Pesquisar
Close this search box.
/
/
O design é parte da estratégia da Accor

O design é parte da estratégia da Accor

Em um processo de abandono de padrões, a rede de hotéis considera o design um elemento essencial para a experiência do cliente

Durante a maior parte da história da hotelaria, a busca por um padrão era natural. Unidades da mesma rede não deveriam ser diferentes – e nem havia motivos para duvidar do status quo. Contudo, as transformações no comportamento do consumidor provocaram o mercado, convidando as empresas a mudarem suas perspectivas.

A Accor, hoje com quase 40 marcas, decidiu estar à frente desse processo e mergulhou no que chama de “desotelização”. Na prática, significa que os hotéis precisam ser também espaços de convivência e integração, especialmente por meio de ambientes como bares, restaurantes e até mesmo coworkings. E um dos principais elementos utilizados nesse processo é o design, como conta Paulo Mancio, SVP de Design & Implantação Accor América do Sul.

“Percebemos, há aproximadamente cinco anos, que o design é um agente transformador, e precisávamos fazer com que nossos hotéis fossem mais do que prédios, mas ambientes equipados que oferecem experiências”, diz. A regionalização dos hotéis foi uma etapa importante nesse processo. Como conta o executivo, os projetos passaram a ser desenvolvidos por arquitetos locais, de acordo com o país e cidade em que seria construído um novo hotel da Accor.

Um novo modelo

A unidade da marca Fairmont, recém lançada na cidade do Rio de janeiro, expressa muito bem ao que Mancio se refere quando fala sobre regionalização. O hotel, que fica em frente ao Forte de Copacabana, reúne diversos elementos cariocas, não só nos aspectos técnicos, mas também funcionais.

Ou seja, tanto o turista quanto o executivo que viaja ao Rio de Janeiro à trabalho pode se sentir em casa no Fairmont Rio de Janeiro Copacabana. “Um dos pontos mais importantes que trouxemos nesse design foi o piso, que é como uma continuação do calçadão de Copacabana e promove a ideia de quebra de barreiras”, diz. “O design, de forma sutil ou acentuada, manifesta o desejo de promover a inclusão das pessoas”.

Outro exemplo dentro desse propósito é a disponibilização de duas piscinas. Uma delas fica mais escondida pelo prédio e, portanto, é mais discreta, enquanto a outra é voltada para a praia e tem borda infinita.

Multifuncional

Todo esse cuidado está dedicado ao fato de que os clientes da Accor não são apenas hóspedes. Hoje, há uma grande quantidade de pessoas que aproveita o ambiente do hotel para realizar reuniões, encontros, happy hours, etc. E esse público também é extremamente bem-vindo pela Accor.

Como exemplo da transformação que ocorre diante dessa mudança de comportamento, Mancio cita que a entrada do hotel Pullman São Paulo Vila Olímpia tem primeiro um acesso para o bar e, depois, a recepção. “A compreensão e a valorização do design estão amadurecendo no Brasil”, afirma. “Os consumidores estão aprendendo a apreciar, curtir e até mesmo aprendendo sobre o assunto”.

Outro ótimo exemplo é o hotel ibis São Paulo Barra Funda, primeiro hotel de São Paulo que conta com um dos novos conceitos da marca ibis, o chamado PLAZA, desenvolvido pelo escritório de arquitetura brasileiro, FGMF, em meio a um concurso mundial, promovido pela Accor. Em um mesmo lugar, os clientes podem ouvir música, encontrar amigos, apreciar um drinque e desfrutar de uma simples e saborosa gastronomia, pois o lobbie está ainda mais aberto e o hotel conta com um Pizza Bar logo na sua entrada, chamado Sponta, com deliciosas pizzas de forno e chopp.

A demanda era atender o novo conceito de ibis, ou seja, ter espaços criativos, ambientes diferentes em cada hotel, quartos com capacidade para até seis pessoas, restaurantes e bares. A partir desta necessidade, realizamos uma concorrência com escritórios do mundo inteiro e tivemos três projetos selecionados: o apresentado pelo brasileiro FGMF, o do tailandês Soda e o do austríaco Innocad. Esses escritórios desenharam ambientes criativos e funcionais, de acordo com aquilo que a marca deseja.

Agora, o investidor de um ibis em qualquer lugar do mundo poderá escolher entre quatro designs diferentes: os três novos e o tradicional, que já existe em nossos hotéis. Por exemplo, um ibis na Alemanha pode escolher o design brasileiro para o seu projeto de decoração. Deixamos de ser uma marca padronizada para ser flexível, onde o objetivo é um só: proporcionar uma experiência surpreendente para nossos clientes.

Um mundo melhor

Apesar de não despertar uma associação automática, existe um outro elemento que está conectado ao design e que é uma preocupação da Accor: a sustentabilidade. Sempre que é feito um projeto de um novo hotel, são consideradas medidas de sustentabilidade e soluções de sistemas capazes de recuperar e reduzir os impactos ao meio ambiente.

No caso da cidade do Rio de Janeiro, por exemplo, são usadas as melhores tecnologias para que o uso de ar condicionado gaste o mínimo de energia. Além disso, são adotados métodos como uso de painéis solares, aproveitamento de águas pluviais, uso de lâmpadas econômicas e de materiais renováveis.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]