Pesquisar
Close this search box.
/
/
Além dos clássicos: empresas buscam investimentos alternativos para crescimento

Além dos clássicos: empresas buscam investimentos alternativos para crescimento

Novas culturas, conhecimentos e agilidade são alguns dos fatores que levam empresas a buscar alternativas para investimentos

Há uma tendência nas apostas de crescimento de grandes negócios: a busca por novidades. Em um cenário no qual fusões e aquisições em escala dominavam, as companhias agora buscam investimentos alternativos. Um relatório de M&A da Bain & Company mostrou que houve um crescimento de parcerias e CVC (capital de risco alternativo, fundo destinado por empresas para investir em startups externas).

O relatório analisou 15 movimentações de empresas de bens de consumo em 2022, e notou um aumento nessas transações. Embora 40% dos resultados estejam aquém das expectativas, a projeção e de crescimento ou estabilidade de CVC e parcerias até 2026.

Por que usar investimentos alternativos?

De acordo com a Bain & Company, o crescimento de negócios alternativos tem a ver com um cenário macroeconômico e funcionam como possibilidades de crescimento. Alguns desses fatos:

  • Ambiente antitruste: diversas legislações dificultam e atração a fusão de empresas. Isso é mais acentuado em empresas grandes e setores de bens de consumo.
  • Agilidade e praticidade: o CVC não envolve investimentos massivos e nem grandes e complicados processos clássicos. Isso potencializa o crescimento rápido e simplificado das empresas.
  • Familiaridade: acordos comerciais alternativos dão às empresas um “gostinho” de como futuros aportes e fusões podem se desenrolar, pois as equipes têm oportunidade de se conhecer e o aporte de capital pode até diminuir.

Quais tipos de investimentos alternativos crescem hoje?

Fusões e aquisições tradicionais, assim como parcerias clássicas para construção de mercados, ainda são bastante comuns. Mas as novas práticas abrem portas e dão novas ideias.

O CVC, por exemplo, é bastante usado para manejar as empresas em cenário digital, pois permite uma rápida e completa imersão no mundo conectado, acompanhando tendências que de outra forma seriam mais demoradas para serem aplicadas. Como há mudança rápida e constante no mundo digital, é importante entender essa evolução enquanto ela acontece, e novas empresas ajudam nessa missão. Já joint ventures e alianças ajudam a ver um cenário mais amplo, e desenvolver mais rapidamente questões ambientais, sociais, legislativas e governança corporativa.

Hoje, diversas grandes empresas têm um manual de fusões e aquisições adaptado para garantir uma boa estratégia de negócios em CVC e joint ventures a partir das necessidades do próprio negócio. Achando a empresa certa para um aporte, ainda há processos de aprendizado, integração corporativa e ênfase em novas culturas empresariais.

O que pode dar errado em investimentos alternativos?

O relatório da Bain mostrou que quatro entre dez investimentos CVC em empresas de produtos de consumo não atendem ou não superam as expectativas. Questionados, os executivos apontaram alguns pontos principais para o entrave

Uma grande questão é falta de comprometimento de algumas partes administrativas. Muitas vezes, líderes sêniores não levam a parceria a sério, e acabam não transmitindo para a equipe os potenciais e a estratégia por trás da decisão. Outro fator é a importância de definir uma governança clara e ter pessoas específicas responsáveis pelas tomadas de decisões. Isso muitas vezes é dificultado pela falta de coordenações regionais: as legislações e regulações de cada local não são articuladas de modo global. No caso de divisão clara, haveria aceleração de tomadas de decisões e engajamento, gerando agilidade e segurança.

Existem também fatores sociais e de estratégia. O relatório mostrou como, em 45% dos casos, houve o problema de adequação cultural. Embora haja uma junção de empresas, não há um ajuste cultural e nem esforços de união de pessoal. Além disso, a falta de métodos claros de métricas de desempenho e crescimento afetam quase metade das empresas. É preciso ter noções sólidas e concretas do que se espera pela parceria.

Em suma, é importante para as empresas abrir as portas para o novo. Assim, há mais chances de engajamento em novas tendências e negócios, e maiores oportunidades de crescimento em novas tendências. Isso fortalece estratégias e ações, o que pode gerar uma vantagem em cima de empresas concorrentes.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]