Pesquisar
Close this search box.
/
/
O WhatsApp será o novo e-mail – e isso é ruim para o consumidor

O WhatsApp será o novo e-mail – e isso é ruim para o consumidor

Há quem acredite que o WhatsApp terá um destino muito parecido com o e-mail. Entenda o motivo

Não importa o tipo de empresa: hoje, praticamente qualquer negócio, mesmo a padaria do bairro, já utiliza o WhatsApp em uma relação de consumo.

Um estudo feito pela Fundação Getúlio Vargas em parceria com o Sebrae aponta que 70% dos pequenos negócios usam serviços de mensageria, como o WhatsApp, o Facebook e o Instagram para vender. Outros estudos sugerem um número ainda maior de empresas, principalmente após o efeito da pandemia nas relações de consumo.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Além do crescimento do consumo digital, o aumento se justifica também pelo grande número de brasileiros estarem (e usarem) o WhatsApp. De acordo com recentes dados do Facebook, dona do aplicativo de mensagens, existem hoje mais de 2 bilhões de contas registradas no mundo. O líder entre os países é a Índia com mais de 390 milhões de usuários, seguido do Brasil, com 108 milhões de contas registradas.

“Segundo um estudo no MIT, as empresas que não tiverem estratégias digitais adequadas terão queda de até 24% em seus lucros. Em um segmento de altíssima competividade como o foodservice, essa porcentagem pode representar o sucesso ou fracasso de um negócio. A pandemia fortaleceu o hábito de compra dos consumidores para o delivery, principalmente via app de compra ou whatsapp”, explica Paulo Camargo, Presidente da Divisão Brasil, McDonald’s e presidente do Instituto Foodservice Brasil.

WhatsApp é o novo e-mail

A euforia sobre o WhatsApp é quase inevitável e irresistível no setor. Mas, há quem sempre adote um tom mais conservador e até desconfiado sobre novidades desse tipo.

Uma dessas vozes é  Rodrigo Bandeira Santos, vice-presidente da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (Abcomm), que defende a ideia de que o WhatsApp poderá se transformar em mais uma caixa de e-mail no celular das pessoas, inclusive com todas aquelas mensagens indesejadas – o que pode levar o consumidor a desistir do canal.

“Automatizar os canais de atendimento pelo Whatsapp é interessante, mas ele vai chegar em um ponto de colapso: ou ele vai deixar de ser utilizado ou será usado como uma caixa de e-mails. Nós, inclusive, já vivemos esse caos no Whatsapp. Milhões de mensagens são enviadas pelo canal sem qualquer etiqueta ou normas de comunicação entre empresas e pessoas. É uma enxurrada de mensagens”, defende  Rodrigo Bandeira Santos, vice-presidente da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (Abcomm)

Alguns dados existentes hoje ajudam a corroborar a tese de Santos. Um deles é que o número de mensagens para fins comerciais vem crescendo em um ritmo acelerado. De acordo com pesquisa realizada pela startup WeON, empresa que desenvolve soluções de comunicação omnichannel para contact centers, o volume de mensagens trocadas para fins comerciais no primeiro trimestre de 2021 foi 251% maior que no mesmo período do ano anterior.

Banimento é imenso

Outro dado que preocupa é o número de contas do WhatsApp banidas. De acordo com um recente relatório da própria companhia, a média de contas banidas, sejam elas comerciais ou não, seria de 8 milhões. No entanto, no passado, houve um pico de contas excluídas realmente impressionante: foram 20 milhões entre 15 de maio e 15 de junho de 2021.

Um dos motivos para o banimento está associado justamente a mensagens em grande escala ou algo como o spam.
“Nosso principal foco era prevenir contas de enviar mensagens prejudiciais ou não desejadas em grande escala”, revela o WhatsApp. A empresa explica ainda que mantém “recursos avançados para identificar contas que enviam uma taxa alta ou anormal de mensagens”. Os banimentos se aplicaram também às contas que tentaram cometer esse tipo de abuso.

“Se uma mensagem parecer suspeita ou “boa demais para ser verdade”, não toque ou clique nela, não a compartilhe nem encaminhe. Quando receber esse tipo de mensagem, recomendamos que você denuncie a mensagem, bloqueie o remetente e exclua a mensagem”, alerta a companhia em seu blog.

Assine a nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente


+ Notícias

A miséria dos planos de saúde no Brasil

Atendimento de saúde: o futuro são os planos individuais e digitais?

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]