Pesquisar
Close this search box.
/
/
/
Conheça a IA explicável, um mercado potencial de US$ 16 bilhões

Conheça a IA explicável, um mercado potencial de US$ 16 bilhões

A XAI não apenas promove mais transparência e ética na IA, mas também fortalece a confiança dos usuários, reduz riscos legais e melhora a experiência

Não tem como sair na rua e não ser envolvido pela inteligência artificial. A IA já transformou a maneira como interagimos com a tecnologia, a forma de se fazer negócios e como tomamos decisões. E uma evolução sobre o uso dessa inteligência merece atenção: a IA explicável, que não apenas realiza tarefas complexas, esclarece os processos de decisão das máquinas.

É nesse contexto que a IA explicável é uma evolução, ao abrir essa caixa preta para explicar as etapas e as decisões tomadas durante todo seu processo. Recentemente um estudo da MarketsandMarkets, plataforma de inteligência competitiva e pesquisa de mercado, projetou que o tamanho global do mercado de IA explicável deve crescer de US$ 6,2 bilhões em 2023 para US$ 16,2 bilhões até 2028, a uma taxa composta de crescimento anual (CAGR) de 20,9%.

Esse modelo de inteligência artificial faz parte do conjunto de estudos tanto de IA, quanto de aprendizado de máquina, ética e psicologia. A colaboração nestes campos vem impulsionando a inovação, no sentido de tornar os sistemas de IA mais interpretáveis ​​e fáceis.

Segundo o levantamento, o mercado de IA explicável deve crescer devido ao desenvolvimento de metodologias, ao aumento da padronização e à aplicabilidade em vários modelos da inteligência artificial. Para especialistas, a XAI – sigla para a IA explicável, será crucial para determinar como a inteligência artificial é usada de forma responsável e ética à medida em que cresce a necessidade de sistemas de inteligência serem mais abertos e responsáveis.

As áreas da saúde e ciências biológicas devem se beneficiar especialmente do crescimento da XAI no período analisado. Nesse sentido, as tecnologias de IA explicáveis ​​são empregadas para tornar as previsões e recomendações geradas pelos modelos de IA mais transparentes e interpretáveis ​​para médicos, pesquisadores e órgãos reguladores. À medida que a aplicação da IA ​​nos cuidados de saúde se tornar cada vez mais difundida, garantir que os diagnósticos, as recomendações de tratamento e os processos de descoberta de medicamentos baseados na IA sejam explicáveis contribuirão para construir confiança e mitigar riscos.

Principais empresas no mercado de IA explicável

Neste anos, algumas empresas anunciaram o desenvolvimento recente de IA explicável.

A Epic firmou parceria estratégica com a Microsoft, com o objetivo de integrar a tecnologia generativa de IA ao domínio da saúde. Esta colaboração ampliada aproveitará os recursos do serviço Azure OpenAI e do software de registro eletrônico de saúde (EHR) amplamente reconhecido da Epic, com o objetivo de oferecer as vantagens da IA ​​ao setor de saúde.

A NVIDIA anunciou uma colaboração com a Microsoft para acelerar a IA generativa pronta para empresas. A colaboração envolve a integração do software NVIDIA AI Enterprise ao Azure Machine Learning da Microsoft para ajudar as empresas a criar modelos de IA.

O Instituto SAS colaborou com o Erasmus MC para desenvolver um algoritmo de IA para prever se os pacientes deveriam permanecer no hospital após a cirurgia oncológica ou poderiam ser dispensados ​​com segurança.

Explicando as vantagens da IA explicável:

A XAI não apenas promove mais transparência e ética na IA, mas também fortalece a confiança dos usuários, reduz riscos legais e melhora a experiência com essas tecnologias. A pesquisa pontuou oito tópicos que exemplificam as vantagens da IA explicável.

Quando os usuários são capazes de compreender e analisar os resultados dos modelos de IA, sua confiança na tecnologia aumenta.

A XAI promove maior aceitação e implementação da tecnologia de IA, ajudando usuários e partes interessadas a desenvolverem confiança, fornecendo explicações para previsões e julgamentos de IA.

Ao auxiliar na identificação e resolução de questões éticas, a XAI garante que os modelos de IA estejam menos sujeitos a vieses.

As soluções XAI reduzem os riscos legais, apoiando a adesão a regras e diretrizes que exigem responsabilidade e transparência dos sistemas de IA.

Ao identificar e minimizar os riscos associados aos modelos de IA, os utilizadores podem diminuir a possibilidade de previsões imprecisas ou tendenciosas.

Através da descoberta de falhas em modelos de IA, o XAI ajuda as organizações a fazer as correções necessárias e a melhorar o desempenho dos modelos ao longo do tempo.

XAI oferece explicações compreensíveis que podem ser compartilhadas com sucesso com uma série de partes interessadas, incluindo agências reguladoras e usuários não técnicos.

Como resultado da maior capacidade dos usuários de compreender e interagir com aplicativos orientados por IA, modelos de IA claros e interpretáveis ​​melhoram a experiência do usuário.



Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]