Pesquisar
Close this search box.
/
/
Apesar de serem minoria, mulheres também são gamers

Apesar de serem minoria, mulheres também são gamers

Em termos de gênero, o público que joga pelo celular é o mais equilibrado. Ainda assim, é majoritariamente masculino - exceto por um game

O mundo dos games é feito de fenômenos, modas e explosões. Mas poucas histórias se igualam à de Candy Crush. O jogo mobile tem mais de uma década – e foi, durante todo esse período, um dos mais populares. É, sem dúvida alguma, um dos principais indicativos do mundo gamer.

E, embora haja tantas discussões se jogos mobile contam como game ou não, a verdade é que os estudos os incluem – e consideram, inclusive, como uma parcela importante das contas. Afinal, de acordo com uma pesquisa do PagSeguro, do UOL, das pessoas que jogam, 81% usam mobile – contra 61% de PCs e 57% de consoles de jogos. É o meio mais popular de games – e faz, consequentemente, ter a maioria do número absoluta de pessoas que jogam (os famosos “gamers”).

Leia mais: Mobile, PC ou console: o que os gamers brasileiros usam mais?

Quando pensamos nas pessoas que jogam pelo celular, os perfis não variam muito, como mostra a pesquisa: é o modo mais usado por todas as faixas etárias e por todos os países analisados. Além disso, tem a menor diferença de gênero (54% masculino contra 46% feminino) entre os modos de jogo.

Candy Crush é diferente

O mais peculiar nessa história toda de gamers é quando pensamos em mobile – mas, mais especificamente, em Candy Crush. Primeiro, pelo sucesso absoluto do jogo. Lançado em abril de 2012, ele rapidamente alcançou um patamar incrível de downloads e engajamento: em 2014, o jogo gratuito arrecadou US$ 493 milhões (na época, o equivalente a R$ 1,3 bilhão) em apenas três meses!

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

E não apenas absoluto, aparentemente contínuo: em 2022, uma década após o lançamento, Candy Crush ainda era um dos games mais populares. Com 260 milhões de downloads, foi o sétimo jogo mais baixado do período (somando mais de um bilhão de downloads).

O sucesso de Candy Crush é fácil de explicar, e se iguala ao sucesso de diversos outros jogos de mobile. Ele é considerado um “game casual”, categoria caracterizada por jogos rápidos e simples de aprender, que não têm histórias longas nem exigem muito esforço. Jogos casuais se disseminam mais rapidamente e têm um melhor alcance de público. Na maioria das vezes, também são mais baratos – ou até gratuitos, como no caso de Candy Crush.

Conheça o Mundo do CX

O que não se explica é o perfil dos jogadores. Candy Crush desafia os parâmetros gerais de gamers, e tem números bastante únicos. Para começar, a idade: enquanto os games no geral têm uma distribuição bem igualitária, os jogadores brasileiros de Candy Crush têm, 90% das vezes, mais de 21 anos, como revelou o produtor do game à Veja. Ainda, 46% dos players mundiais são da Geração X, segundo estatística do VGS.

A questão também é curiosa quando pensamos em gênero. No geral, a maioria dos gamers é homem. É bem verdade que a diferença diminuiu ao decorrer da década, e hoje mulheres representam 44% dos jogadores totais e 46% dos jogadores de celular. Mas, em Candy Crush, essa diferença é mais gritante – e única: as mulheres são 70% das players do game mobile.

Leia mais: Diversidade faz bem para o negócio e para a sociedade

Ainda, são mulheres que mais se destacam em notícias de jogos. Uma brasileira, por exemplo, alcançou a fase 10 mil do jogo apenas 10 dias depois desse nível ser lançado (antes, existiam 8.855 etapas). Também são mulheres  brasileiras e estadunidenses que representam, majoritariamente, os top players em torneios mundiais.

É diferente pensar que essa categoria tão específica é também tão numericamente relevante no estudo de estatísticas de gamers. Enquanto o estereótipo imaginativo calcula um menino esquálido como gamer, a verdade é que as mulheres de cerca de 50 anos que, muitas vezes, o são.



+ NOTÍCIAS
Ele está cada vez mais próximo: McDonald’s anuncia entrada no metaverso
Comunicação e consumo: a necessidade de conexões fortes e verdadeiras

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]