Pesquisar
Close this search box.
/
/
Havaianas alia experiência física à presença digital

Havaianas alia experiência física à presença digital

Tradicional marca usa presença digital para fortalecer experiência de marca e construir experiências omnichannel aliadas às lojas próprias

Todo mundo usa. O slogan de antigamente é conhecido por muitos, afinal, a Havaianas é um ícone nacional que soube se reinventar em mais de seis décadas. Com mais de 210 milhões de pares vendidos por ano, inclusive para mais de 130 países dos cinco continentes, a Havaianas é uma das marcas mais amadas do Brasil e tem buscado se tornar uma das referências de presença digital.

A experiência de conforto já está garantida e reconhecida, agora a marca quer consolidar seu nome como uma experiência. Ana Bógus, presidente da Havaianas Latam, acredita muito na força do omnichannel para estar sempre presente na mente do usuário, o que inclui as lojas próprias, franquias e os canais digitais. “Acredito muito no poder de uma comunicação omnichannel, onde cada canal tem um foco e todos convergem em um grande objetivo final”, afirma.

Além da presença, a marca tem trabalhado muito com dados e feedbacks dos consumidores para definir os parâmetros de sua jornada. “Garantir satisfação durante todo o processo é uma prioridade para Havaianas, é uma missão desafiadora, mas como uma lovebrand, essa é nossa busca constante”, explica Bógus.

Confira a entrevista exclusiva da Consumidor Moderno com a executiva, que contou um pouco da construção digital e das estratégias para fazer a jornada do cliente Havaianas uma experiência cada vez melhor.

Consumidor Moderno – Como vocês trabalharam na construção da presença digital?

Ana Bógus – Temos um consumidor cada vez mais digital e exigente. Sabemos que uma das principais características para se comunicar com esse consumidor é se fazer presente nos canais que ele conhece e confia, e para isso, o marketing de influência tem um papel essencial nas nossas estratégias de campanha e de posicionamento de marca. Ao contrário das mídias de massa, ao trabalhar diretamente com criadores de conteúdo, conseguimos segmentar a comunicação dos nossos produtos e ações para perfis específicos de público.

Neste ano Havaianas anunciou ao mercado a cantora Ludmilla como primeira embaixadora oficial da marca no Brasil, e mais recentemente a Sabrina Sato como musa da marca. Elas são gigantes, contam com um público de fãs extremamente leal e se complementam.

A Ludmilla traz a essência de Havaianas, de forma autêntica, democrática, como mulher empoderada e que venceu muitos desafios na vida para chegar ao topo. A Sabrina é o maior ícone fashion que o Brasil tem atualmente, ela brinca muito bem com a moda, é ousada e sempre muito divertida.

Agora, quando falamos de campanhas, eu acredito muito no poder de uma comunicação omnichannel, onde cada canal tem um foco e todos convergem em um grande objetivo final, que é estar sempre na cabeça do nosso usuário. Sabemos da importância e relevância da mídia digital, DOOH (digital out off home) e streaming onde conseguimos atuar de forma super segmentada, com diversas campanhas simultâneas (já chegamos a ter nove campanhas de performance rodando ao mesmo tempo), além de mensurar e testar execuções diferentes sobre o mesmo tema, mantendo as peças que estão gerando mais retorno.

Uma novidade que começamos a testar agora, na última campanha, foi mídia na Netflix, ainda estamos analisando os resultados, mas já posso adiantar que foram muito bons e devemos manter esse canal nos nossos planos.

Consumidor Moderno – Quais são as vantagens de investir em uma loja própria? É uma forma da indústria se aproximar do consumidor? Que outros métodos vocês utilizam?

Ana Bógus – Hoje, a interação do consumidor com a marca começa bem antes da chegada dele ao PDV, mas é lá que conseguimos expandir a experiência de marca e trazer todo o lifestyle de Havaianas para o consumidor vivenciar isso de uma maneira única. Tudo é pensado para que ele entre no espírito da marca e estamos sempre em busca de novas formas de fazer isso.

Para Havaianas, as lojas próprias funcionam como um espaço para a marca testar novas tecnologias, formas de atendimento e até novidades para o PDV antes de desdobrar para a rede de franquias e varejo. Conseguimos testar, receber feedback do cliente e dos vendedores, fazer ajustes e aplicar de uma forma muito mais ágil e de rápida escala, pois todo o processo fica “dentro de casa”. Hoje, Havaianas tem sete lojas próprias no Brasil, sendo duas lojas conceito.

