Pesquisar
Close this search box.
/
/
As estratégias que fizeram do Safra uma referência em respeito ao cliente

As estratégias que fizeram do Safra uma referência em respeito ao cliente

Conheça as iniciativas que levaram o banco ao reconhecimento como a empresa que mais respeita o cliente em seu setor

A edição de 2021 do Prêmio Respeito – iniciativa que há 19 anos avalia o respeito ao cliente nos mais diversos setores nas relações com seus consumidores – nunca foi tão cercada de expectativas, afinal, jamais em toda a história das relações comerciais, foi necessária tanta resiliência. No cenário em que a instabilidade econômica e a crise sanitária fizeram a população e grandes investidores repensarem intenções financeiras, a honraria recebida nesta edição pelo Banco Safra, na categoria ‘Bancos de Grande Porte’, ganha importância ainda maior.

Nas palavras de Joaquim Levy, diretor de Estratégia Econômica e Relações com o Mercado do Safra, o reconhecimento é resultado do respeito que norteia as atividades da companhia centenária: “Respeito faz parte da genética do Safra que, há 180 anos, detém o pioneirismo no mercado das finanças, tanto no Brasil, quanto em muitos outros países. Nosso objetivo é dar opções para o cliente, mas, antes de tudo, prestar um trabalho de curadoria com visão 360º, baseado em experiência de ponta e muita tecnologia”.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Demonstração de respeito ao cliente

Dentre as práticas que agora se refletem na conquista, estão alguns produtos e serviços oferecidos pela instituição que entregam, inclusive, valores mais competitivos para o cliente final. O executivo chama a atenção para a linha biotech da empresa.

“Exemplos interessantes são os produtos calibrados para maximizar o acesso seguro dos nossos clientes a novos mercados, a exemplo dos de biotecnologia. Nesses Certificados de Operação Estruturada (COE) usamos toda a habilidade e alcance da nossa tesouraria para chegar ao menor custo para o investidor, entregando objetivos claros de rendimento e ainda proteção do capital investido”, compartilha.

Entre os COEs de maior sucesso no ano de 2021 em biotecnologia está o produto do Safra que trouxe os melhores nomes globais na área de energia limpa, com uma carteira global de destaque em renováveis. “Foi um trabalho muito preciso para chegar a resultados extraordinários”, comemora.

O executivo avalia que o trabalho com foco na orientação das famílias no que tange à educação sobre investimento de patrimônio, foi também um fator decisivo para o alcance do prêmio.

“Disponibilizamos representantes do banco para escolherem a melhor combinação de produtos e papéis para atender a situação de cada família, sem diferenciar se eles são geridos pelo Safra ou por outra casa. A seleção é feita com total independência, respeitando os objetivos e características do nosso cliente”, avalia.

Tecnologia e assistência

No período em que a economia não parou de vez justamente devido aos avanços da tecnologia, o Safra também precisou acelerar o processo de aplicação de novas soluções para que o respeito fosse, de fato, a égide do relacionamento com seus consumidores.

“Nós temos ampliado muito nossas ofertas digitais com a adesão de novos canais de contato, sem distinção de público. Desde o cliente de alta renda, que pode administrar tudo a partir do seu celular, até o pequeno empresário, que tem no Safrapay uma plataforma para resolver suas necessidades de venda, liquidez, crédito, e até investimento de receita. Isso envolve também um trabalho de Analytics para que possamos nos antecipar às demandas do cliente, de todos os níveis de renda”, explica.

Portfólio de investimentos

No menu de novas propostas oferecidas pela multinacional também se destaca o High Net – grupo para clientes do segmento private lançado no mercado em 2021 para ampliar a gama de produtos e serviços para portfólios de R$ 3 milhões a R$ 15 milhões.

“Essa unidade oferece soluções hiperpersonalizadas com equipes com alto preparo e acesso a algoritmos top para fazer suas escolhas de investimento e mesmo de serviços”, explica Levy.

Aprendizados

O reconhecimento por respeito ao cliente veio seguido de muitas lições ao longo do período que exigiu a adoção de muitas práticas, mesmo às empresas que consideram que o valor central do prêmio, o próprio ‘respeito’, está fincado em suas origens desde o próprio nascimento.

“Já nos primeiros dias em que foi decretado o estado pandêmico, implementamos soluções tecnológicas com velocidade e ainda encontramos espaço para avançar em áreas de interesse dos nossos consumidores, tais como o ESG-ASG com fundos sustentáveis ligados ao mercado de carbono e energia limpa. Confirmamos como faz diferença um empenho ainda maior para dar as mãos ao nosso cliente quando ele atravessa um período de turbulência, trabalhando para trazer os instrumentos mais adequados”, finaliza.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente


+ Notícias

Banco Bmg é destaque no setor financeiro e se consagra pelo respeito no atendimento aos clientes

Congelamento dos preços: o caminho do Carrefour para demonstrar respeito ao cliente

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]