Pesquisar
Close this search box.
/
/
Agenda ESG na moda e a democratização do consumo

Agenda ESG na moda e a democratização do consumo

ESG, moda e consumo: o ideal de se vestir bem agora tem relação com o estilo sem regras ou estereótipos

A moda já foi um segmento popularmente conhecido por perpetuar estereótipos: roupas extremamente caras em modelos magras, combinação praticamente inacessível para grande parte da sociedade.

Fugir desse padrão tantas vezes reforçado por músicas, filmes e livros é interessante. Entretanto, é necessário, além de considerar a representatividade e variedade de corpos, inclusive a da mulher brasileira.

Para pensar fora da caixinha, algumas marcas estão investindo em vertentes que apoiem a sustentabilidade em seus processos produtivos, bem como a democratização do consumo ao ofertar peças que caibam no bolso do consumidor e que vistam bem, seja lá qual for o biotipo. Exemplo disso é a Ashua, marca curve & plus size feminino das Lojas Renner S.A..

Com manequins que vão do 46 ao 54, a proposta de marca da Ashua é oferecer mais estilo e possibilidades ao público-alvo, desenvolvido a partir do diálogo constante com as clientes.

“Desde a construção da marca até os dias de hoje, seguimos em diálogo constante com as clientes em todos os canais de contato, seja a loja física, e-commerce ou redes sociais. São as consumidoras no centro da nossa tomada de decisão (customer centric). Desta forma, a Ashua contribui para o processo de democratização da moda, inspirando e incentivando as mulheres a se aceitarem e explorarem a sua beleza, sem regras”, afirma a companhia.

“Entregamos peças com muita informação de moda, qualidade e preços competitivos, estando sempre próximo da cliente, ouvindo e entendendo o que ela quer, para proporcionar a melhor experiência de compra”, completa.

Leia mais: Como é a experiência de compra do Macho Moda?

ESG e moda

Outro aspecto que está inerente à moda são a educação financeira e os princípios de ESG (environmental, social and corporate governances). No que diz respeito ao segundo elemento da sigla, a Ashua foca na representação da diversidade de corpos e atua em diversos projetos já existentes de sua organização central, as Lojas Renner S.A..

Uma das iniciativas mais recentes é fomento da cultura do consumo consciente com sua participação na coleção cápsula Re Jeans, que trouxe peças jeans feitas a partir de diferentes matérias-primas ou processos de menor impacto, lançada em 2018 e com uma segunda edição em 2021. Para 2022, está prevista nova coleção cápsula Re Jeans.

Além disso, a Ashua disponibiliza peças com o selo Re – Moda Responsável, confeccionadas com matérias-primas, como algodão e viscose responsáveis, fio reciclado, além de processos produtivos com menor uso de água. O Selo Re simboliza o jeito de pensar e praticar a sustentabilidade, identificando as ações afirmativas nesse sentido.

A marca curve & plus size feminino também foi uma peça-chave no projeto da Lojas Renner S.A. que utilizou inovação e tecnologia 3D para o desenvolvimento de manequins físicos projetados a partir do escaneamento de corpos reais. A fase de testes do projeto foi totalmente realizada com um manequim projetado para a Ashua e hoje a marca conta com manequins físicos (2 tamanhos médios) que representam a cópia fiel de um corpo humano, com suas nuances e pequenos detalhes.

As peças já estão homologadas e disponíveis para a cadeia de fornecimento da Ashua e o objetivo é produzir e entregar roupas mais ergonômicas e fiéis ao biotipo das clientes da marca, respeitando a diversidade.

Os manequins representam o refinamento de um trabalho que já é realizado há mais de três anos voltado à pesquisa e ao estudo dos corpos brasileiros – discussão que a Lojas Renner vem, inclusive, liderando no mercado varejista de moda. “Todo esse caminho que a companhia está percorrendo para aperfeiçoar ainda mais o processo de modelagem de suas roupas faz parte de um contínuo investimento para a melhoria da experiência do cliente em todos os pontos de contato. Essa iniciativa contribui para dar ainda mais segurança ao consumidor no momento de realizar suas compras pelos canais on-line”, explica a organização.

Ou seja, ao selecionar o tamanho de uma peça no e-commerce, será possível ter uma dimensão condizente com a realidade de como será o caimento no corpo.

O projeto é uma das entregas do hub de moda digital criado pela Lojas Renner e formado por um time multidisciplinar, com o objetivo de aprimorar a experiência do consumidor através da tecnologia 3D, transformando e preparando o negócio para o futuro.

Moda e expectativas para 2022

Atualmente, a comercialização da moda é omnichannel, tanto que a Ashua conta com nove lojas próprias, distribuídas em três estados brasileiros (São Paulo, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro) e 14 corners, espaços dedicados dentro de lojas da Renner em sete estados (Alagoas, Distrito Federal, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo), nos quais as clientes podem conferir os produtos da marca, em coleções cápsula.
Além disso, possui e-commerce, outros canais de vendas digitais e está presente nos marketplaces de grandes varejistas a fim de atender a todas as praças.

“Para este ano, a rede pretende consolidar cada vez mais sua presença e atuação de mercado, assim como ampliar o número de unidades físicas (previsão de cinco), fazer parte de outros marketplaces e compor iniciativas semelhantes ao Trama Lab, espaço no Shopping Villalobos, em São Paulo, que traz inovação e experiência a partir de uma trama de marcas que estão movimentando o mercado online & offline. A marca é uma das integrantes do Trama Lab desde janeiro de 2022”, finaliza as Lojas Renner S.A..

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente 


+ Notícias

A ascensão de uma nova agenda social e sua conexão com os varejistas 

Concorrência no e-commerce: 6 tendências que players do mercado estão apostando 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]