Pesquisar
Close this search box.
/
/
O papel das healthtechs na democratização dos serviços de saúde

O papel das healthtechs na democratização dos serviços de saúde

A crescente influência das empresas de tecnologia na área médica tende a tornar serviços mais acessíveis e personalizados

Nos últimos anos, uma revolução silenciosa tem ocorrido no setor de saúde, impulsionada pelo avanço tecnológico e pela ascensão das healthtechs. Essas empresas, que combinam saúde e tecnologia, têm desempenhado um papel importante na democratização dos serviços de saúde, levando cuidados médicos de qualidade a um número cada vez maior de pessoas.

Uma das principais maneiras pelas quais as healthtechs estão democratizando os serviços de saúde é por meio da telemedicina. Plataformas online permitem que pacientes consultem médicos e especialistas remotamente, eliminando barreiras geográficas e reduzindo a necessidade de grandes deslocamentos. Isso é mais relevante para moradores de áreas rurais e regiões remotas, onde o acesso a serviços médicos pode ser limitado.

Além disso, a coleta e análise de dados de saúde estão permitindo abordagens mais personalizadas para o tratamento e prevenção de doenças. Wearables e aplicativos de monitoramento de saúde permitem que as pessoas acompanhem seus próprios indicadores de saúde, permitindo que elas possam fazer escolhas mais conscientes e saudáveis.

Healthtechs ajudam a resolver desafios do setor de saúde

A democratização dos serviços de saúde também é impulsionada pela automação e inteligência artificial. Chatbots e assistentes virtuais desempenham papéis cruciais no atendimento ao cliente, fornecendo informações básicas e agendando consultas, liberando o tempo dos profissionais de saúde para casos mais complexos. Algoritmos de IA já estão sendo desenvolvidos para auxiliar no diagnóstico médico, aumentando a precisão e rapidez das avaliações.

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

Renato Velloso, CEO do dr.consulta, rede de centros médicos que oferece consultas médicas, exames e serviços de saúde, defende que a inovação é um impulsionador natural para a evolução dos negócios, e os novos sistemas e dispositivos digitais são janelas abertas para um mundo de possibilidades e de otimização de processos. “Além de fomentar o mercado com novas soluções, as healthtechs têm trazido muitos benefícios e ganhos de eficiência para um setor extremamente importante como o da saúde, e estão ajudando a resolver alguns desafios importantes do setor, como o acesso, custos e engajamento do paciente ao tratamento”, diz.

Para ele, a tecnologia tem papel fundamental na existência do dr.consulta: “Ela, atrelada ao uso de dados para a tomada de decisões, ao desenvolvimento do próprio prontuário eletrônico e até o pioneirismo com a implantação do conceito de VHBC, Saúde Baseada em Valor, que foca na remuneração dos médicos por desfecho clínico, possibilita ao paciente cuidar de sua saúde em um único local, assegurando a centralização de todos os dados, exames e informações no prontuário eletrônico. Isso permite que os profissionais de saúde que colaboram conosco possam acessar essas informações durante a avaliação, a fim de direcionar um tratamento personalizado para cada situação”.

Telemedicina como ferramenta de acesso à saúde para toda a população

As plataformas de telemedicina são essenciais aos pacientes que têm dificuldade em ir a um consultório médico, seja devido à distância, mobilidade reduzida ou outras limitações. Por isso, desde dezembro de 2022, a telemedicina pode ser praticada à luz da Lei no 14.510, que conceitua a prática da telessaúde em todo o território nacional. Ao revogar a Lei no 13.989, de abril de 2020 – para permitir a telemedicina na pandemia –, a nova norma amplia o conceito e a abrangência, contemplando todas as profissões da saúde regulamentadas. “O dr.consulta acredita na telemedicina e vê a opção das consultas online como um complemento ao atendimento que já é feito em nossos centros médicos. As consultas podem ajudar quando o paciente não quer ou não pode se deslocar, mas também pode servir de acompanhamento de um determinado tratamento, sempre de acordo com o que foi conversado com o médico no momento do atendimento”, salienta Renato Velloso.


Quer saber o que há de melhor em CX?
Participe do CONAREC 2023!

Onde? Expo Transamérica – SP
Quando? 12 e 13 de Setembro

Ainda não tem ingresso?
Clique aqui! 💬


Além disso, o CEO do dr.consulta aponta que o atendimento de saúde de qualidade é um dos maiores problemas do Brasil e outros países, principalmente os mais pobres. “Mesmo batendo o maior número de usuários de plano de saúde dos últimos 8 anos (50,5 milhões de clientes), ainda é um número muito baixo quando analisamos toda a população. E o restante depende do atendimento do SUS, que, apesar de ser um dos maiores modelos de saúde pública do mundo, não consegue atender a todos que o procuram com a agilidade necessária, uma vez que a doença não escolhe dia ou hora”.

Assim, as healthtechs contribuem na redução de pacientes na fila do SUS ao ampliar o acesso aos serviços médicos de diversas maneiras. “Enxergamos o dr.consulta como um vetor importante para desafogar o SUS, pois provemos acesso facilitado ao atendimento de saúde com preços acessíveis e os centros médicos estão espalhados pela região metropolitana em locais de fácil acesso.

Durante os primeiros meses da pandemia, em que o SUS e os planos de saúde priorizaram o atendimento a pacientes com Covid-19 e cancelaram consultas e exames eletivos, nós mantivemos nosso atendimento normalmente, incluindo ainda o serviço de consulta online e coleta domiciliar para que os pacientes pudessem seguir cuidando da sua saúde, principalmente os pacientes crônicos que fazem visitas ao médico com maior frequência”, conta.

Os obstáculos enfrentados pelas healthtechs na busca pela democratização dos serviços médicos

Apesar das vantagens, as healthtechs também enfrentam alguns desafios. Questões regulatórias, segurança de dados e garantia de qualidade são aspectos críticos que precisam ser abordados para garantir que a revolução tecnológica na saúde seja verdadeiramente benéfica. Renato Velloso ressalta: “É fundamental encontrar um equilíbrio entre a inovação tecnológica e a responsabilidade ética para assegurar que todos possam aproveitar igualmente as oportunidades oferecidas por essas iniciativas”.



+ NOTÍCIAS
A importância da transição entre atendimentos para o CX

A meta de contribuir com a geração de um milhão de empregos até 2030 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 283

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Imagem idealizada por Melissa Lulio,
gerada por IA via DALL·E da OpenAI, editada por Nádia Reinig


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

Coordenador de Marketing de Performance 
Jonas Lopes 
[email protected]

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 283

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Imagem idealizada por Melissa Lulio,
gerada por IA via DALL·E da OpenAI, editada por Nádia Reinig


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

Coordenador de Marketing de Performance 
Jonas Lopes 
[email protected]

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]