Pesquisar
Close this search box.
/
/
Conheça 7 tecnologias emergentes e porque você deve ficar de olho nelas

Conheça 7 tecnologias emergentes e porque você deve ficar de olho nelas

As tecnologias emergentes devem transformar os ambientes de negócios no Brasil nos próximos cinco a 10 anos. É hora de saber quais são e se antecipar

Quais novas tecnologias a sua empresa tem se preparado para adotar em até 10 anos? Se a sua resposta demorar mais do que alguns minutos para vir a sua cabeça, esqueça. Precisamos falar das tecnologias emergentes, as que terão forte impacto na economia do futuro, mas que ainda não se consolidaram hoje no mercado.
No Brasil espera-se que sete tendências ganhem forças nos próximos anos impulsionadas por startups que usam tecnologias de inteligência artificial, realidade virtual e aumentada, big data e analytics, blockchain, smart cities, drones e Internet das Coisas (IoT).
A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!

Cenário atual

Levantamento feito pela Liga Ventures chamado de Liga Insights Emerging Technologie mostrou como o País está se preparando para a adoção dessas novas tecnologias. Segundo o estudo, hoje é 193 startups brasileiras trabalhando com alguma dessas tecnologias.
Ainda conforme o levantamento, metade dessas startups surgiram nos últimos sete anos, impulsionada pelo amadurecimento da tecnologia no mundo.
Quando separadas por região, São Paulo continua sendo o hub, concentrando 48% dessas startups, seguido de Minas Gerais (14%) e Santa Catarina (10%), todas elas possui um ecossistema que ajuda as startups a se desenvolverem como investimentos, mão de obra e laboratórios de ponta.
Arte: Fernanda Pelinzon / Grupo Padrão
Conheça quais tipos de startups devem decolar nos próximos anos:

1. Inteligência artificial (AI), Machine Learning, Deep Learning e Chatbots

Startups que utilizam soluções com computação cognitiva para dados e informações vão ser as mais requisitadas. Elas ajudarão as empresas a identificar e processar padrões, imagens, além de reconhecimento de fala, movimentos, linguagens, conversas entre outros.

2. Realidade Aumentada (AR) e Realidade Virtual (VR)

Se você acha que está difícil separar o mundo físico do online, não imagina o que acontecerá nos próximos anos.
Quando as tecnologias de realidade aumentada e virtual estiverem mais maduras, startups que desenvolvem soluções e equipamentos que permitem interatividades entre os dois mundos por meio de tecnologias de projeções vão conquistar o mercado.
Elas vão ajudar as empresas a ampliar, criar ou reproduzir a sensação de realidade em tempo real.

3. Big Data e Analytics

As startups de coleta e análise de dados já são muito usadas pelas empresas, mas o potencial delas está longe do fim. Com suas plataformas e soluções, vão ajudar as companhias a reunirem, organizarem e estruturarem grande volume de dados. Com isso, será possível tomar decisões mais assertivas e muito menos tempo.

4. Blockchain

A tecnologia por trás das criptomoedas, o blockchain é uma das principais apostas revolucionárias para os mercados. Com um sistema todo inovador e aberto, a plataforma tem protocolos de confiança, segurança, certificação e validação de transações ou processos que ainda são pouco usados. Além, é claro, das criptomoedas que também ainda não decolaram.

5. Cleantechs e Smart Cities

Você já ouviu falar nas Cleantechs? São startups com produtos e serviços desenvolvidos com o objetivo de melhorar a produtividade, performance, operação e eficiência, enquanto reduzem custos, facilitam processos, diminuem desperdícios, tudo isso de forma sustentável.
É nesse cenário que também surgem as startups de smart cities, com aplicações para melhorar as cidades de maneira inteligente e conectada.

6. Drones e VANTs

As startups mais procuradas no futuro próximo também estão olhando para o céu. Elas oferecem sistemas que usam Drones e VANTs para mapeamento, fabricação de equipamentos, inteligência espacial ou de educação na área.

7. Internet das Coisas (IoT)

Entre as tecnologias mais esperadas está a Internet das Coisas que irá conectar objetos para conversar entre si sem a interferência de humanos. As startups que apresentam soluções com conectividade de objetos com a internet, cuja tecnologia embarcada coleta e transmite dados é atualmente a preferida das startups brasileiras.
O estudo da Liga Ventures afirma que já existem 48 startups maduras que tratam exclusivamente da tecnologia no Brasil.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]