois para um em relação à felicidade de ganhar alguma coisa. Por outro lado, o viés de curto prazo nos induz à gratificação imediata, ativa o nosso modelo mental de preservação do agora em detrimento da disciplina da espera pelo resultado futuro.

O viés de curto prazo é outro indutor da mentalidade anti-inovação. Ou seja, nosso comportamento prioriza a pendência em detrimento de olhar as tendências. Dessa forma, é muito natural reforçar um terceiro viés, chamado de viés de status quo. Seguimos fazendo tudo como sempre foi feito, e muitas vezes não questionamos porque não buscamos formas diferentes de fazer. O risco de não fazer nada é superior ao de tentar fazer diferente. “Não estamos focados na inovação, mas na manutenção”, destaca Grazi.

Os últimos viéses que impedem a inovação são o “efeito manada”, a busca pelo consenso confortável da previsibilidade, porque ele reforça as crenças existentes. A propensão a seguir o efeito manada muitas vezes nos leva a exercitar o viés da confirmação, não por acaso, evidenciado hoje na polarização verificada nas democracias globais.

Quanto mais as empresas se situam no campo de influência dos vieses, menos inovadoras elas são, o que Grazi define como “Efeito Iguana”.

As empresas iguanas só têm a camada reptiliana, enquanto que as empresas humanas, desenvolvem as camadas límbicas e néo-córtex também. As empresas iguanas são imediatistas, focadas em market share, lucro e vendas. No fim do dia, a relevância de uma empresa é determinada pelo quanto ela é focada no consumidor e procura gerar valor para ele.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Acompanhe os demais conteúdos do New Retail Summit aqui no portal Consumidor Moderno e em nossas redes sociais


+ Notícias

Falta experiência do cliente na agenda ESG

Hora de recomeçar: o desafio de fazer um varejo melhor 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]