Pesquisar
Close this search box.
/
/
Como a adoção de bots otimiza a experiência do cliente do Habib’s

Como a adoção de bots otimiza a experiência do cliente do Habib’s

Em parceria com a Voxline, varejista adotou assistentes virtuais para o canal de voz e para o WhatsApp, o que resultou em alta significativa dos indicadores de experiência do cliente

A busca pela modernização da experiência do cliente é um esforço de empresas de todos os segmentos, dos mais variados tamanhos e segmentos. Um exemplo dessa movimentação foi apresentado pelo Habib’s durante o Conarec 2021. “Somos a maior rede de fast food genuinamente brasileira e temos a missão de democratizar e tornar acessível a alimentação rápida”, destaca Italamara de Castro, superintendente de atendimento da marca, para iniciar a apresentação.

Com mais de 30 anos de atuação, a varejista hoje vive um momento de transformação em seu atendimento, ancorado no universo digital. O que torna a adaptação possível é a parceria com a empresa Voxline, atualmente responsável por toda a infraestrutura tecnológica. “Estamos em linha com as tendências do mercado para proporcionar as melhores experiências e facilidades para os pedidos e atendimento”, explica Alisson Baggio, diretor de TI da empresa.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

A empresa desenvolveu seu próprio agente virtual, o AVVI (agente virtual do Voxline inteligente), fundamental hoje na operação do Habib’s. “Temos um motor de reconhecimento que compreende todo o cardápio, que possui mais de 600 produtos. Nosso banco de dados tem mais de quatro mil áudios distintos, que facilitam a interação com todos os clientes do Brasil, onde cada estado tem uma semântica diferente”, conta Baggio.

Para que o processo de implementação da tecnologia no atendimento fosse possível, inicialmente foram analisados todos os desafios da rotina da varejista. Por se tratar de um modelo alimentício, os pontos de atenção encontrados foram forte concentração de demanda em almoço, jantar e dias específicos, cardápio variado, além da preocupação com a reversão de vendas. O assistente virtual precisa, por exemplo, ofertar acompanhamentos – bebidas e sobremesas. A adoção dos bots de atendimento para WhatsApp e atendimento telefônico aconteceu primeiramente para o canal de vendas e, em seguida, passou para o SAC.

Venda inteligente

O processo de vendas que o robô segue é baseado no roteiro de vendas do atendimento humano e procura levar a mesma fluidez. Tanto no canal de voz como WhatsApp, o bot faz a identificação do cliente e seu endereço de entrega, oferece o cardápio, aguarda o cliente escolher o produto, oferece ofertas e por fim oferece a forma de pagamento, enviando o pedido diretamente para a loja.

Desde a implementação da ferramenta em 2019, o nível de serviço em horários de alto fluxo teve uma melhora de 40%. ‘’Isso representa que o cliente não fica esperando para ser atendido, já que o assistente e o WhatsApp suprem essa demanda concentrada”, detalha Nelson Junior, diretor de inovação da Voxline.

No processo de reversão de venda, essas ferramentas tiveram evolução no indicador de resultados – entre 2019 e 2021, houve alta de 71% de evolução no atendimento. O ticket médio também cresceu no período, registrando alta de 26%.

O processo de evolução dos indicadores é acompanhado por uma área chamada Curadoria. As interações do agente virtual precisam ser acompanhadas constantemente, por isso a área existe para aprimorar a relação do robô em toda a experiência do cliente. O setor analisa a performance do bot, detecta possíveis erros para correção, cria ajustes para novos processos de venda, além de realizar pesquisas com o cliente final para entender a satisfação com essas interações. “É importante acompanhar porque o cliente pode ter feito todo o processo de atendimento, concluído a venda, mas não necessariamente teve uma boa percepção. Não adianta olhar apenas para o ticket médio, precisa entender se o cliente gostou da interação”, explica Junior.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Adaptação para o atendimento

A mesma aplicação tecnológica que ocorreu no canal de vendas também foi adaptada para o atendimento do SAC. “Procuramos oferecer inovação e queríamos uma experiência digital, colocando o cliente no centro, garantindo o bom atendimento”, explica Italamara de Castro.

Para a aplicação, a empresa percebeu que os desafios no SAC são os mesmos desafios das vendas. Existe uma concentração de demanda muito forte em determinados horários por se tratar de alimentação, o que traz o desafio de, mesmo no pico do atendimento, ter bons indicadores e serviços aos clientes. Assim, o foco é reduzir o tempo de espera e o abandono do pedido.

“Mapeamos todos os processos para organizar e automatizar o atendimento. O assistente pede o CPF para poder tratar o cliente pelo nome, faz a oferta, analisa o pedido e envia a demanda do cliente para o sistema, assim fazemos a gestão do resultado da experiência do cliente e reportamos para a loja”, conta a executiva.

O mesmo processo de chat para pedido de refeição acontece com o atendimento via WhatsApp. O robô dá as opções para saber em que canal teve um problema e durante a interação dá a opção de um voucher de bonificação, por exemplo. Se o cliente escolhe o voucher, o assistente automaticamente debita o crédito no app para o consumidor. Ao final, ele questiona a satisfação com o atendimento e todas as interações ficam registradas para controle da companhia.

A grande preocupação era como envolver o restaurante na resolução dos problemas. Tudo é feito de forma automática, tanto pelo agente no WhatsApp como pela AVVI, e todas as informações fluem em tempo real para a loja. O processo tecnológico foi acelerado nos últimos anos. Em 2019, a empresa tinha apenas 4,8% de automação, hoje tem 58% de automação.

A área de Curadoria também atua no atendimento ao cliente. “Estamos diariamente acompanhamento a performance desse bot, detectando erros, tomando medidas necessárias e alinhando todos os fluxos necessários. Nossa política é focada na resolução e satisfação dos clientes”, finaliza a superintendente.

 


+ Notícias

Bancos tradicionais estão perdendo espaço nas transferências online, mostra estudo

Como o setor de telefonia trabalha o valor do respeito ao cliente?

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]