Pesquisar
Close this search box.
/
/
Com fim dos cookies em vista, Google testa opções

Com fim dos cookies em vista, Google testa opções

Google faz experimentos em busca de eficiência e privacidade para substituir cookies de terceiros

Com o fim próximo dos cookies, as empresas de tecnologia estão buscando alternativas ao recurso. Google Ads e Display & Video 360 estão fazendo testes com soluções baseadas nos interesses do público, que incluem afinidades, in-market, públicos sob medida e segmentos demográficos na Rede de Display do Google, e usam uma combinação de sinais que preservam a privacidade.

No primeiro trimestre de 2023, as plataformas de anúncios do Google realizaram uma experiência para entender o desempenho das campanhas que utilizaram públicos baseados em interesses (ou “IBA”, na sigla em inglês), usando uma combinação de sinais que preservam a privacidade.

Esses sinais incluíam informações contextuais, a API de Topics do Privacy Sandbox e identificadores de usuários do tipo first-party, como IDs fornecidos por publishers. A pesquisa não comparou o desempenho dos cookies de terceiros com a API de Topics isoladamente, e sim um conjunto mais amplo de sinais disponíveis num mundo em que a privacidade está em primeiro lugar.

Leia mais:
Como fica a experiência entre clientes e marcas com o fim dos cookies?

A empresa criou dois testes com base numa amostra de tráfego no Chrome. Em um deles, o uso de cookies de terceiros continuou. No outro, foram substituídos por uma combinação de sinais que preservam a privacidade nas soluções IBA – os cookies de terceiros foram mantidos para outros casos de uso, como mensuração e remarketing.

Em artigo público por Dan Tabylor, vice-presidente de Global Ads, a Google apresentou as primeiras impressões e conclusões sobre o impacto do fim do uso de cookies de terceiros na publicidade na internet.

O que a Google descobriu:

As campanhas baseadas no interesse do público, com sinais que preservam a privacidade das pessoas, são promissoras quando comparadas às campanhas que utilizam cookies de terceiros.

A experiência mostrou que, usando estas soluções na Rede de Display, os gastos de anunciantes com o Google Ads com as campanhas caíram entre 2 e 7% se comparados aos resultados de campanhas usando cookies de terceiros.

Assine nossa newsletter!
Fique atualizado sobre as principais novidades em experiência do cliente

Já para as conversões por dólar investido, medida que representa retorno sobre investimento em publicidade, a queda nos gastos foi de 1 a 3%. As taxas de click-through continuaram na margem de 90% em relação aos resultados atuais. O resultado foi semelhante para Display & Video 360.

O teste sugere que soluções de otimização impulsionadas por inteligência artificial podem ter impacto positivo sobre o desempenho da campanha. A Google dá um exemplo: campanhas que usam estratégias para otimizar alvos ou maximizar a conversão dos lances sofreram menos impacto com a retirada dos cookies de terceiros. Isso indica que o machine learning pode ter um papel importante na geração de resultados, aponta.

teste google alternativas aos cookies
Foto: Google

Leia mais:
A relação do uso de cookies com a LGPD

A experiência mediu a efetividade de mostrar anúncios para públicos baseados em interesses. Mas os números podem variar em experiências futuras.

“Os resultados da experiência, embora sejam animadores, não devem ser vistos como indício inequívoco do desempenho das campanhas que utilizam públicos baseados em interesses do Google depois que os cookies de terceiros forem descontinuados”, alerta a empresa.

“Nossa indústria está numa encruzilhada: o futuro da publicidade digital e da internet aberta, como a conhecemos hoje, está em jogo”, declarou a Google. Com cada vez mais pessoas recorrendo ao bloqueio total de anúncios personalizados, é um risco utilizar formas mais invasivas de rastreamento, como fingerprinting. Assim como iniciativas de identificadores alternativos para rastrear pessoas na internet e nos aplicativos.

Conheça o Mundo do CX

A Google acredita que nenhuma dessas propostas são boas para a privacidade dos usuários. “Para nós, as plataformas de publicidade podem estabelecer um novo padrão de privacidade, atendendo às expectativas das pessoas e dando às empresas as ferramentas necessárias para continuar crescendo por meio da inovação”.

Ao longo dos próximos meses, haverá novas versões e rodadas de testes, acompanhados pela Competition and Markets Authority (CMA) do Reino Unido. A Google se comprometeu a divulgar regularmente informações sobre o Chrome e publicar as descobertas para toda a indústria, para aprimorar a API de Topics.



+ NOTÍCIAS
Segurança de dados transforma experiência do cliente: confira cinco dicas essenciais
McKinsey explica tendências globais que são desafios e oportunidades

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]