Pesquisar
Close this search box.
/
/
Seria possível levar uma vida com menos descartes e menos lixo?

Seria possível levar uma vida com menos descartes e menos lixo?

Conversamos com Cristal Muniz, do blog “Uma vida sem Lixo”, sobre os desafios de encarar um consumo de menor impacto para o meio ambiente

Finalizando a semana em que se comemora o do Dia do Consumidor (15/03), conversamos com Cristal Muniz, designer gráfica, escritora e fundadora do blog “Uma vida sem Lixo”, sobre os desafios de encarar um consumo mais consciente e de menor impacto para o meio ambiente.

Cristal decidiu parar de produzir lixo em 2014. “Quis tentar esse desafio depois de ter contato com o blog da Laren, Trash is for Tossers, ela estava vivendo uma vida lixo zero e me encantei”, conta ela fazendo referência a Lauren Singer, também fundadora da empresa de bens sustentáveis Package Free.

Hoje, passados quase dez anos, Cristal se diz muito mais criteriosa com o que consume do que quando começou o projeto, e isso contribuiu para menos descartes e uma escolha mais saudável de consumo.

“Eu analiso muitas questões, da fabricação, dos materiais usados, do tempo que aquele produto deve durar, da sua reciclabilidade e fim da vida. Hoje eu entendo que é muito difícil também achar produtos perfeitos, mas tento sempre ‘opções verdes’”, explica. “Quando a gente passa a analisar melhor nossas compras, acaba também comprando menos e melhor”, reforça.

“Comprar menos é, muitas vezes, o consumo mais consciente que você pode fazer” – Cristal Muniz (foto: divulgação)

Blog como opção de conteúdo consciente

Em meio ao avanço de novas mídias, para Cristal o blog foi um caminho natural para dar voz ao seu projeto. “Eu gosto de escrever bastante e acho que locais que tenham menos propaganda e menos ruído que as redes sociais permitem que a gente mergulhe nos assuntos com calma”, avalia.

Para ela, o blog tem uma dinâmica diferente. “Deixa a gente viajar por links, por buscas e descobrir coisas por si, ativamente, em uma dinâmica bastante diferente das redes com algoritmos. Além disso, é mais fácil de consultar, as coisas não se perdem. É quase como uma biblioteca virtual dos conteúdos que produzo”, comenta.

Com milhares de acesso, o blog tem dezenas de receitas ensinando produtos de limpeza ou cosméticos fáceis e eficazes de fazer, além de muito conteúdo sobre consumo consciente. Em 2018, o blog foi vencedor do Prêmio Microinfluenciadores Digitais na categoria Meio Ambiente. No mesmo ano também ganhou o 1º prêmio Lixo Zero, organizado pelo Instituto Lixo Zero Brasil, na categoria estilo de vida. Além do blog, Cristal tem suas redes sociais e um canal no YouTube para ampliar sua audiência.

Para Cristal essa forma de produção de informação também é um consumo mais consciente, “mas dessa vez de conteúdo”, frisa. “Acredito que a internet é maravilhosa pra compartilhar conteúdo, mas acho que precisamos voltar a usá-la de forma ativa, buscando e viajando em links sem que um algoritmo nos diga o caminho a seguir”, complementa.

Sobre o papel de um influenciador digital hoje e o tema consumo consciente, Cristal entende que todos que exerçam influência – seja digital ou não – e tem a responsabilidade de comunicar seus valores. “Sobre consumo consciente sempre prefiro as pessoas que explicam os produtos, suas escolhas, que mostram todos os detalhes. Isso serve para que o desejo ou a compra sejam mais racionais que emocionais, ainda que a gente saiba que sempre haverá bastante subjetividade nessa ação”.

Leia mais: Especial Semana do Consumidor

Consumo consciente é saber dizer não

Segundo Cristal, é importante repensarmos nosso consumo hoje já que todo o impacto ambiental está atrelado a ele. “A demanda que a gente impõe no mercado (e vice-versa) gera demanda de produção que, por sua vez, gera necessidade de uso de matérias-primas que geram impacto no meio ambiente”, pontua.

“Consumo consciente é mais que analisar os produtos e escolher opções mais verdes de outras, é também saber dizer não e mudar o próprio hábito de consumo”, reforça Cristal.

Para ela, é importante também que os consumidores façam escolhas responsáveis para aproveitarem os produtos e isso demanda mais informação para escolhas mais atentas. “Comprar menos é, muitas vezes, o consumo mais consciente que você pode fazer”, conclui Cristal.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente 


+Notícias

Como o brasileiro se comporta quando o tema é a educação financeira dos filhos? 

Dia do Consumidor: influenciadores falam sobre um novo modo de encarar o consumo  

 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]