Pesquisar
Close this search box.
/
/
5 ações de marcas de luxo em direção ao metaverso

5 ações de marcas de luxo em direção ao metaverso

Gucci, Balenciaga, Balmain, Dolce & Gabbana e Burberry criam parcerias com desenvolvedoras de jogos para promoção de novas coleções e NFTs

Em 2022 o mundo corporativo disputa quem será a primeira empresa a iniciar seu sucesso no metaverso. Desde os últimos dois meses de 2021 até o primeiro mês deste ano, as empresas não perderam o “timing”: big techs avançam seus recursos tecnológicos para dar entrada na nova realidade virtual, grandes varejistas dão entrada em novas patentes para a criação de criptomoedas e as marcas de luxo se preparam para proporcionar ao cliente uma experiência digna de ficção científica.

Após o expressivo crescimento do setor na pandemia, totalizando 93% após o primeiro semestre de 2020 — conforme apontam os dados da Infracommerce —, a entrada do metaverso parece um caminho lógico: promete acompanhar o sucesso do e-commerce com um potencial de compra de grandes expectativas.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Ainda em fase de testes, essas empresas têm flertado com outras — sobretudo as desenvolvedoras de videogames — para se arriscar em um universo bem mais tecnológico. Gucci, Balenciaga, Burberry, Doce & Gabbana e Balmain são exemplos de marcas de luxo que estão apostando suas fichas no metaverso.

Elencamos cinco ações que cada uma dessas marcas desenvolveu em realidades virtuais. Confira:

Burberry e a coleção de NFT

https://www.youtube.com/watch?v=xwPNhMoIO6c

Uma das marcas de luxo que entrou de cabeça na venda de “skins” nos games foi a Burberry. Em agosto de 2021, a empresa afirmou uma parceria com a Mythical Games para a criação de uma linha única dentro do jogo Blankos Block Party, tudo por meio dos NFTs (tolkens não fungíveis).

O jogo é um dos mais acessados no estilo “pay to earn” em todo o mundo, o que aumentou o interesse da Burberry. As peças trazem o tradicional logo da marca como acessórios em alguns avatares do jogo e, ao todo, essa parceria gerou a marca um total de US$ 375 mil.

Balmain e o novo universo da Barbie

Foto: Divulgação Balmain

Trazer a tradição da Barbie para o universo online foi um dos grandes acertos da Balmain para divulgação, inovação e reconhecimento da empresa. A tão famosa marca de bonecas anunciou, ainda este mês, que a parceria com a marca de luxo virá na criação de uma coleção NFT, totalmente pensada para exclusividade e tecnologia.

De acordo com o CEO da Balmain, três NFTs exclusivos Balmain x Barbie já estão em leilão via MintNFT, um novo mercado mais focado em colaborações criativas entre as marcas. E há ainda um detalhe importante: as peças foram todas pensadas para modelos além da Barbie, com um elenco multicultural e diverso que faz uso das roupas da Balmain. A ideia é que a coleção seja quase 100% unissex.

Balenciaga e o modelo phygital

Entrando de cabeça no mundo dos games, a Balenciaga fechou uma parceria com o jogo Fortnite, da Epic Games — que está entre os mais jogados em todo o globo, com cerca de 400 milhões de usuários ativos. Iniciada em setembro de 2021, a marca disponibilizou quatro “skins” pagas para os jogadores, bem como acessórios e um destino virtual dentro do jogo.

A grande diferença é que a marca não se limitou apenas ao universo do jogo para criar as peças: a coleção também existe na vida real e está disponível para compra nas lojas da marca, tanto físicas quanto digitais.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Dolce & Gabbana seus milhões em NFT

Assim como as demais marcas, a Dolce & Gabbana também entrou no universo dos NFTs: a marca criou nove peças que foram vendidas em leilão por um total de US$ 5,7 milhões. A transação teve um custo de 1,885.719 Ethers, da criptomoeda Etherium.

Chamada de Collezione Genesi, as peças foram vendidas na plataforma digital da UNXD. O item mais caro da coleção tinha o valor de US$ 1.275 milhões. Vale destacar que todos os itens coexistem na vida real e também em versão digital.

Gucci e seu palácio virtual rumo ao metaverso

Por fim, uma das empresas que inovou na hora de ter criatividade para entrar no mundo digital foi a Gucci. A marca criou seu museu em Florença, o Gucci Garden, no mundo do Roblox, um jogo muito popular mundo afora.

O museu ficou aberto entre os dias 17 e 31 de maio, e deixou disponíveis para compra algumas peças para os jogadores, baseadas nas existentes do museu real, na Itália. Ao todo, local recebeu 20 milhões de visitantes.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente


+ Notícias

Mercado de luxo resiste à crise e chega com força ao Natal
No Brasil, mercado de luxo tem crescimento de 50% nas vendas

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]