Pesquisar
Close this search box.
/
/
Ainda dá tempo: sua loja está preparada para a Black Friday?

Ainda dá tempo: sua loja está preparada para a Black Friday?

Cielo elenca pontos essenciais para atingir os melhores resultados na Black Friday, uma das épocas mais movimentadas do varejo

A proximidade da Black Friday, uma das datas comemorativas mais importantes para o varejo brasileiro – que compete até mesmo com o Natal e Dia das Mães – traz muitas dúvidas aos lojistas em relação às suas operações.

Durante a Black Friday de 2021, de acordo com o ICVA (Índice Cielo de Varejo Expandido), as vendas do varejo cresceram 6,9% em relação a igual período de 2020. O e-commerce registrou alta de 16,4%. Já as vendas nas lojas físicas tiveram expansão de 4,0% na mesma comparação.

Mas toda essa movimentação não é totalmente benéfica para as marcas. Segundo alguns sites especializados, houve muita insatisfação com as compras na Black Friday de 2021.

No ano passado foi batido o recorde de reclamações na internet 5 horas antes do fim do período de ofertas. As principais motivações para reclamações foram relacionadas ao prazo de entrega e propaganda enganosa.

Como elevar a confiança dos consumidores na Black Friday

Pensando na preocupação que deve existir com toda a experiência do cliente nesse período, Paulo Naliato, vice-presidente Comercial de Varejo e Empreendedores e Operações da Cielo, empresa de tecnologia e serviços de pagamentos eletrônicos, elenca pontos que são fundamentais e não devem ser deixados de lado por lojistas que querem elevar a confiança dos seus consumidores durante a Black Friday.

1 – Aproveite o senso de urgência dos clientes

Os clientes que compram durante a Black Friday estão esperando promoções que estarão disponíveis por tempo limitado. Por isso, o ideal é despertar o senso de urgência do cliente.

“Tanto em lojas físicas quanto nos sites, recomendamos o uso de ofertas-relâmpago, contagens regressivas para o fim das promoções e do Google Analytics para saber quais são os produtos que estão em alta durante o período”, comenta Naliato.

Para ele, essas são algumas ações táticas para promover as compras por impulso que irão fazer com que os consumidores adquiram mais itens e/ou comprem em uma maior quantidade.

2 – Entenda o perfil da data

A Black Friday é próxima do Natal tanto na questão de volume de vendas, quanto no calendário, mas os perfis de consumo das datas são diferentes.

“Enquanto durante o Natal grande parte das compras são feitas para presentear a família e os amigos, os consumidores durante a Black Friday têm o perfil de comprar para eles mesmos”, contextualiza o VP.

A diferença entre os perfis de consumo nas datas faz com que a Black Friday seja um momento especial para fazer promoções de itens pessoais. Segundo levantamentos da Cielo, objetos de casa e decoração, além de produtos de alto valor agregado, também fazem sucesso nessa época.

3 – Atender às expectativas do cliente pode impulsionar as vendas durante o final do ano

Se planejar da maneira adequada para uma das datas mais marcantes do varejo pode não só impulsionar um mês próspero, mas também prospectar novas vendas para o final do ano, inclusive o Natal.

“Se concentrar na experiência do cliente, oferecer clube de benefícios ou programas de fidelidade são algumas formas de colocar essa dica em prática”, complementa Naliato.

4 – Prepare todas as partes do processo de venda previamente

Conforme citado anteriormente, a última Black Friday registrou problemas com serviços de entrega e na veracidade das promoções. “Após a data comercial, a sua marca continuará no mercado. Por isso, é importante tomar todos os cuidados necessários para que o alto volume de vendas não saia pela ‘culatra’ e acabe manchando a imagem da empresa”, reforça Naliato.

Ele recomenda a revisão de processos, fornecedores, responsáveis pela entrega e a certificação de que todos estão na mesma página. “Na hora do pagamento, ofereça segurança ao comprador e diversifique os meios de pagamento. Esse fator fará diferença para vender mais”, diz.

5 – A Black Friday não acontece somente na sexta-feira

Busque oferecer promoções por períodos mais extensos do que somente a data oficial da Black Friday. “Já existem empresas que transformaram a data em Black November, prolongando as promoções para além da semana em que ocorre a data comercial”, explica Naliato.

Ele comenta que uma maneira de explorar isso é oferecer promoções em alguns itens logo no começo do mês, para permitir que a marca se associe à memória dos consumidores desde o início e, assim, se fortaleça mais ainda para a data principal.

Vale ressaltar que para o mês da Black Friday, a Cielo produziu outras dicas que podem ser encontradas em diversas plataformas Cielo. O videocast “Da Conversa à Ação” é um deles e traz uma análise com líderes sobre como colocar ideias e estratégias na prática.


Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]