O e-commerce de Havaianas é um importante canal de venda que também funciona como uma “loja própria” de Havaianas, onde testamos novas tecnologias e formas de atendimento.

“As lojas próprias funcionam como um espaço testar novas tecnologias, formas de atendimento e até novidades para o PDV. Conseguimos testar, receber feedback do cliente e dos vendedores, fazer ajustes e aplicar de uma forma muito mais ágil”

Consumidor Moderno – Quais são os principais desafios em adotar esse modelo?

Ana Bógus – Para as marcas que também operam no modelo B2B, o principal desafio de adotar o modelo DTC (Direct to Consumer) é implementar uma mudança cultural de acompanhamento mais preciso e frequente do consumo, pois a resposta de vendas é imediata e os dados de vendas são diários.

Consumidor Moderno – Quais foram as principais descobertas até então, pensando no comportamento e preferência dos consumidores?

Ana Bógus – Um exemplo que posso dar é com relação ao portfólio. Havaianas possui um portfólio de lifestyle completo, desde as tradicionais Havaianas, passando por calçados rasteirinhas, calçados fechados, vestuário e acessórios. Nas lojas próprias e no e-commerce o consumo de outras categorias vem crescendo bastante. Só conseguimos descobrir esse potencial tendo lojas próprias, operando e respondendo rapidamente à demanda dos consumidores.

Consumidor Moderno – Como vocês realizam as vendas no modelo de loja própria? Qual foi o critério para a escolha do método?

Ana Bógus – Escolhemos ter loja própria onde o potencial de consumo é elevado e podemos ter um nível alto de aprendizados pelo perfil dos consumidores, além de locais onde nossa marca é mais buscada nos canais digitais. Além disso, essa experiência nos ajuda a definir onde é melhor ter franquias, contando com o conhecimento e know how de parceiros de negócio para operar uma loja monomarca Havaianas.

Consumidor Moderno – Como foi construída essa estratégia?

Ana Bógus – Esse é um tema fundamental para aproximarmos cada vez mais nossos Havalovers da nossa marca, buscando sempre construir nossa base para nos relacionarmos de forma relevante, estratégica e sem estressar a relação com nossos clientes.

O ano de 2022 foi importante para garantir a construção unificada do nosso banco de cadastros com uma padronização nos diferentes canais: loja própria, franquias, site, nosso SAC. Já em 2023, avançaremos com a chegada de um software para visão única e integrada dos nossos clientes, o CDP (Plataforma de Dados do Cliente).

Consumidor Moderno – Como garantem a satisfação do cliente no processo?

Ana Bógus – Garantir satisfação durante todo o processo é uma prioridade para Havaianas, é uma missão desafiadora, mas como uma lovebrand, essa é nossa busca constante. Nosso grande objetivo sempre é eliminar as fricções e dores do processo, para maximizar os pontos com maior sucesso na satisfação dessa relação.

Para aperfeiçoarmos a jornada e aumentarmos a satisfação dos clientes, fazemos um acompanhamento muito próximo, com mecanismos de monitoramento diário para identificação das oportunidades, definindo, com isso, planos de melhoria contínua.

Ainda, como forma de atendimento mais rápido para consumidores cada vez mais exigentes, nossa assistente virtual, a Iana, passou a ser fundamental. Iana conta com autosserviços como Troca e Desistência, gerando atualmente uma retenção superior a 80%, além de ótimos índices de satisfação. Hoje o consumidor consegue abrir seu protocolo para troca de produto prontamente com a Iana, sem a necessidade da interação com o humano.

Consumidor Moderno – Como planejam expandir o modelo no futuro?

Ana Bógus – Continuaremos com lojas próprias, sempre pensando que são um espaço para experiência diferenciada com a marca, além de teste de novas tecnologias, formas de atendimento e até e novidades para o PDV antes de desdobrar para a rede de franquias e varejo.

Mas quando pensamos em expansão e capilaridade da marca, o foco são as nossas franquias. Pensamos em continuar expandindo o modelo de franquias no Brasil em todas as regiões. Atualmente Havaianas é uma das 30 maiores franqueadoras do Brasil, em ritmo acelerado de expansão.

 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]